WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Terca-Feira, 21 de Novembro de 2017
cenoe faculdade madre thais

UESC SEDIA ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA E EXTENSÃO

VI Encontro Nacional de Pesquisa e Extensão (ENPEX). Imagem: Jonildo Glória.

VI Encontro Nacional de Pesquisa e Extensão (ENPEX). Imagem: Jonildo Glória.

No dia 15 de dezembro, a Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) vai sediar o VI Encontro Nacional de Pesquisa e Extensão (ENPEX). Promovido pelo Departamento de Ciências Jurídicas (DCJUR) da universidade, o encontro ocorrerá  no Auditório Jorge Amado e no Pavilhão do Juizado Modelo.

O objetivo do encontro é congregar os resultados de pesquisa e extensão aplicados ao contexto de direitos humanos e fundamentais a partir dos estudos acadêmicos de investigação científica e experiências extensionistas.

As inscrições de trabalho ou de ouvintes podem ser realizadas até o dia 19 de novembro no formulário no site do evento.

O encontro vai ser realizado pelos Grupos de Pesquisa: Direitos Humanos e Fundamentais; Jurisdição Constitucional, Hermenêutica e Democracia; e Vivências Interdisciplinares em Direito Ambiental, o ENPEX é uma ação do Programa Extensionista em Direitos Humanos e Fundamentais (PEX-DCJUR), e tem como público-alvo estudantes, profissionais do Direito e áreas afins.

EDITUS É FINALISTA EM PRÊMIO NACIONAL DE INCENTIVO À LEITURA

Prêmio IPL.

Prêmio IPL.

A editora da UESC (Editus) está entre as finalistas do Prêmio IPL Retratos da Leitura, 2017, na categoria “Cadeia Produtiva”, com o projeto “No caminho tem um livro”, que tem o objetivo de levar mais leitura aos transportes públicos.

Em parceria com a Rota Transportes, a Editus colocou bolsões especiais nos ônibus sentido Itabuna/Salobrinho, Itabuna/Ilhéus e nos que transportam os servidores da instituição, onde as publicações são guardadas. Os passageiros podem ler no caminho ou levar a obra para casa, com a responsabilidade de devolvê-lo.

A professora e diretora da Editus, Rita Virginia Argollo, destaca a importância da nomeação. ”Nós da Editus, e da UESC, nos sentimos honrados com a indicação para um prêmio de tamanha importância, uma vez que traz o reconhecimento para um projeto que segue na linha do que acreditamos, que é a democratização do acesso à leitura, e o fomento à formação de leitores críticos”, completou.

O Prêmio IPL – Retratos da Leitura foi criado pelo Instituto Pró-Livro – IPL, que é uma (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público), com o intuito de fomentar a leitura, na busca por tornar o Brasil um país de leitores e amantes dos livros. 

TRILHA DA HIPOCRISIA

antonio lopes dest

Por Antonio Lopes.

Há um movimento, ainda não de todo explícito, para mudar o nome do Centro de Arte e Cultura Governador Paulo Souto, da UESC – sob a justificativa de que pessoas vivas não podem ter seus nomes em bens públicos. Nada temos contra fazer as coisas de forma legal, muito ao contrário, somos daqueles que não veem, conforme ensinou Rui, salvação fora da lei. Mas é imperioso que a legislação se exerça de forma universal (fazendo todos iguais perante ela), não em modelo seletivo, ao sabor dos interesses do momento.

O ex-governador não impôs seu nome ao Centro de Arte e Cultura. A escolha se deu por decisão do Conselho da Universidade, o mesmo que hoje aprova a retirada. Antes, a homenagem; hoje, a “desomenagem”. O descuido com que se trata este assunto nos leva a ter nomes de pessoas vivas, aqui na região, em ruas, avenidas, escolas e bens públicos em geral. O próprio Paulo Souto é nome de viaduto em Itabuna, o ex-prefeito Jabes Ribeiro nomeia um grupo escolar, o ministro José Cândido de Carvalho Filho tem seu nome numa rua do centro de Ilhéus, o ex-prefeito Ubaldo Dantas é nome de rua em Itabuna, onde há também a Escola Norma Vídero e o viaduto Fernando Gomes. Todas essas pessoas estão vivas e, portanto, em situação de ilegalidade.

Talvez essa trilha de hipocrisia que agora começa nos leve a um caminho sem volta. Não é difícil admitir (pois se trata da letra da lei) que houve equívoco na opção por nomes de pessoas vivas, um vício generalizado entre nós, basta ver a quantidade de bens chamados Luís Eduardo Magalhães, que derrotou até a tradição do Dois de Julho. Mas essa correção seletiva, em que se escolhe um nome e deixam-se os outros, parece injusta e criadora de insegurança: qualquer nome que substitua o de Paulo Souto no Centro de Arte e Cultura hoje, poderá ser trocado amanhã, a depender da direção e velocidade dos ventos partidários. E não nos esqueçamos de que o professor Soane Nazaré de Andrade, sabidamente um baluarte na construção da Universidade, e que nomeia seu campus, está vivo e, assim, é candidato a ser substituído, se a moda pega.

Não precisamos gostar de Paulo Souto (e dos referidos José Cândido de Carvalho Filho, Ubaldo Dantas, Norma Vídero, Fernando Gomes e Soane Nazaré, citando apenas alguns homenageados vivos) para saber que a contestação de seus nomes, se se pretende honesta, deveria ter sido feita preventivamente. Fazê-lo agora, com a decisão já aprovada pelo tempo, é atitude oportunista, violenta e desrespeitosa. Homenagem não se anula – salvo o caso raríssimo de um comportamento absolutamente indigno do homenageado, o que sequer se cogita no presente caso.

Antônio Lopes é jornalista.

UNIVERSIDADES ESTADUAIS DA BAHIA APROVAM INDICATIVO DE GREVE

Indicativo de greve nas Universidades Estaduais da Bahia. Imagem: Divulgação.

Indicativo de greve nas Universidades Estaduais da Bahia. Imagem: Divulgação.

Da Adusc.

Com união e disposição para a luta, os docentes da Uefs, Uneb, Uesc e Uesb deliberam em assembleias a aprovação do indicativo de greve e novas ações de radicalização do Movimento Docente (MD). O avanço do movimento paredista demonstra a disposição da categoria para lutar pela defesa dos direitos trabalhista, da educação pública e é uma resposta ao descaso do governo Rui Costa (PT).

A pauta de reivindicações do MD foi protocolada nas instâncias governamentais desde o dia 19 de dezembro de 2017. Há mais de dez meses o Governo do Estado não apresenta nenhuma resposta efetiva que resolva, de fato, os problemas das Universidades Estaduais da Bahia (Ueba). Diante da inflexibilidade e ausência de diálogo, o Fórum das ADs apontou pautar o indicativo de greve nas seções sindicais desde o mês de julho. Veja na íntegra.

Direitos trabalhistas ameaçados

No âmbito dos direitos trabalhistas os ataques são muitos. Há dois anos, o governo não faz a reposição inflacionária do funcionalismo público, o que resulta numa perda salarial de quase 20%. Significa dizer que professoras e professores deixam de receber por ano o valor equivalente a dois meses de salário. A luta dos docentes é pela recomposição salarial de 30,5%.

Além da perda salarial, a não garantia das promoções, progressões e mudanças de regime de trabalho também são uma realidade no cenário de retirada de direitos. Somada a situação das quatro universidades, 303 professores não tiveram seus processos de promoção atendidos e 140 ainda estão na fila de mudança de regime. O governo ainda ataca outros direitos como a insalubridade, licença sabática, programas como o Planserv e a aposentadoria integral através do Prevbahia.

Crise orçamentária nas UEBA

A educação superior baiana também enfrenta uma crise orçamentária em função da política de cortes do Governo do Estado. Atualmente apenas 5% da Receita Líquida de Impostos (RLI) é destinada às Ueba, o que é insuficiente para a infraestrutura necessária para ensino, pesquisa e extensão. Além dos recursos insuficientes, as universidades ainda acumulam um corte de 73 milhões desde 2013. A reivindicação é o aumento para 7% da RLI.

(mais…)

UESC PROMOVE PALESTRA SOBRE PREVENÇÃO DE INCÊNDIOS

Convite NIT.

Convite NIT.

Nessa sexta-feira (20), o Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT) da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) promove a palestra “Uso da Internet das Coisas (loT) para Prevenção de Incêndios”. O evento ocorre no 2º andar do Pavilhão Adonias Filho, na Sala 2202, a partir das 9 horas.

O tema da palestra é “O uso da internet das coisas no sistema de monitoramento, detecção de fumaça, alarme e supressão de incêndio nas salas de tecnologia dos jogos Olímpicos Rio 2016”.

O palestrante convidado é o diretor executivo da Bonpet Brasil, Péricles Mattos, que tem grande experiência no mundo do empreendedorismo. A inscrição é gratuita e pode ser realizada por meio deste formulário.

PROFUNDANÇAS REALIZA RODA DE CONVERSA NA UESC

Mulheres promovem roda de conversa na UESC. Imagem: Divulgação.

Mulheres promovem roda de conversa na UESC. Imagem: Divulgação.

Nessa sexta-feira (20), o projeto Profundanças vai realizar uma roda de conversa, “Mulheres em Profundanças”, na Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). O evento é aberto ao público. O encontro vai ocorrer no Pavilhão Max de Menezes das 9 às 22 horas.

Em parceria com a Voo Audiovisual e órgãos da universidade, o projeto Profundanças realiza o evento com o tema “Re-existência de mulheres na literatura e fotografia”. O evento também vai abordar a segunda edição do livro Profundanças.

O objetivo do encontro é promover debates sobre vozes discordantes na literatura contemporânea, desacordos na difusão do trabalho de mulheres escritoras e a necessidade de publicações alternativas ao grande mercado. O público também será prestigiado com recital e leitura pública de textos literários realizados pelas próprias escritoras.

Na UESC, a roda de conversa vai ter a participação de Miriam Alves, Renailda Cazumbá, Daniela Galdino, Ana Lee e Brisa Aziz.

ESTUDANTES DA UESC RECLAMAM DE COMIDA ESTRAGADA

Imagem: DCE UESC.

Imagem: DCE UESC.

Nesse domingo (15), um leitor enviou ao Blog do Gusmão uma mensagem informando que estudantes da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) reclamaram de ter passado mal após almoçar no Restaurante Universitário (RU).

Segundo o informante, mais de 20 pessoas que almoçaram no restaurante da UESC, no sábado (14), passaram mal durante a madrugada. Os sintomas relatados são parecidos em todos os casos: dor abdominal intensa seguida de diarreia.

Na página da instituição no Facebook alunos reclamam dos serviços prestados pelo RU. Em uma das postagens, a aluna afirma estar insatisfeita com o restaurante. “Como se não bastassem as filas imensas, eles nos serviram comida estragada pela segunda vez”, completou.

Não é a primeira vez que alunos reclamam dos serviços prestados pelo restaurante universitário. Relembre aqui.

O Blog do Gusmão entrou em contato nessa manhã (16) com a Pró-Reitoria de Administração da UESC, que o encaminhou para o SUSAU (Sub-gerência de Serviços Auxiliares). Mas o órgão não atendeu. Este espaço fica aberto caso a instituição queira se pronunciar. 

UESC E UFSB DEBATEM APOIO INTERINSTITUCIONAL

Gestoras: Adélia Maria Carvalho de Melo Pinheiro (UESC) e Joana Angélica Guimarães da Luz (UFSB), respectivamente. Imagem: Divulgação.

Gestoras: Adélia Maria Carvalho de Melo Pinheiro (UESC) e Joana Angélica Guimarães da Luz (UFSB), respectivamente. Imagem: Divulgação.

Na última quarta-feira (11), as gestoras da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) e da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) realizaram uma reunião para tratar de projetos de interesse conjunto e em prol da região.

A professora e reitora da UESC, Adélia Maria Carvalho de Melo Pinheiro, recebeu a vice-reitora e professora da USFB, Joana Angélica Guimarães da Luz. Na reunião, abordaram possibilidades de apoio interinstitucional, com ideias que devem ser apropriadas em próximas reuniões.

Em pauta, assuntos como a formação em saúde coletiva, o cenário nacional da educação pública e pontos nos quais as duas universidades podem colaborar. As duas gestoras manifestaram interesses em fortalecer a cooperação entre as duas universidades.

GOVERNO DA BAHIA ANUNCIA NOVO EDITAL DO PROGRAMA “MAIS FUTURO – AUXÍLIO PERMANÊNCIA”

Imagem: Divulgação.

Imagem: Divulgação.

No último dia 4, o Governo do Estado da Bahia anunciou o novo edital do programa “Mais Futuro – auxílio permanência”. O programa tem o intuito de promover a permanência e melhora do desempenho dos estudantes nas universidades estaduais.

O valor da bolsa é de R$ 300 e R$ 600, de acordo com a distância que o aluno mora. Os alunos que se encaixam no perfil poderão receber o auxílio desde o primeiro semestre até completar dois terços do curso, depois os estudantes têm opção e prioridade para ingressar em vagas de estágio em órgãos e secretarias do Governo do Estado.

As inscrições seguem até o dia 3 de novembro, no site do programa.

Para mais informações,  acesse o edital.

UNIVERSIDADES ESTADUAIS DA BAHIA AVANÇAM NO INDICATIVO DE GREVE

Reunião 02 de Outubro de 2017. Imagem: ASCOM/Fórum das ADs.

Reunião 02 de Outubro de 2017. Imagem: ASCOM/Fórum das ADs.

Na última segunda-feira (2), o Fórum das Associações Docentes (ADs) realizou uma reunião ordinária na Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS) para discutir os próximos passos da luta. Os docentes avaliaram a atual situação, apontaram ações de mobilização e indicaram uma paralisação estadual, com atos locais, para o dia 28 de novembro. A proposta vai ser discutida em assembleias e diretorias da ADs.
 
O indicativo de greve já foi aprovado em assembleias da UESB, UESC e UEFS. Na UNEB, a pauta esta marcada para a assembleia prevista para essa segunda-feira (9).
 
A orientação política do Fórum é de fortalecer a pauta estadual e avançar no indicativo de greve. Na agenda desse mês, foram indicadas ações como Ciclos de Seminários Temáticos das Universidades Estadual da Bahia, divulgação em carros de som e rádios, continuidade da campanha de mídia, entre outras atividades.

Calendário do mês de outubro.

Calendário do mês de outubro.

RUI COSTA ASSINA DUPLICAÇÃO DA BR-415

Duplicação da Rodovia Jorge Amado. Imagem: Blog Eduardo Salles.

Duplicação da Rodovia Jorge Amado. Imagem: Blog Eduardo Salles.

Nessa segunda-feira (9), o governador Rui Costa (PT) vai assinar a ordem de serviço para o início das obras de duplicação da BR-415, que liga os municípios de Ilhéus e Itabuna (Rodovia Jorge Amado). O ato ocorre em Itabuna, na área do antigo Posto Cachoeira, localizado no final da Avenida Juracy Magalhães. O ato está marcado para as 9h.

O governador em suas redes sociais convidou a população a participar do ato e garantiu que a duplicação vai ser feita. “A região do cacau vai demonstrar a sua força, a sua autoestima, e dizer bem alto que a Bahia e a região do cacau não ficam de joelhos. Essa duplicação será feita, com ou sem apoio do governo federal porque a Bahia de Jorge Amado, de Castro Alves, de Rui Barbosa, a Bahia de muitos e muitos que escreveram o nome na história como grandes homens, homens que construíram nosso estado, continuará a escrever novas páginas”.

A rodovia é um corredor de exportação e de turismo. Segundo dados do governo estadual, circulam nos dois sentidos da rodovia, 10.270 veículos. A obra vai beneficiar 511 mil habitantes, incluindo a população dos municípios de Una, Canavieiras, Buerarema, Itacaré e Uruçuca.

UESC REALIZA FEIRA DAS PROFISSÕES

Divulgação.

Divulgação.

Entre os dias 25 e 27 de outubro, a Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) vai promover a V Feira das Profissões: Orientações para uma carreira profissional. O objetivo é auxiliar os jovens na escolha por um curso de ensino superior.

O evento proporciona aos estudantes do 3º ano do Ensino Médio da rede pública e privada, conhecer melhor os cursos ofertados com o auxílio de docentes e discentes da instituição.

Na feira, os visitantes vão conhecer os pavilhões, os cursos e as ações de auxilio estudantil da UESC e do Governo do Estado da Bahia.

Página 1 de 191...Última »