WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

secom sao joao bahia hospital sao jose

CABANEIRO SALVA GAVIÃO APEDREJADO EM ILHÉUS RETRATO DE UM TRABALHADOR DE ILHÉUS REDE ATACADISTA VAI ABRIR LOJA NA ZONA SUL DE ILHÉUS




impacto cred

transporte ilegal
junho 2017
D S T Q Q S S
« mai    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

FESTA JUNINA NA APAE DE ILHÉUS


APAEA Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Ilhéus vai realizar nessa terça-feira (20), a partir das 15 horas, o “Arraiá dos Apaexonados, abrace esta causa”. Localizada no bairro Hernani Sá, nas proximidades da central de abastecimento, a sede da entidade vai ser o palco da festa.

O evento vai ter apresentações de quadrilhas juninas e teatro encenado por alunos da escola, comidas típicas e sorteios de balaio e micro-ondas.

De acordo com Vitória Penalva, diretora da entidade, atualmente a Apae acolhe cerca de 200 crianças, com profissionais qualificados, coordenação, supervisão e direção. A instituição recebe alimentos da prefeitura por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). “Para a criança desenvolver-se tem que estar bem alimentada e bem assistida”, ressalta. A escola funciona nos dois turnos, com turmas das 7h40min às 11h40min e das 13h20min às 17h20min.

“Passamos por momento difícil, principalmente de dívidas deixadas por gestões anteriores. Seus parcelamentos têm dificultado a direção de obter verbas do governo federal. Hoje, possuímos cinco professores (que geram custos), antes contávamos mais de 20. Houve permuta e três professores foram para o Centro de Referência à Inclusão Escolar  (Crie) e outros três entraram graças à intervenção da secretaria municipal de Educação (Seduc) e do prefeito Mário Alexandre (PSD)”, disse a diretora.

SINEBAHITA ITABUNA TEM 7 OPORTUNIDADES DE EMPREGO


Confira abaixo as novas oportunidades de emprego do Sinebahia Itabuna. As vagas ficarão disponíveis nessa terça-feira (20).

A agência funciona no Shopping Jequitibá. Não esqueça de levar o número do PIS, PASEP ou NIS, Carteira de Trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade.

AUXILIAR DE COZINHA

Ensino Médio Completo

Experiência mínima de 6 meses na carteira

1 VAGA

CALDEIREIRO DE MANUTENÇÃO

Ensino Fundamental Completo

Experiência mínima de 6 meses na função com traçado de peças

1 VAGA

ENCANADOR INDUSTRIAL

Ensino Fundamental Completo

Experiência mínima de 6 meses na função em tubulação encanizada

1 VAGA

:: LEIA MAIS »

BAIXA COMPLEXIDADE ECONÔMICA PREJUDICA O DESENVOLVIMENTO DE ILHÉUS


Professor Sérgio Ricardo Ribeiro Lima.

Professor Sérgio Ricardo Ribeiro Lima.

A conclusão é do professor Sérgio Ricardo Ribeiro Lima, membro do Departamento de Economia da UESC. Colaborador eventual do Blog do Gusmão, Sérgio oferece aos nossos visitantes uma análise de fôlego sobre dois setores econômicos de Ilhéus: a produção dos derivados do cacau e as atividades do polo de informática.

A análise considera esses dois setores e o seu nível de complexidade como parâmetros para a avaliação do desenvolvimento de Ilhéus. O estudo se concentra no intervalo entre 2000 e 2016.

Ao justificar a escolha das atividades analisadas, o professor explica que, do ponto de vista da produção, os dois setores são os mais dinâmicos da economia ilheense.

Para demonstrar o percurso da sua pesquisa, Sérgio apresenta uma série de imagens e de tabelas. Elas facilitam a compreensão do texto e, ao mesmo tempo, dão consistência aos argumentos do economista.

O estudo conclui que Ilhéus tem um índice de complexidade econômica negativo. Considerando os impactos negativos dessa realidade sobre a geração de empregos qualificados e a consequente valorização do trabalho, Sérgio Ricardo avalia que, no início deste século, o município não tem vivenciado “um processo de desenvolvimento econômico que possa inserir econômica e socialmente o conjunto da sociedade num padrão digno de bem-estar e de vida.”

Leia o resumo do próprio autor.

Complexidade Econômica e desenvolvimento econômico em Ilhéus: uma análise sobre as atividades de cacau-derivados e o “polo de informática”, 2000-2016[1]

Por Sérgio Ricardo Ribeiro Lima[2]

O estudo e a pesquisa que apresentaremos aqui tiveram como base a teoria da complexidade econômica. Essa teoria é fundamentalmente baseada na pauta de exportações dos países, estados ou municípios. O objetivo desse estudo é analisar o desenvolvimento econômico de Ilhéus, no período 2000-2016, sob a óptica da complexidade econômica. Em adendo a esta perspectiva, trouxemos dados sobre empresas, renda e emprego nas atividades de cacau-derivados e de informática-eletro-eletrônicos[2]. Nos detivemos nessas duas atividades por serem, do ponto de vista da produção, as mais dinâmicas.

A Teoria da Complexidade Econômica (TCE), ou simplesmente, Complexidade Econômica é caracterizada fundamentalmente, para efeito de mensuração, por dois conceitos: ubiquidade e diversidade.

Os produtos não-ubíquos, ou raros, são aqueles bens de alto conteúdo tecnológico e muito escassos, que poucos países têm capacidade de produzir. Um dos grandes requisitos para sua produção é o alto investimento de capital.

A diversidade, por sua vez, diz respeito à capacidade que um município, estado ou país tem de diversificar sua pauta de produção e de exportação. Portanto, quanto mais diversificada essa pauta, mais complexa é a economia e, sendo assim, mais desenvolvida é uma sociedade. Quanto mais complexa, mais rica; quanto menos complexa, mais pobre.

“Os países hoje considerados ricos são aqueles que desenvolveram muito os setores de serviços sofisticados e as manufaturas. Os países pobres são aqueles que basicamente produzem commodities para exportação e tem um setor de serviços de baixíssima qualidade (GALA, 2017, 42-43)”.

A complexidade econômica envolve quatro possibilidades. Mas isso não quer dizer que a análise teórica que vamos fazer sobre os mapas (treemaps) tenham que se encaixar exatamente nos quatro aspectos abaixo, pois há outros fenômenos econômicos – de natureza qualitativa e de juízos de valor – que não entram na explicação. Inclusive há de se fazer uma ressalva que uma economia pode ter uma base produtiva diversificada, mas com uma pauta exportadora não-diversificada. Isso quer dizer que esta economia tem sua base produtiva voltada primordialmente para o atendimento do mercado interno.

  1. a) bens não-ubíquos com pauta exportadora não-diversificada: embora uma economia tenha uma pauta exportadora limitada, mas, desde que produza e exporte bens escassos e de alto conteúdo tecnológico em relação aos demais países, a mesma tem alta complexidade.

  2. b) bens não-ubíquos com pauta exportadora diversificada: essa é a situação ideal; uma economia cuja estrutura econômica é caracterizada por bens escassos e de alta tecnologia e, ao mesmo tempo, diversificada, esse é o que caracteriza uma sociedade desenvolvida economicamente.

  3. c) bens ubíquos com pauta exportadora diversificada: uma economia mesmo não tendo (ou que tenha baixo nível de) produção de bens escassos e de alto conteúdo tecnológico (não-ubíquos), mas que tenha uma pauta diversificada, é considerada de complexidade mediana.

  4. d) bens ubíquos com pauta exportadora não-diversificada: essa situação é característica de uma economia de baixa complexidade econômica, portanto, relativamente com baixa renda per capita e baixo nível de desenvolvimento econômico.

Mas a complexidade econômica é estatisticamente mensurada através do Índice de Complexidade Econômica (ECI) para cada país, região, estado ou município.

:: LEIA MAIS »

BEBETO LAMENTA A MORTE DE CACÁ DA ETESI


Deputado Bebeto.

Deputado federal Bebeto Galvão.

Por meio de nota divulgada nesse domingo (18), o deputado federal Bebeto Galvão (PSB-BA) manifestou pesar pelo falecimento do ex-vereador Carlos Alberto França (Cacá da Etesi), empresário de Ilhéus. Leia a íntegra.

“Foi com muita tristeza que recebi na noite de ontem a notícia do falecimento do querido amigo, presidente do Bloco Carnavalesco Os Caretas, ex vereador em Ilhéus e empresário Carlos Alberto França, Cacá da Etesi.

Homem de bem, de uma irreverência ímpar, Cacá deixará um enorme vazio em nossos corações. Seu legado e seus relevantes serviços prestados a Ilhéus e aos ilheenses jamais serão esquecidos. Desejo que Deus o receba em bom lugar e que traga conforto aos corações enlutados da família e dos amigos”.

“ESTUPIDEZ” É MARCA DO TRÂNSITO EM ILHÉUS, AFIRMA PROFESSOR


Felipe de Paula. Imagem: Karoline Vital.

Felipe de Paula. Imagem: Karoline Vital.

Nas últimas semanas, Ilhéus registrou uma série de atropelamentos com vítimas fatais. O mais recente vitimou o empresário e ex-vereador Cacá da Etesi. O caso acendeu o debate sobre a educação no trânsito.

Ao comentar publicação deste blog, o professor Felipe de Paula, da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), escreveu que ama Ilhéus, “mas o trânsito ilheense é de uma estupidez absurda”.

Ainda segundo Felipe, quando um condutor dá a vez a outro parece uma “ofensa”, “imagine pra um pedestre!”. “Enquanto não houver mudança de mentalidade, continuarão a surgir notícias tristes como essa”, concluiu.

VILA NOVA PEDE A RENÚNCIA DO PRESIDENTE DO COLO-COLO


Raimundo Borges, presidente do Colo-Colo.

Raimundo Borges, presidente do Colo-Colo.

O radialista Vila Nova, apresentador do programa O Tabuleiro (Conquista FM), pediu hoje (19) que o presidente do Colo-Colo, Raimundo Borges, renuncie ao cargo.

O contexto do pedido é a crise financeira e administrativa do clube, que se soma à eliminação na Série B do Campeonato Baiano 2017. No sábado (17), o Colo-Colo empatou em três a três com o Cajazeiras, mas precisava de uma vitória para se classificar.

Jogadores do Tigre cobram o pagamento de salários atrasados. Segundo Vila Nova, provavelmente essas dívidas vão se transformar em novos processos trabalhistas contra o time de Ilhéus.

Nessa temporada, a diretoria terceirizou a gestão do Colo-Colo. O negócio ainda rende críticas severas da maior parte da imprensa esportiva.

MORRE O EX-VEREADOR CACÁ DA ETESI, VÍTIMA DO TRÂNSITO EM ILHÉUS


Cacá faleceu nesse sábado, em Ilhéus. Imagem: José Nazal.

Cacá faleceu nesse sábado, em Ilhéus. Imagem: José Nazal.

Nesse sábado (17), a população de Ilhéus recebeu com pesar a notícia do falecimento do ex-vereador Carlos Alberto França, mais conhecido como Cacá da Etesi. O apelido faz referência à Empresa Técnica de Segurança contra Incêndios, do ramo de extintores, da qual era proprietário.

Na noite de quarta-feira (14), Cacá foi atropelado por um motociclista na Rua da Linha (Bento Berilo), no Centro, perto das Lojas Americanas. Socorrido pelo SAMU, passou por cirurgia no Hospital Geral Luiz Viana Filho e ficou internado na unidade de tratamento intensivo do Hospital de Ilhéus. Mas o empresário ilheense de sessenta anos não resistiu aos efeitos da forte pancada do atropelamento, que atingiu principalmente a sua cabeça.

Cacá foi vereador de Ilhéus pelo PTB por dois mandatos consecutivos. Quando conquistou o primeiro, em 1996, liderou a votação com 1.150 votos.

Na manhã deste domingo (18), o prefeito Mário Alexandre (PSD) e o vice-prefeito José Nazal (Rede Sustentabilidade) emitiram nota de pesar. Segundo eles, o ex-vereador “deixa um legado de serviços prestados ao povo de Ilhéus e a imagem da sua alegria, sempre contagiante, que contribuiu na construção de uma legião de amigos”.

O velório é realizado no SAF do Alto da Conquista. O sepultamento está previsto para as 16 horas, no Cemitério da Vitória.

VÍDEO MOSTRA ROUBO DE CELULAR NO CENTRO DE ILHÉUS


Imagem extraída do vídeo que mostra ação do bandido.

Imagem extraída do vídeo que mostra a ação do bandido.

Distraída, uma jovem mexe com a mão esquerda no próprio cabelo. A outra mão segura o aparelho que a absorve da realidade ao redor. A oportunidade está posta para o bandido, que age rápido. A ação dura nove segundos. Ele se aproxima de bicicleta e, com uma investida rápida e precisa, toma o celular dela. A precisão e a velocidade do gesto parecem o resultado de muitas experiências do mesmo tipo. O ladrão coloca o telefone roubado no bolso e some na noite.

A cena descrita acima aconteceu nessa sexta-feira (16), às 18h12min, na rua Bento Berilo (Rua da Linha), atrás do edifício Santa Clara, no Centro de Ilhéus. Uma câmera de segurança flagrou tudo. Assista.

FORÇA-TAREFA COMBATE INVASÕES NA PONTA DA TULHA


Objetivo da ação é proteger o Parque Estadual da Ponta da Tulha.

Objetivo da ação é proteger o Parque Estadual da Ponta da Tulha.

Órgãos públicos se reuniram para combater invasões na região do Parque Estadual da Ponta da Tulha, no litoral norte de Ilhéus. A iniciativa resultou na demolição de construções irregulares nos arredores e dentro da área de proteção ambiental. O trabalho envolveu equipes da SEPLANDES (Secretaria Municipal de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável), da Companhia Independente de Polícia de Proteção Ambiental (CIPPA) e do Instituto Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (INEMA).

A iniciativa cumpriu solicitação do Ministério Público do Estado da Bahia. A unidade de conservação ambiental tem aproximadamente 1.700 hectares. A operação começou no KM 17 da Rodovia Ilhéus-Itacaré, em frente ao Condomínio Verdes Mares. 

Segundo a prefeitura, invasores abriram loteamento clandestino na área desmatada.

Segundo a prefeitura, invasores abriram loteamento clandestino na área desmatada.

Segundo a prefeitura, numa área desmatada no entorno do parque, os fiscais encontraram um loteamento clandestino. O empreendimento foi multado por não ter alvará nem licença. As equipes apreenderam dezesseis sacos de cimento e dois mil tijolos. Também localizaram pranchões feitos com árvores derrubadas na área protegida pela legislação ambiental.

No Assentamento Paraíso, os fiscais demoliram uma ponte irregular e casas de tábua construídas no entorno e dentro do parque. Identificaram que noventa por cento dos invasores são de municípios vizinhos. O Assentamento Terra Prometida também teve construções demolidas.

Conservação – Decreto do governador Rui Costa (PT) criou em 2015 o Parque Estadual da Ponta da Tulha. Parte da área foi estudada para receber o Complexo Porto Sul. Sensível à reivindicação de ambientalistas, o governo voltou atrás e optou pela criação do parque. Trata-se de um território com espécies de animais e vegetais da Mata Atlântica ameaçados de extinção.

Além de proteger esse patrimônio, o objetivo do parque é propiciar o desenvolvimento de atividades de turismo ecológico e de educação, além de fomentar pesquisas científicas e o monitoramento ambiental.

A prefeitura e os demais órgãos de proteção do meio ambiente também vão atuar em defesa do Parque Municipal da Boa Esperança, unidade de conservação ambiental situada no perímetro urbano. A área verde de 437 hectares pode ser considerada o “pulmão” de Ilhéus.

ATENÇÃO: EVITE O BANHO DE MAR EM SEIS PRAIAS DE ILHÉUS


Praia do Cristo.

Praia do Cristo.

A recomendação é do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Bahia (Inema). As praias que devem ser evitadas são as do: Malhado (perto da escultura de Iemanjá), Marciano (próxima ao Bar do Litrão), Opaba (perto da barraca Brilho do Luau), Sul (na direção do Aeroporto Jorge Amado), Cristo (na baía do Pontal) e da Avenida (na direção do Subway).

O diagnóstico de balneabilidade é obtido por meio do recolhimento de amostras. O instituto divulgou os resultados dos últimos testes na última quarta-feira (14). Todas as outras praias de Ilhéus têm condições normais para banho, no entanto, o banho de mar deve ser evitado em dias chuvosos.

MORADOR DE IBICARAÍ FATURA CARRO DA “PROMOITÃO”


Imagem do sorteio realizado na quarta-feira, em Ilhéus.

Imagem do sorteio realizado na quarta-feira, em Ilhéus.

Averaldo Santana Barbosa, de Cajueiro Velho, em Ibicaraí, ganhou o primeiro dos três carros 0 KM da 4ª PromoItão, da Rede de Supermercados Itão. O sorteio ocorreu no final da tarde de quarta-feira (14), no estacionamento do Hiper Itão de Ilhéus. O veículo será entregue a Everaldo no próximo dia 5 de julho, às 9 horas, em Itabuna.

A 4ª PromoItão sorteia mais de R$ 160 mil em prêmios neste ano. “Teremos prêmios todos os meses e encerraremos a campanha em dezembro, quando serão sorteados os dois últimos Renault Sandero da promoção”, afirma Edinildo Sacerdote, gerente do Hiper Itão de Ilhéus.

Todas as lojas da rede, em Ilhéus e em Itabuna, participam da promoção. De julho a novembro, ainda serão sorteados 50 vales-compras de R$ 500,00, sendo dez a cada mês.

GOVERNO LEVA SETUR PARA O PALÁCIO PARANAGUÁ


Antigo gabinete do prefeito é a nova sede da SETUR.

Antigo gabinete do prefeito é a nova sede da SETUR.

O governo Mário e Nazal decidiu levar a Secretaria de Esporte e Turismo (SETUR) para o espaço do antigo gabinete do prefeito no Palácio Paranaguá, no Centro.. Antes o órgão ocupou imóvel alugado no bairro Cidade Nova. A Prefeitura de Ilhéus anunciou a mudança nessa sexta-feira (16), por meio de nota enviada para a imprensa.

COMÉRCIO DE ITABUNA TEM HORÁRIO ESPECIAL NAS VÉSPERAS DO SÃO JOÃO


Comércio vai funcionar até as 20 horas nos dias 21 e 22.

Comércio vai funcionar até as 20 horas nos dias 21 e 22.

Em nota divulgada hoje (16), o Sindicato dos Comerciários de Itabuna informou que o comércio vai funcionar em horário especial nos dias 21 e 22 de junho (quarta e quinta-feira). A mudança temporária para as vésperas do São João é fruto de acordo entre comerciantes e empregados.

Por outro lado, o sindicato explicou que  o funcionamento extra em outros horários e datas implicaria em “ilegalidade passiva de fiscalização”. Leia a íntegra.

“O Sindicato dos Comerciários de Itabuna informa que, conforme determina a Convenção Coletiva de Trabalho em vigor, celebrada entre esta entidade e a representação patronal, em sua cláusula 32 § 3º, o comércio funcionará em horário especial nos dias 21 e 22 de junho, das 09h00min às 20:00min. O sindicato informa ainda que, o funcionamento extra do comércio em quaisquer outros horários e datas que não as acima mencionadas, implica em desrespeito à referida Convenção, ilegalidade passiva de fiscalização e ação deste sindicato”.

“AGRO É POP”: PROPAGANDA DA GLOBO SOBRE CANA TEM IMAGENS DE ESCRAVOS


Gravura de Hercules Florence (1804-1879).

Gravura de Hercules Florence (1804-1879) usada na campanha da Globo.

Por Alceu Castilho/Outras palavras

“Um Engenho de Açúcar” (1816), por Henry Koster. (Imagem: Reprodução)

“Um Engenho de Açúcar” (1816), por Henry Koster. (Imagem: Reprodução)

– Cana é agro. Desde o Brasil colonial a cana ajuda a movimentar a nossa economia. Hoje em dia a cana gera um dos maiores faturamentos do campo: R$ 52 bilhões.

Assim começa a propaganda da Globo sobre a cana-de-açúcar. A peça exibida em horário nobre, em rede nacional, tem 1 minuto. E se encerra com o bordão da série patrocinada pela própria emissora, em defesa do agronegócio: “Agro é tech. Agro é pop. Agro é tudo“. O patrocínio específico é da Seara – marca do grupo JBS – e da Ford, com a marca Ford Ranger.

As imagens que ilustram a “movimentação da economia” mostram escravos. São gravuras sobre engenhos, ambas do século XIX.

A primeira é uma gravura do pintor Henry Koster (1793-1820), filho de ingleses. A rigor, Henrique da Costa, português, senhor de engenho e exportador de café. Foi publicada em 1816 no livro Travels in Brazil, ou “Viagens ao Brasil”, sob o título A Sugar Mill – Um Engenho de Açúcar. Koster chegou ao Brasil em 1812, comprou escravos em Pernambuco e se estabeleceu como fazendeiro. Seu pai, John Theodore Koster, comercializava açúcar. Henry Koster é autor do livro “Como melhorar a escravidão”, também de 1816. Em artigos sobre a obra, a antropóloga Manuela Carneiro da Cunha mostrou que o direito à alforria e ao peculium (usufruto de uma propriedade), reportados por Koster, só foi registrado em leis escritas em 1871. E esse direito, diz ela, “foi a origem do mito da escravidão branda no Brasil”.

:: LEIA MAIS »

MÉDICOS VÃO RETIRAR SEDATIVO PARA AVALIAR REAÇÃO DE CACÁ DA ETESI


Cacá continua internado no Hospital de Ilhéus. Imagem: José Nazal.

Cacá continua no Hospital de Ilhéus. Imagem: José Nazal.

Vítima de atropelamento, o ex-vereador Carlos França (Cacá de Etesi) permanece internado em estado grave no Hospital de Ilhéus. O empresário de sessenta anos está sedado na unidade de tratamento intensivo.

Nesse sábado (17), a equipe médica que o acompanha vai interromper a sedação para avaliar o seu quadro de saúde.

Em Ilhéus, no intervalo de duas semanas, o ex-vereador foi a terceira vítima de uma sequência de acidentes que envolveram motociclistas.

Em conversas presenciais e na internet, muitas pessoas reivindicam melhorias para a educação, a sinalização e o controle do trânsito na cidade. Recentemente, a Câmara de Vereadores de Ilhéus discutiu alternativas para a regularização municipal do trabalho de motoboys e mototaxistas.

CIPPA APREENDE CAMINHÃO USADO EM DESCARTE ILEGAL DE LIXO


Polícia registrou flagrante nos arredores do Iguape, em Ilhéus. Imagens: CIPPA.

Polícia registrou flagrante nos arredores do Iguape, em Ilhéus. Imagens: CIPPA.

Na manhã dessa quinta-feira (15), a Companhia Independente de Polícia de Proteção Ambiental (CIPPA) flagrou o descarte ilegal de resíduos sólidos nos arredores do Iguape, bairro da zona norte de Ilhéus. Os policiais apreenderam o caminhão usado no serviço irregular.

Sucatadas de eletrodomésticos estavam entre o material descartado ilegalmente.

Sucatadas de eletrodomésticos estavam entre o material descartado ilegalmente.

A carga descartada era composta por latas de óleo, sucatas de eletrodomésticos e outros objetos.

Robson Santos, proprietário do caminhão, e Marcelo Oliveira estavam com o veículo quando os policiais militares chegaram no local. Na base da CIPPA, Robson assinou termo circunstanciado de ocorrência e se comprometeu a recolher o material descartado até essa sexta-feira (16).



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia