WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

reserva sapetinga massi hospital sao jose

DELEGADA REVELA “MAIOR PERGUNTA” SOBRE A MORTE DO POLICIAL TYRONE CUIDAR DE ILHÉUS É NÃO DAR VEZ AO “JEITINHO” SERVIDORA MUNICIPAL VAI PROCESSAR O BIG MEIRA POR “CONSTRANGIMENTO”




impacto cred

transporte ilegal
abril 2017
D S T Q Q S S
« mar    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

VELOSO TAMBÉM DEFENDE A CONCILIAÇÃO ENTRE ÍNDIOS E PRODUTORES DE OLIVENÇA


Bom sinal! Veloso também defende o "bom senso"

Veloso também defende o "bom senso".

Ao contrário de certos segmentos que se deixam levar por contra-relatórios fabricados, e de péssimo nível, os políticos de bom senso já perceberam que a solução ideal, passa pela conciliação entre Tupinambás e pequenos produtores.

O deputado federal Raimundo Veloso (PMDB) defende a revisão do relatório da FUNAI, que prevê a delimitação de 47 mil hectares aos índios Tupinambás de Olivença, porém, Veloso ressalta que nenhuma das partes deve sair prejudicada.

Quando admite que os índios formam uma “parte”, ao contrário de alguns oportunistas que sonham com Brasília, Veloso sinaliza que o entendimento é possível.

Para os que valorizam o respeito mútuo, como premissa básica para tentar resolver essa questão (difícil de ser resolvida) é muito bom ver os representantes de Ilhéus valorizando a necessidade do diálogo.

Na região de Olivença há um bom número de grandes proprietários dispostos a entregar suas terras para o governo, na perspectiva de uma boa indenização, desde que, não só as benfeitorias, e sim, toda a propriedade seja considerada na avaliação.

A conciliação passa por esse caminho.

O QUE ESSE LIXO ESTÁ FAZENDO AÍ?


Rua general Câmara, centro de Ilhéus, dia 13 de agosto, por volta das 17:00 horas.

Foto: Alain Marcelo.

Foto: Alain Marcelo.

Vereador Gurita fala no Câmara em Ação


GuritaASCOM: Câmara de vereadores de Ilhéus.

O programa Câmara em Ação do dia 13 de agosto teve a presença do vereador Alzimário Belmonte – professor Gurita. Em entrevista, o vereador comentou sua disponibilidade em conhecer em qualquer lugar da cidade – zona urbana ou rural – os problemas dos ilheenses para em seguida apresentar ao Executivo Municipal indicações que possam ser transformadas em soluções.

O vereador que apresentou ao legislativo discussão sobre a legalização dos moto-taxistas, moto-frete e moto-vigia, comentou a necessidade de estudos profundos sobre o tema. “ foram marcadas algumas reuniões com este seguimento e pode-se notar que ainda falta amadurecimento destes para que enfim sejam tomadas medidas cabíveis à legalização destas profissões”, afirmou o parlamentar.

:: LEIA MAIS »

FIM DO MOVIMENTO "POLÍCIA LEGAL"


Fonte: A Tarde

Em uma noite tensa, quando o crescimento do número de registros de ocorrências policiais em Salvador já surgiam como consequência da redução do efetivo policial nas ruas da capital, o comandante-geral da PM, coronel Nilton Mascarenhas, ao lado de membros da União das Associações dos Policiais Militares, anunciou o fim de 40 horas do movimento Polícia Legal. “A comunidade pesou muito na decisão”, disse o coronel, depois de ler a Nota ao Povo Baiano.
O documento informa que ambas as partes chegaram a um entendimento que restabelece a normalidade no serviço de segurança pública. “O governo e a União das Associações assumem o compromisso de dar continuidade ao processo de diálogo e negociação no sentido de chegarem a um acordo para resolver as demandas da categoria apresentadas em pauta”, diz o texto, que garante também que não haverá qualquer sanção administrativa, disciplinar ou criminal a quem aderiu ao movimento.
Mesmo com o discurso do coronel de que “foram esgotados todos os itens nos 30 dias de negociações, o movimento chega ao fim sem que seja atendida a principal reivindicação da categoria. Sobre a questão salarial, Mascarenhas anunciou a elaboração de um projeto de lei para um Plano de Carreira, mas informou que não foi acordado qualquer reajuste. “Sobre isso entendemos que há necessidade de um estudo mais amplo, que não pode ser resolvido em dez dias”, disse. Para exemplificar os avanços nas negociações, Mascarenhas anunciou o início imediato dos cursos de formação de condutores para veículos especiais e a chegada de 3,6 mil coletes à prova de balas.
Tido como interlocutor do movimento, o deputado estadual Capitão Tadeu afirma que não participou da reunião que selou o acordo por um artifício do governo. “Fui convidado para ir ao Quartel e participar da reunião. Enquanto eu esperava na sala, a reunião acontecia numa outra”, declarou. O deputado, que é oficial reformado da PM, afirma que o acordo pode não valer já que recebeu ligações de policiais contrários ao fim do movimento. O governo não quis comentar suas declarações.

TUPINAMBÁS NA LUTA PELA DEMARCAÇÃO DE TERRAS


Representantes da Comissão de Caciques do povo Tupinambá de Olivença, da cidade de Ilhéus, se reuniram em Brasília para tratar de assuntos referentes à segurança da população, que desde o momento da implantação da demarcação de terras, afirmam que vêem constantemente recebendo ameaças e agressões por parte da elite política e econômica da região sul da Bahia.

Segundo o cacique Ramon Souza Santos, antes da publicação do relatório de identificação da terra no dia 17 de abril de 2009, o povo indígena era bem tratado e bem recebido nas fazendas e empresas da região. O caique afirma que  “…muitos índios até trabalham para as pessoas que não querem que nossa área seja demarcada.”

Na terça-feira,11, a comissão foi recebida pelo Procurador Geral da Funai, Antônio Salmeirão, onde puderam aproveitar para solicitar mais atendimento jurídico para a população indígena de Ilhéus, destacando as ações de violência cometidas principalmente pela Polícia Federal.

Segundo o procurador, em outubro, será instalada a Procuradoria Seccional Federal em Ilhéus, que contará com mais procurados para agir em defesa dos direitos indígenas. Para que isso aconteça, basta apenas que o Estado se prontifique em garantir essa assistência para os índios da região.

CONSTRUÇÃO DO NOVO AEROPORTO DE ILHÉUS


Do site Bahia Notícias

A representação do governo do estado em Brasília garantiu um acordo de cooperação que possibilitará uma aceleração do processo de construção do novo aeroporto de Ilhéus, no sul do estado. A secretaria da Casa Civil baiana, Eva Chiavon, está na capital federal e supervisionou o início do funcionamento do acordo, assinado com o presidente da Infraero, brigadeiro Cleonilson Nicácio. Segundo o que reza o acerto, a Infraero ficou encarregada da compra do sítio aeroportuário para a construção do novo terminal no município. Entretanto, para isto, a estatal deverá liberar cerca de R$ 10 milhões para que a terra seja adquirida pelo governo. A solicitação também está sob responsabilidade da secretária. O aeroporto virá para complementar ou mesmo substituir o atual aeroporto, o Jorge Amado, que desde o ano passado sofre com diversas restrições de segurança impostas pelo governo.

GLOBO X UNIVERSAL


Do site Comunique-se.

Jornal da Record exibirá matéria contestando acusações contra Edir Macedo.

O Jornal da Record desta quarta-feira (12/08) exibirá uma matéria contestando as acusações de que o bispo Edir Macedo e mais nove integrantes da Igreja Universal do Reino de Deus estariam em um esquema de lavagem de dinheiro, que teria desviado o dinheiro doado pelos fiéis da igreja para a compra de bens pessoais e compra de emissoras de TV e Rádio. O anúncio da reportagem de retratação foi feito hoje no Fala Brasil.

Por meio do seu perfil no Twitter, o bispo Edir Macedo também antecipou a reportagem. “Acusações e Perseguições. Quais os interesses estão por trás dos ataques contra a IURD?”, questionou.

SEGUNDO A COELBA, LEI QUE REGULAMENTA “CALL CENTERS” É SÓ “TEORIA”


Pelo telefone, a Coelba aplica um "gato" nos clientes.

Pelo telefone, a Coelba aplica um "gato" nos clientes.

Na madrugada da última terça-feira (11), um pouco antes da primeira hora, faltou energia em boa parte de Ilhéus, deixando vários bairros às escuras.

Daí em diante, as muriçocas não me deixaram dormir. Sem “luz” para usar o mata-mosquito, decidi ligar para a COELBA, ela mesmo, a saudosa e eficiente COELBA, dos tempos em que pertencia ao governo do nosso estado.

Hoje, a companhia que foi dos baianos, está  disputando com a Telemar (OI), o título de pior empresa  no atendimento aos consumidores.

A Telemar ainda lidera, mas, devagarzinho, a “instável elétrica” ainda chega lá.

Fiquei na linha por 16 minutos, aguardando atendimento e ouvindo o péssimo “repórter COELBA”, personagem que dá dicas óbvias, na enfadonha e repetitiva gravação.

Quando consegui falar com a atendente, lembrei da lei que regulamenta o atendimento pelo telefone, através dos chamados “call centers”. O texto prevê que em 70% dos casos, o consumidor seja atendido em até um minuto de espera. Em casos excepcionais, o limite será de dois minutos.

Ouça na Rádio Gusmão, a explicação dada a este blogueiro.

PS: para não abusar da paciência dos visitantes, cortamos os 15 minutos “iniciais” da gravação.  Quem quiser na íntegra, basta pedir por email.

PDT PODE ENTRAR NO GOVERNO WAGNER


Do Bahia Notícias.

De acordo com a coluna de Emmerson José desta quarta-feira (12) no Correio, os principais nomes do PDT baiano têm encontro hoje com o presidente nacional da legenda e ministro do Trabalho, Carlos Lupi. O objetivo, segundo Emmerson José, é apresentar ao ministro as incompatibilidades entre PDT e PT na Bahia, já que o governo Wagner tenta construir uma nova rede de aliados. Mas, pelo que se sabe, a missão tem motivos menos nobres. O séquito pedetista quer realmente mais detalhes da proposta apresentada pelo deputado Marcelo Nilo (sem partido) e pelo secretário de Relações Institucionais, Rui Costa, e também assegurar uma “fatia do bolo”. A comitiva é formada pelos vereadores Gilberto José e Odiosvaldo vigas, pelos deputados estaduais Roberto Carlos e Euclides Fernandes e pelos federais Marcos Medrado e Sérgio Brito.

(Daniel Pinto)

SEGUNDO MILLÔR, EM DOM CASMURRO, FOI BENTINHO QUE TRAIU CAPITU


De Millôr Fernandes para a Veja on-line.

Publiquei, através de anos, no Estadão, no O Dia, e no Jornal do Brasil – ao todo aproximadamente dois milhões de exemplares – “pesquisa” sobre Dom Casmurro, a obra magna de Machado de Assis. Como minha página era a capa exterior dos jornais citados, e o assunto era picante – se Escobar, “herói” do romance, tinha ou não tinha comido a Capitu, eterna e tola discussão entre beletristas –, devo ter alcançado pelo menos cem mil desprevenidos. Bom, não apenas mostrei que Escobar comeu a Capitu, como, não sei não, acho que tirei Dom Casmurro do “armário”.

Como não sou dos maiores – e nem mesmo dos menores – admiradores do bruxo, fundador da Academia Brasileira de Letras (“a Glória que fica, eleva, honra e consola”, eu, hein, que frase!), não vou discutir a maciça, inexpugnável web protecionista que se criou em torno dele. Não quero polemizar (falta-me vontade e capacidade) com a candura que os erúditos (com acento no ú, por favor) têm pra relação equívoca entre Capitu, a “dos olhos de ressaca” (que Machado não explica se era ressaca do mar ou de um porre), e Escobar, o mais íntimo amigo de Bentinho, narrador e personagem do livro (evidente alter ego do próprio Machado).

A desconfiança básica vem desde 1900, quando Machado publicou Dom Casmurro. Dom Casmurro é ou não é corno, palavra cujo sentido de humilhação masculina – que ainda mantém bastante de sua força nesta época de total permissividade – na época de Machado era motivo de crime passional, “justa defesa da honra”, e outros desagravos permitidos pela legislação e pelos costumes.

Curioso que, ontem como hoje, o epíteto corna não se grudou à mulher. Ela é tola, vítima, “não sei como suporta isso!”, “corneia ele também!”, mas o epíteto não colou.

:: LEIA MAIS »

"PMDB ATESTOU QUE O GOVERNO ESTÁ MORTO"


Borges festeja a saída do PMDB do governo Wagner.

Borges festeja a saída do PMDB do governo Wagner.

O senador César Broges (PR) disse nessa terça-feira (11), durante discurso feito no senado, que a saída do PMDB “decretou que este governo (de Jaques Wagner) está morto, e que, se esperança havia (de melhorar) não há mais”. Para Borges, “saem os que se viram frustrados com a falta de resultado no projeto comum; é a vez dos reservas e desavisados que virão completar o tempo, até que os baianos votem para tirar o mau governo por um novo projeto para a Bahia”.

Do Blog: César Borges sempre foi “carlista”.

AZEVEDO DIZ QUE ITABUNA VIROU UM CANTEIRO DE OBRAS "NA RAÇA"


canteiro de obrasASCOM: Prefeitura de Itabuna.

Ao acompanhar o início das obras de saneamento e urbanização da rua Senhor do Passos, que interliga os bairros do Corbiniano Freire e Pau Caído, o prefeito Capitão Azevedo anunciou que Itabuna virou um canteiro de obras “na raça”. “Mesmo com recursos escassos e enfrentando dificuldades, temos coragem, uma equipe motivada e o apoio da população”, ressalva. O prefeito foi recebido com festa pelos moradores, mas também ouviu reivindicações de pessoas da área e participou de um culto religioso de ação de graças na Igreja Assembléia de Deus.

Capitão Azevedo disse ainda que as obras incluem a regularização do canal que cruza o bairro, a implantação de esgotamento sanitário convencional, com a substituição da rede de esgoto condominial que não funciona e o projeto de urbanização e pavimentação de ruas, realizadas graças ao sacrifício e austeridade que implantou na administração municipal. “Nosso objetivo é justamente atender aos setores mais carentes da população, através de um esforço conjunto com a Emasa, resgatando uma dívida do governo ao longo dos anos com a população”, ressaltou o prefeito.

Azevedo acredita que o conjunto de obras realizadas nos diversos bairros, com suporte de uma patrulha mecânica recentemente adquirida por R$ 1,8 milhão, a Prefeitura de Itabuna está investindo na melhoria da qualidade de vida da população, através da oferta de uma melhor infraestrutura urbana, como água e saneamento, além de mais saúde, com o menor risco da proliferação de doenças infectocontagiosas para as pessoas. Disse, ainda, que com essas ações o governo municipal virou a página da política e centra o foco em obras e ações concretas em benefício da comunidade.

:: LEIA MAIS »

“ÂNGELA EM AÇÃO” E A REFORMA DA PONTE ILHÉUS-PONTAL


ASCOM: Deputada Ângela Sousa.

Angela Sousa

Ouça na Rádio Gusmão.

CÂMARA CONVOCA SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO


Bel do Vilela solicitou explicações do secretário Maciel

Bel do Vilela quer explicações do secretário Maciel.

ASCOM: Câmara de Vereadores de Ilhéus.

A Câmara dos Vereadores de Ilhéus, através de seus vereadores, irá discutir nesta quarta-feira (12), assuntos pertinentes a educação na cidade. Para isso, convocou o Secretário Municipal de Educação Sebastião Maciel, que prestará esclarecimentos sobre a atual situação das creches municipais e da distribuição da merenda escolar. O requerimento feito à Mesa Diretora partiu do vereador Gilberto Souza (Bel do Vilela).

A sessão contará ainda com a participação dos Conselhos Municipal de Educação e de Alimentação Escolar e dos representantes das creches ilheenses. A necessidade desta pauta se faz pelo direito da população saber o que está acontecendo com a merenda escolar e com as creches da cidade. Segundo o vereador Gilberto Souza “É preciso que haja esclarecimentos sobre o que está acontecendo com a educação ilheense, pois só assim poderemos tomar as devidas providencias”. A sessão acontecerá a partir das 16h no Plenário Gilberto Fialho.

POLICIAL MILITAR EXPLICA MOVIMENTO "POLÍCIA LEGAL"


E-mail enviado ao Blog do Gusmão.

A Constituição veda aos Policiais Militares o direito a greve, o que está acontecendo na Bahia, é a luta por melhores condições de trabalho, por exemplo quase todos os coletes balísticos da PM estão vencidos, não há armamento tipo pistola ponto 40, 380 que é o ideal para todo o efetivo, esse equipamento muitíssimo reduzido, as viaturas quase todas estão com problemas diversos, o Código de Trânsito Brasileiro, diz que para conduzir viaturas de emergência é preciso ter o curso, nenhum policial da Bahia tem esse curso. O Estatuto da Polícia Militar prevê claramente pelo salário que se paga hoje (R$ 470,03), a carga horária de 40 horas semanais. Os policias chegam a trabalhar 192 horas mensais, o governo não paga hora extra.  O Governo é o Comandante por excelência da Policia Militar, precisa zelar pela institiução e pelo material humano, dar condições de trabalho, cumprir a Lei à risca, sob pena de responsabilidade pelo não cumprimento.  Aí sim, deverá cobrar rigor dos seus policiais, mas, falar na mídia que vai ser durão com os policais que estão na legalidade, é esquecer que ele, o governo, está na ilegalidade. É preciso cumprir a Lei e exigir o seu cumprimento.  Só que a mídia, às vezes, não tem o conhecimento pleno do princípio da legalidade, por isso, critica os policiais, dizem que é greve, e o que querem, mas, estamos à disposição para dirimir qualquer dúvidas. Vale ressaltar que alguns membros da imprensa estão do lado da verdade, da justiça, e não estão no bolso dos poderosos.
Muito obrigado.

O PODER DO VOTO


Artigo de Henrique Menezes.Rick-Gusmão

Votar não é apenas ter a oportunidade de escolher aqueles, que por premissa, devem lutar pelos interesses do povo. Vai muito além. Na verdade, é a possibilidade de se ter progresso ou atraso, vitória ou derrota, alegria ou tristeza, saúde ou doença, paz ou guerra, luz ou escuridão, educação ou ignorância, enfim, é algo tão poderoso que pode levar ao sucesso ou a ruína.

O que vemos no dia a dia é que as pessoas não dimensionam a importância da cidadania. O poder de mudar o mundo pela ação do seu voto consciente. Infelizmente, o voto é moeda de troca por um saco de cimento, uma cerveja gelada, uma cesta básica, um remédio, uma bola, um jogo de camisa, dentre outras coisas.

Não se pensa mais no coletivo, e sim naquilo que imediatamente lhe trará retorno, esquecendo-se de planejar o amanhã, o que virá depois, o futuro.

:: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia