WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

secom bahia hospital sao jose

MÉDICA EXPLICA IMPORTÂNCIA DO CUIDADO COM A SAÚDE DOS OLHOS DENÚNCIA PEDE A CASSAÇÃO DA LICENÇA AMBIENTAL DA PEDREIRA IGUAPE ENTREVISTA: O INÍCIO DO NOVO GOVERNO SEGUNDO JOSÉ NAZAL




impacto cred

transporte ilegal
maio 2017
D S T Q Q S S
« abr    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

SINEBAHIA ILHÉUS OFERECE 16 VAGAS DE EMPREGO NESSA QUARTA-FEIRA


Confira abaixo as vagas de emprego disponíveis nessa quarta-feira (3) na agência do SineBahia Ilhéus, que fica na sala 13 do SAC, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro.

Não esqueça de levar a carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e de chegar antes das 9.

Muitos candidatos se antecipam e preenchem as vagas por meio do site Mais Emprego.

Por esse motivo, acontece do pretendente ir até o SAC e não encontrar a oportunidade anunciada pelo Blog do Gusmão.

Recomendamos aos candidatos que se cadastrem no site quando forem a uma agência do SineBahia.

Aux. Prevenção de Perdas

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 06 meses de experiência comprovada

  • 01 Vaga

Caldeireiro

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 06 meses de experiência comprovada

  • 02 Vagas

Eletricista industrial

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 06 meses de experiência comprovada

  • 02 Vagas

:: LEIA MAIS »

PARTE DO VILELA VAI FICAR SEM ENERGIA NESSA QUARTA-FEIRA


coelba destEntre as 9h30min e as 15h30min dessa quarta-feira (3), a Coelba vai interromper o fornecimento de eletricidade para parte do bairro Teotônio Vilela, em Ilhéus.

Os locais que serão afetados são: avenida São José Carolino, Quadras A, B e C, ruas Liberdade, Nossa Senhora Aparecida, Primavera e Santa Luzia.

O desligamento temporário da rede será necessário para garantir a segurança dos técnicos durante os serviços de manutenção.

SHI: BANDEIRAS PARTIDÁRIAS REFORÇAM “SENSO COMUM” SOBRE PROTESTOS


Mário Schneider considera que parte dos manifestantes prioriza bandeiras partidárias em detrimento dos objetivos da greve geral.

Para Shi, parte dos manifestantes priorizou bandeiras em detrimento das atividades da greve.

Por volta das 9 horas da última sexta-feira (28), manifestantes que participaram da greve geral em Ilhéus chegaram ao calçadão da Marquês de Paranaguá. Reunidos numa esquina, exigiram o fechamento de uma lanchonete. Num quiosque perto do HSBC, o funcionário de uma transportadora reprovou a manifestação. Revezava-se entre mordidas no pastel de carne e críticas ao protesto.

Segundo ele, Michel Temer (PMDB) não é um bom presidente para a classe trabalhadora. Isso, por outro lado, não o convence de que a greve geral não respondeu a projetos partidários, como o do Partido dos Trabalhadores (PT). Referindo-se aos manifestantes, disse que desejavam apenas a volta de Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência da República. “Todos são Lula 2018″, vaticinou, em tom irônico.

Bandeiras do PT e do PC do B tremulavam sobre as cabeças dos manifestantes. Mais numerosas que as das centrais sindicais responsáveis pelo ato, reforçavam a opinião do transportador.

Mais à frente, diante de outra lanchonete prestes a ser fechada sob a exigência dos manifestantes, reportamos o comentário do transportador a Mário Schneider (Shi), uma das lideranças jovens que atuaram na organização dos protestos em Ilhéus. “O que a presença das bandeiras significa para você?”, questionamos.

Shi militou no PT, de onde saiu em 2015. No ano passado disputou uma cadeira na Câmara de Vereadores de Ilhéus pelo PSOL. Continua filiado ao Partido Socialismo e Liberdade, enquanto trabalha na estruturação da Raiz Cidadanista. Ao responder a pergunta sobre as bandeiras partidárias, explicou que o “movimento nacional é muito mais amplo, com as frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo”. Contudo, “não podemos limitar ninguém. A gente quer agregar cada vez mais”.

Entretanto, para ele, o problema é colocar as bandeiras acima da mobilização. “Faltaram muitas pessoas para desempenhar atividades, mas, na hora de balançar a bandeira não faltou gente. Existe um interesse muito maior em aparecer na manifestação do que em executar os objetivos dela. Isso acaba atrapalhando, porque a população enxerga o que o senso comum coloca. O senso comum nos atrapalha a mobilizar as pessoas, porque fala que somos manifestantes de um partido. Não somos. O movimento é multipartidário”, argumentou.

Ainda em referência ao comentário do transportador, Shi disse que não vai votar em Lula “no primeiro turno”.  “Não vou votar no PC do B. Não vou votar nos partidos que estavam aí o tempo todo. Até porque a gente está fazendo a crítica à reforma da Previdência, e esses governos também fizeram algum tipo de intervenção, fizeram algum tipo de reforma. O Governo do Estado hoje também faz terceirizações”.

Apesar da crítica ao uso das bandeiras partidárias, Schneider entende que não prejudicam a legitimidade dos manifestantes que as empunham. Segundo ele, independente das cores partidárias, é necessário criticar as ações contra a Previdência Social e os direitos dos trabalhadores. “Se fosse [a ex-presidente] Dilma, a gente também estaria aqui, talvez sem essas pessoas que estão com bandeira na mão”.

Quando a manifestação chegou à Rua da Linha, concentrou-se na frente de um açougue cujo proprietário se recusou a fechar. Nesse momento avistamos uma mulher muito bonita entre os manifestantes. Era loira, vestia saia longa e camiseta com a frase “Volta, Lula”.

ILHEENSE VAI SER O DELEGADO TÉCNICO DO BRASILEIRO DE TRIATHLON


Alberto Kruschewsky.

Alberto Kruschewsky.

No próximo sábado (6), João Pessoa vai receber a primeira prova do Brasileiro de Triathlon nas distâncias de: 1.500 metros (natação), quarenta quilômetros (ciclismo) e dez quilômetros (corrida). O árbitro ilheense Alberto Kruschewsky será o delegado técnico responsável pelo evento. Estudantes da UESC também marcarão presença.

Alberto é oficial técnico nível II, com credenciamento da União Internacional de Triathlon. Foi árbitro dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro e acumula outras experiências em competições internacionais. Em João Pessoa, conduzirá o congresso técnico e a arbitragem na competição.

SINEBAHIA ILHÉUS OFERECE 11 VAGAS DE EMPREGO NESSA TERÇA-FEIRA


Confira abaixo as vagas de emprego disponíveis nessa terça-feira (2) na agência do SineBahia Ilhéus, que fica na sala 13 do SAC, situado na Rua Eustáquio Bastos, 308, Centro.

Não esqueça de levar a carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e de chegar antes das 9.

Muitos candidatos se antecipam e preenchem as vagas por meio do site Mais Emprego.

Por esse motivo, acontece do pretendente ir até o SAC e não encontrar a oportunidade anunciada pelo Blog do Gusmão.

Recomendamos aos candidatos que se cadastrem no site quando forem a uma agência do SineBahia.

Aux. Prevenção de Perdas

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 06 meses de experiência comprovada

  • 01 Vaga

Caldeireiro

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 06 meses de experiência comprovada

  • 02 Vagas

Eletricista industrial

  • Formação: Ensino Médio Completo

  • 06 meses de experiência comprovada

  • 02 Vagas

:: LEIA MAIS »

SOLTURA DE GENU FOI ENORME DERROTA PARA A FORÇA-TAREFA DA LAVA JATO


Ministro Gilmar Mendes. Imagem: Carlos Humberto.

Ministro Gilmar Mendes. Imagem: Carlos Humberto.

Por Elio Gaspari/publicado ontem na Folha de S. Paulo

O ministro Gilmar Mendes sabia do que estava falando e o que se articulava no Supremo Tribunal Federal quando disse, em fevereiro, que “temos um encontro marcado com essas alongadas prisões de Curitiba”.

O encontro deu-se na última quarta-feira, e a Segunda Turma da corte, aquela que cuida da Lava Jato, soltou o ex-tesoureiro do Partido Progressista, doutor João Cláudio Genu, preso preventivamente em Curitiba desde maio de 2016.

Em dezembro, ele havia sido condenado pelo juiz Sergio Moro a oito anos e oito meses por corrupção passiva.

Genu tem uma biografia notável. Antes de chegar a tesoureiro do PP, foi assessor do falecido deputado José Janene, o grão-mestre que ensinou o PT a operar com Alberto Youssef. Freguês no escândalo do mensalão, Genu salvou-se com uma prescrição.

:: LEIA MAIS »

ATENÇÃO: EVITE O BANHO DE MAR EM QUATRO PRAIAS DE ILHÉUS


Praia em frente ao Hotel Opaba está imprópria para banho de mar, alerta o Inema. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Praia em frente ao Hotel Opaba está imprópria para banho de mar, alerta o Inema. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

A recomendação é do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Bahia (Inema). As praias que devem ser evitadas são as do Malhado (perto da escultura de Iemanjá), do Marciano (próxima ao Bar do Litrão), do Opaba (em frente à pista do Aeroporto Jorge Amado) e do Sul (ao longo do quilômetro 1 da BA-001).

O diagnóstico de balneabilidade é obtido por meio do recolhimento de amostras. O instituto divulgou os resultados dos últimos testes na quinta-feira (27). Todas as outras praias de Ilhéus têm condições normais para banho, no entanto, o banho de mar deve ser evitado em dias chuvosos.

CDL DE ILHÉUS REPUDIA “AÇÃO TRUCULENTA” DE MANIFESTANTES


Trabalhadores durante protesto no Centro de Ilhéus. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Trabalhadores durante protesto no Centro de Ilhéus. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Noticiamos ontem (28) a pressão exercida por manifestantes sobre lojistas que se recusavam a fechar os seus estabelecimentos – lembre aqui. A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Ilhéus e outras entidades patronais emitiram nota de repúdio contra o que chamam de “ação truculenta” de “alguns membros da manifestação”. Leia a íntegra.

NOTA DE REPÚDIO CONTRA ATOS DE COAÇÃO E AGRESSÃO DURANTE OS PROTESTOS DE SEXTA-FEIRA, 28 DE ABRIL

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Ilhéus, Associação Comercial de Ilhéus, Sindicato do Comércio de Ilhéus, Associação do Turismo de Ilhéus e o Sindicato da Indústria de Aparelhos Elétricos, Eletrônicos, Computadores, Informática e Similares de Ilhéus e Itabuna juntos, por meio desta nota, manifestam o seu repúdio aos atos de invasão, coação e agressão cometidos por alguns membros da manifestação lideradas por entidades sindicais e político partidárias.

Lojistas e seus colaboradores presentes, no exercício de sua função, denunciaram o que foi identificado como uma ação truculenta e agressiva de membros sindicais e partidários, tendo estes chegado de forma desrespeitosa, os coagindo a fechar e privar o seu direito e liberdade em poder abrir seus estabelecimentos, sob a desconfiança de sofrerem um suposto ato de vandalismo, ameaças que chegaram infelizmente a serem concretizadas em alguns estabelecimentos.

A forma sem critério e sem respeito contra os empresários deu mostras de uma ação desastrosa em prol da união das pessoas em se conscientizarem na defesa de ideias.

Assim, vimos a público registrar o nosso repúdio à tal postura, bem como a nossa preocupação com o Estado Democrático de Direito. As entidades do setor produtivo de Ilhéus se colocam ao lado da sociedade e de seus companheiros empresários, independente de ideologias, pois defendemos o direito da população expor suas ideias, o direito de ir às ruas de forma pacífica e respeitosa, sobretudo, o direito das empresas em exercerem o seu papel e contribuírem significativamente para a geração e manutenção da maior parte dos empregos em Ilhéus.

SECRETARIA CONCLUI CONTRATO DA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR


Gil Gomes durante visita ao Colégio do Banco da Vitória.

Gil Gomes durante visita ao Colégio do Banco da Vitória.

Em contato com o vereador Gil Gomes (PV), a secretária de Educação de Ilhéus, Eliane Oliveira, confirmou a conclusão do processo licitatório da alimentação escolar.

O edil procurou a secretaria para transmitir reclamação que ouviu em conversa com estudantes e pais de alunos do Colégio Municipal do Banco da Vitória. Ele visitou a escola na última quinta-feira (27). A comunidade escolar reclama do atraso da entrega da merenda.

Na última segunda-feira (24), no evento em que o governo apresentou os principais feitos dos cem primeiros dias da nova gestão, a secretária explicou que o atraso se deveu à decisão de aguardar o encerramento do processo licitatório, evitando assim o prolongamento de vínculos do governo anterior.

PREFEITURA DE ILHÉUS CONVOCA PRÉ-SELECIONADOS DO “MINHA CASA”


minha-casa-minhavidaO governo Mário Alexandre vai iniciar nova etapa da auditoria da pré-seleção de beneficiários do programa federal Minha Casa, Minha Vida. Dessa a vez o trabalho se concentrará na lista do Conjunto Habitacional Rio Cachoeira. Em fase final de construção, o condomínio fica no bairro Banco da Vitória, perto do Hospital Regional da Costa do Cacau.

Os pré-selecionados deverão se apresentar ao setor de Habitação da Secretaria de Desenvolvimento Social de Ilhéus, localizada na rua Mário Alfredo, bairro Conquista. O expediente da pasta vai das 7h30min às 13horas.

A ordem de atendimento seguirá a sequência alfabética. Começará na terça-feira (2), com os pré-selecionados cujos nomes começam com as letras A, B, C, D e E. A quarta-feira (3) abrangerá as seis letras seguintes (F, G, H, I, J e K). A quinta-feira (4) será destinada às inicias L e M. Os demais serão atendidos na sexta-feira (5).

Os documentos necessários são: RG, CPF, carteira de trabalho, certidões de nascimento e de casamento, contrato de aluguel (com os três últimos recibos de pagamento), além dos comprovantes de residência e de renda atualizados. Todos deverão ser acompanhados por cópias.

Para evitar confusão e contratempos, o coordenador do setor de habitação, Welder Santos, reafirmou que deverão comparecer apenas os pré–selecionados para o Conjunto Habitacional Rio Cachoeira. O setor de Habitação vai dedicar toda a próxima semana a esse trabalho. “As demandas de consultas e outras informações serão retomadas no dia 8 de maio”, informou.

ILHÉUS TEVE A GREVE MAIS ABRANGENTE DA SUA HISTÓRIA, AFIRMA RODRIGO CARDOSO


Rodrigo Cardoso. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Rodrigo Cardoso. Imagens: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Na semana passada, numa conversa por telefone, o presidente do Sindicato dos Bancários de Ilhéus, Rodrigo Cardoso, relevou ao Blog do Gusmão a sua expectiva sobre a greve nacional que viria a ser realizada nesta sexta-feira (28). Segundo ele, naquela altura o ato já se desenhava como a maior manifestação trabalhista dos últimos trinta anos. Hoje, sob o sol de meio-dia na Praça Cairu, perguntamos ao líder sindical se a sua previsão se confirmou. “Com certeza!”, respondeu.

“Aqui em Ilhéus”, continuou Rodrigo, “a gente nunca teve um movimento com adesão de tantas categorias”. Ele considerou o protesto dos rodoviários “estratégico” para o ato unificado. Enfatizou a mobilização dos operários industriais e a participação dos servidores públicos de todas as esferas de governo.

Também destacou a postura dos comerciários de Ilhéus. “Eu queria registrar em especial a força dos trabalhadores do comércio. Mesmo pressionados pelas entidades patronais, não se intimidaram. O movimento fez valer o direito do trabalhador de protestar contra esse absurdo que o governo federal tem tentado fazer, que é destruir os direitos dos trabalhadores e praticamente eliminar a possibilidade de aposentadoria”, afirmou Rodrigo Cardoso.

Trabalhadores durante protesto no Centro de Ilhéus.

Trabalhadores durante protesto no Centro de Ilhéus.

“É o maior movimento de que você participou em Ilhéus?”, perguntamos. “Com certeza, dos que eu participei e dos que tenho notícias”, respondeu, antes de reafirmar que o seu comentário considera a abrangência da adesão aos protestos.

“INSTRUMENTOS DE LUTA”

Já passava das 22 horas da última quarta-feira (26) quando a Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 6.787/16, que propõe a famigerada reforma trabalhista. O texto seguiu para o Senado.

Dois pontos da proposta são especialmente criticados pelos trabalhadores: o predomínio da negociação coletiva sobre as leis trabalhistas não protegidas pela Constituição e o fim da obrigatoriedade da contribuição sindical. Ou seja, a um só tempo a reforma dá poderes acima das leis infraconstitucionais à negociação de direitos e elimina a principal fonte de financiamento dos sindicatos, instrumentos de defesa do valor do trabalho nas negociações coletivas.

Rodrigo acredita que o fim da contribuição obrigatória enfraqueceria a luta sindical. “Nós temos convicção de que o movimento sindical, para se sustentar, tem que contar com a contribuição dos trabalhadores. Não pode ficar dependendo das empresas e dos patrões. Para ser autônomo e independente, precisa ser sustentado pelos trabalhadores”.

Outra proposta aprovada na Câmara dos Deputados também enfraquece os sindicatos como “instrumentos de luta”, avalia Cardoso. Trata-se do possível fim da organização dos sindicatos por categoria. Se a mudança for sancionada, os trabalhadores não poderão criar entidades de acordo com a profissão, mas sim, conforme cada empresa. Por exemplo: hoje existe o sindicato dos bancários; se a lei for alterada, esses trabalhadores terão que criar um sindicato para cada rede bancária. De acordo com Rodrigo, o exemplo dos bancários não é o mais ilustrativo para a compreensão da ameaça, devido à dimensão nacional das instituições financeiras, o que ajudaria a manter uma força significativa das agremiações mesmo num cenário adverso. A alteração causaria mais danos aos sindicatos com atuação local.

Segundo Rodrigo, além dos direitos sociais, reforma trabalhista ameaça poder de organização dos trabalhadores.

Segundo Rodrigo, além dos direitos sociais, reforma trabalhista ameaça poder de organização dos trabalhadores.

APESAR DE INCIDENTES, RECADO DADO

Em Ilhéus, os atos públicos começaram no início da manhã e se estenderam até as 13h30min, com uma intervenção na Praça Cairu. Conforme Rodrigo, junto com as falas contra as reformas, os manifestantes repudiaram incidentes protagonizados pela Polícia Militar e por dois homens que portavam armas de fogo diante de estabelecimentos comerciais. Segundo Cardoso, um homem que acompanhava o protesto na entrada do bairro Teotônio Vilela foi atingido por uma bala de borracha na perna. Além do ferimento, acabou detido por policiais militares.

Quando conversávamos com o sindicalista no Centro, uma viatura policial avançou de maneira veloz e passou ao nosso lado, entre várias pessoas. O público reagiu com vaias à manobra perigosa. Por outro lado, registramos o uso perigoso de fogos de artifício por parte de alguns manifestantes. Bombas potentes foram arremessadas no chão. As explosões ofereceram riscos aos presentes e deixaram o clima mais tenso.

Registrada por volta das 14h45min desta sexta-feira, imagem mostra rua praticamente vazia no Centro de Ilhéus.

Registrada por volta das 14h45min desta sexta-feira, imagem mostra rua praticamente vazia no Centro de Ilhéus.

No fim da tarde, em nova conversa por telefone, Rodrigo Cardoso disse ao blog que, apesar dos incidentes, a força da greve levou a mensagem dos trabalhadores ao Congresso Nacional.

MORADOR SOLICITA RETIRADA DE ÁRVORE MORTA DO CSU


Em contato com o Blog do Gusmão, um morador do Centro Social Urbano (CSU), zona norte de Ilhéus, pediu que o setor responsável da prefeitura retire uma árvore morta da comunidade. Alguns galhos já caíram. Segundo ele, é importante que o serviço seja feito com brevidade, pois crianças transitam no local.

O Blog do Gusmão conversou hoje (28) por telefone com o secretário de Serviços Urbanos de Ilhéus, Jorge Cunha. O gestor garantiu que a árvore será recolhida na próxima terça-feira (2), após o feriado do Dia Internacional do Trabalhador. Conforme o secretário, o serviço já estava agendado.

AMIGOS DE MANZO APOIAM A LUTA DOS TRABALHADORES


Galera do "baba" de Manzo.

Galera do “baba” de Manzo.

Os amigos de Manzo, membros de um dos “babas” mais tradicionais de Ilhéus, mantiveram contato com o Blog do Gusmão para manifestar seu apoio à luta dos trabalhadores de todo o Brasil. Nesse domingo (30), eles vão se reunir no Alto da Conquista para a festa em homenagem ao Dia Internacional do Trabalhador (1º de maio).

GREVE GERAL: VÍDEO MOSTRA BRIGA NO CENTRO DE ITABUNA


Registrado nesta sexta-feira (28), o vídeo abaixo circula nas redes sociais e mostra o momento em que homens trocaram socos no calçadão de Itabuna, durante os protestos da greve geral contra as reformas trabalhista e previdenciária. Assista.

ÓDIO CONTRA GREVE RETRATA ATRASO DO BRASIL


mario-magalhaesPor Mário Magalhães/publicado hoje (28) no blog do autor

Se eu fosse antropólogo, estudaria um fenômeno curioso e obscuro: por que muitos brasileiros que viajam ao exterior são tolerantes com conflitos sociais no estrangeiro e intolerantes aqui?

Mais pontualmente, por que encaram ou aparentam encarar as greves de lá como episódios do cotidiano democrático e as do Brasil como aberração extremista?

É frustrante ir ao Louvre e dar com a cara na porta, em mais uma paralisação dos funcionários do museu parisiense. Mas ninguém, ou quase, corre às redes (antis)sociais para insultar os trabalhadores franceses. Não os achincalham como vagabundos.

Ao contrário do que se observa nas nossas bandas neste 28 de abril de xingamentos cabeludos.

:: LEIA MAIS »

COMERCIANTES SACARAM ARMAS DE FOGO, ACUSAM MANIFESTANTES


Manifestantes concentrados na Praça Cairu, Centro de Ilhéus. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Manifestantes concentrados na Praça Cairu, Centro de Ilhéus. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Segundo manifestantes que preferem não ser identificados, pelo menos dois comerciantes de Ilhéus sacaram armas de fogo quando as pessoas que participam dos protestos da greve geral se aproximaram dos seus estabelecimentos. Os dois incidentes ocorreram no centro comercial e na “Rua da Linha”, também no Centro da cidade. Uma das pessoas armadas teria sido detida pela Polícia Militar. Nesse momento, a manifestação se concentra na Praça Cairu.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia