WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Terca-Feira, 12 de Dezembro de 2017
cenoe faculdade madre thais

EMBASA INTERROMPE SERVIÇOS NOS ALTOS DE ILHÉUS

Nota da Embasa de Ilhéus.

Nota da Embasa de Ilhéus.

Nessa terça-feira (24), a Embasa informa que interrompeu o abastecimento de água nos Altos de Ilhéus. A interrupção começou às 8h e é resultado de um serviço de entroncamento de uma nova estação elevatória de água.

A previsão de termino dos serviços é no final da tarde de hoje. Após a conclusão, os serviços nas localidades do Alto Carvalho, Alto da Esperança, Alto do Amparo, Alto do Coqueiro e Alto Legião vão retornar gradativamente nas próximas 24 horas. A empresa recomenda aos usuários que utilizem menos água em suas rotinas nesse período.

A Embasa investiu R$ 1 milhão em novos equipamentos e redes para regularizar, de forma definitiva, o abastecimento de água nos chamados Altos de Ilhéus. As intervenções promovem o aumento da vazão de distribuição e garantem mais horas operadas. Outros bairros elevados da cidade, que estão conectados aos novos equipamentos desde a semana passada, já estão sentindo os efeitos das melhorias implantadas no sistema.

PARTE DE ESCADARIA DO ALTO DO COQUEIRO DESMORONA

Imagens: Defesa Civil.

Imagens: Defesa Civil.

O coordenador da Defesa Civil em Ilhéus, Joandre Neres, informou ao Blog do Gusmão que o órgão notificou hoje (28) duas famílias que moram no Alto do Coqueiro, no Malhado. Elas devem deixar as suas residências por causa do desmoronamento de parte da escadaria da comunidade. O incidente não deixou feridos.

Segundo Joandre, uma mistura de lama e pedras desabou no fundo das duas casas e ameaça a segurança dos moradores. O rompimento de um cano da Embasa agravou a situação provocada pelas fortes chuvas.

Casas em zona de perigo.

Casas em zona de perigo.

Ele explicou que a Defesa Civil tem um mapa das áreas de risco da cidade. Quando o índice pluviométrico diário ultrapassa a marca de 60 milímetros, os pontos mapeados entram em estado de risco, porque as chances de ocorrer deslizamentos de terra são grandes. Ilhéus já registrou 62mm com a medição iniciada às 4 horas desta terça-feira.

Ainda de acordo com Neres, caso necessitem, as famílias notificadas poderão recorrer ao apoio da Secretaria de Desenvolvimento Social de Ilhéus.

Perspectiva ampla revela marca do desmoronamento no morro.

Perspectiva ampla revela marca do desmoronamento no morro.

Em contato com este blog nesta terça-feira, o secretário de Comunicação de Ilhéus, Alcides Kruschewsky, informou que o prefeito Mário Alexandre (PSD) coordena pessoalmente, em regime de plantão, o trabalho das equipes envolvidas no atendimento à população das áreas de risco.

Em tempo, como divulgamos mais cedo, os telefones da Defesa Civil para emergências são: 9 8895-8633 e 3234-3597 (ambos com prefixo 73).

MORADORES LIMPAM ESCADARIA DO ALTO DO COQUEIRO

Escadaria do Alto do Coqueiro.

Escadaria do Alto do Coqueiro.

As imagens acima mostram a escadaria do Alto do Coqueiro antes e depois da limpeza realizada pela comunidade. Eles retiraram todo o mato que impedia o livre acesso aos degraus.

A escadaria dá acesso ao bairro do Malhado, na zona norte de Ilhéus. Segundo uma moradora, mesmo após a retirada do mato, a maior parte dos degraus carece de reforma, pois ainda oferece risco à segurança das pessoas que passam por ali.

MORADORES DO ALTO DO COQUEIRO REVELAM ANGÚSTIAS A BEBETO

Bebeto em visita ao Alto do Coqueiro.

Bebeto em visita ao Alto do Coqueiro. Imagem: Jan Rocha.

Da assessoria do PSB

Moradores do Alto do Coqueiro enfrentam dramas comuns a outros altos e morros de Ilhéus. Faltam obras de contenção das encostas, saneamento básico, serviços de saúde e limpeza. Bebeto (PSB) visitou a localidade na manhã desta sexta-feira, 16, e ouviu as angústias de quem vive com a vida e o patrimônio em risco. “As pessoas lutam tanto para construir suas casas, trabalham para criar seus filhos e vivem desassistidas. Minha gestão terá o povo dos morros como prioridade”, declarou o candidato do PSB.

Entre os abandonados pela administração municipal estão pessoas como a aposentada Ieda Maria de Menezes. “Precisamos de um prefeito que olhe para quem mora no morro porque é isso que a gente quer. Acredito em Bebeto como o melhor candidato a prefeito, espero que ele faça a diferença, pois já chega de tanto desmandos”, declarou.

O artista plástico Abílio dos Reis Almeida contou que sofre com a falta de contenção das encostas e sua casa se encontra em área de risco. Apesar de o imóvel ter sido condenado pela Defesa Civil, ele não pode desocupar o lugar porque não tem para onde ir, pois a prefeitura não providenciou. “Aqui quando chove é um Deus nos acuda. Estamos há dois anos sem energia elétrica porque a Coelba não vem religar devido ao risco”, disse. Ele ainda falou que gostaria de repassar seus conhecimentos para crianças e jovens e lamentou a falta de apoio do governo municipal.

Projetos de Bebeto

A visita dos candidatos da coligação “Ilhéus, nosso maior compromisso” ao Alto do Coqueiro contou com a presença de lideranças locais. Bebeto agradeceu as manifestações de apoio e disse que vai fazer com que a prefeitura chegue aos morros, com serviços, programas e projetos nas áreas de saúde, educação, cultura e assistência social.

Para Bebeto, o período eleitoral é um momento de reflexão sobre o destino que os ilheenses querem dar à cidade. “Eu não vou deixar que as famílias ilheenses continuem abandonadas à própria sorte. Porque esse retrato que os últimos gestores pintaram da cidade não é o que desejamos. Nossa proposta é de mudança qualitativa, com um governo eficiente”.

PM PRENDE ACUSADOS DE TRÁFICO DE DROGAS EM ILHÉUS

Montagem: Polícia Militar.

Montagem: Polícia Militar.

Na última quarta-feira (27), policiais militares da CIPE Cacaueira prenderam dois homens acusados de tráfico de drogas no Alto do Coqueiro, bairro Malhado, zona norte de Ilhéus.

Segundo a PM, Anderson Alvarez e Raimundo Almeida foram flagrados com 380 gramas de cocaína, mais de 33 gramas de crack e uma balança de precisão.

Os policiais levaram os acusados e o material apreendido para a 7ª Coorpin, delegacia no centro de Ilhéus.

JABES NÃO ENTENDE O GRITO DOS MORROS

Para o prefeito, manifestações populares legítimas são artifícios de opositores.

Para o prefeito, manifestações populares legítimas são artifícios de opositores. Imagens: Thiago Dias, Juliana Gonçalves e Marcolino Reis.

Por Thiago Dias

O prefeito Jabes Ribeiro (PP) erra ao interpretar os protestos recentes dos moradores do Bosque Verde e Altos do Coqueiro e Amparo como movimentos articulados pela oposição. O erro é típico de um olhar que reduz a política às práticas partidárias.

Ao confundir opositores e manifestantes de causas legítimas, Jabes despreza a inteligência e a sensibilidade daqueles que está acostumado a tratar como massa eleitoral uniforme. Se a oposição distribui gasolina e pneus é porque há revoltados dispostos a queimá-los.

Vá ao Alto do Amparo, prefeito! Veja de perto o estrago que a chuva opositora fez no barranco e na vida das pessoas! Este blog foi lá. A revolta é visível – lembre aqui.

Nesse contexto, a sabedoria popular (“O mal do sabido é pensar que todo mundo é besta”) dialoga com o pressuposto marxista: “Não é a consciência dos homens que determina seu ser, mas, pelo contrário, seu ser social é que determina sua consciência”.

Corda foi amarrada à parede para ajudar na travessia de área perigosíssima no Alto do Amparo. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Corda foi amarrada à parede para ajudar na travessia de área perigosíssima no Alto do Amparo. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

(mais…)

GOVERNO JABES DESCE A LADEIRA

Jabes Ribeiro e o quintal soterrado de uma casa no Alto do Amparo. Imagens: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Jabes Ribeiro e o quintal soterrado de uma casa no Alto do Amparo. Imagens: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Por José Henrique Abobreira

abobreira ternoPoderia ser uma metáfora, mas, infelizmente, não é. O governo Jabes Ribeiro desce a ladeira, porque o povão dos altos e morros de Ilhéus, base eleitoral do prefeito, desceu para ocupar o asfalto. Barricadas em chamas, cartazes da revolta e palavras de ordem evidenciaram o descaso da gestão jabista.

A inação da equipe do governo tende a piorar o clima insurrecional já visível. Ao invés de enviar secretários cujas áreas de atuação dizem respeito aos problemas dos morros, a administração se limita a apresentar um representante que sequer sabe responder com precisão as inquirições de urgência do povo sofrido. Isso aumenta a desilusão com os entraves burocráticos, porque o secretário de “relações institucionais” vira um tipo de bode expiatório, enquanto os secretários de obras e de urbanismo e meio ambiente (que poderiam dar uma resposta clara aos manifestantes) fogem da arena da insurreição popular.

Sem a transversalidade capaz de integrar ações entre as equipes das secretarias, o governo despenca no jogo político. Talvez por isso figuras emblemáticas e competentes decidiram desembarcar da canoa governista: Leidívia Espinheira (saúde), Luiz (o controlador geral especialista em contas públicas), Marco Antonio Porto Carmo e o conceituado jornalista Paixão Barbosa (comunicação). Sem falar na atitude corajosa do presidente licenciado do PC do B em Ilhéus, Rodrigo Cardoso, que se afastou do diretório municipal por não concordar com o estreitamento dos laços entre os camaradas comunistas e o jabismo.

Já não há diálogo com a sociedade civil organizada por parte desse governo e não enxergamos disposição nele para retomá-lo.

(mais…)

VÍDEO: MORADORES DO ALTO DO COQUEIRO QUEIMAM SOFÁS DURANTE PROTESTO

Imagens de um morador do Alto do Coqueiro.

Cansados das humilhações causadas pelo governo Jabes Ribeiro, Embasa e outros órgãos públicos, moradores do Alto do Coqueiro resolveram fazer barricadas no Parque Infantil. É o desabafo de uma comunidade constantemente desrespeitada.

A revolta é válida, mas a forma prejudica a própria população, pois a queima de pneus, sofás, madeiras velhas e etc, gera poluição, prejudica o meio ambiente e afeta a saúde de idosos, crianças e pessoas alérgicas.

As imagens não estão com boa qualidade. Veja.

IMAGENS AÉREAS DO PROTESTO NO MALHADO

Imagem: Ponto.Alto.

Imagens: Ponto.Alto.

A empresa Ponto.Alto usa drones para produzir imagens aéreas e registrou os momentos finais do protesto realizado hoje (28) por moradores do Alto do Coqueiro no bairro Malhado, em Ilhéus.

Bombeiro apaga fogo de barricada no Parque Infantil.

Bombeiro apaga fogo de barricada no Parque Infantil.

As fotos mostram a ação do Corpo de Bombeiros para apagar os focos de incêndio da barricada montada no Parque Infantil, em frente à ladeira que dá acesso ao morro.

Clique aqui para ler sobre o desfecho da manifestação.

PM E GOVERNO JABES NEGOCIAM COM MANIFESTANTES

Imagem: Marcolino Reis/Facebook.

Imagem: Marcolino Reis/Facebook.

A Polícia Militar e o secretário de relações institucionais da Prefeitura de Ilhéus, Frederico Vésper, negociam com os manifestantes que bloqueiam ruas e avenidas do bairro Malhado. O responsável pela Embasa na cidade, José Lavigne, também está no local.

Moradores do Alto do Coqueiro cobram ações do poder público para melhorar as condições de vida na comunidade.

A presença de um representante do governo Jabes Ribeiro era uma das reivindicações da população revoltada. 

Com informações do repórter Ciro Zatelle (Programa Gil Gomes, Rádio Santa Cruz).

MORADORES DO ALTO DO COQUEIRO FECHAM RUAS DO MALHADO

Barricada na Avenida Ubaitaba.

Barricada na Avenida Ubaitaba.

Moradores do Alto do Coqueiro bloqueiam ruas e avenidas do bairro Malhado, em Ilhéus, na manhã dessa terça-feira (28). Parque Infantil e Avenida ACM são alguns dos locais com barricadas, assim como a Avenida Ubaitaba. Os manifestantes cobram ações da prefeitura.

Polícia Militar negocia com manifestantes para liberar vias. Imagem: Marcos Vinícius Reis (Marcolino).

Polícia Militar negocia com manifestantes para liberar vias. Imagem: Marcos Vinícius Reis (Marcolino).

Segundo o repórter Ciro Zatelle (Programa Gil Gomes, Rádio Santa Cruz), a Polícia Militar negocia a liberação das vias. Os manifestantes exigem a presença do secretário municipal de relações institucionais, Frederico Vésper. 

Ilhéus vive segundo dia consecutivo de protestos.

Ilhéus vive segundo dia consecutivo de protestos.

Esse é o segundo dia consecutivo de protestos populares em Ilhéus. Moradores do Bosque Verde e Alto do Amparo realizaram as manifestações dessa segunda-feira – veja aqui e aqui.

LAVAGEM DA CATEDRAL: MÃE DE SANTO FAZ PROTESTO CONTRA CAOS DA SAÚDE

Mãe Jeci protesta em cima de minitrio durante a lavagem da escadaria da catedral de Ilhéus. Imagens: Emílio Gusmão.

Mãe Jeci protesta durante a lavagem da escadaria da catedral de Ilhéus. Imagens: Emílio Gusmão.

Mãe Jeci chamou a atenção das pessoas que participaram da festa da lavagem da escadaria da Catedral de São Sebastião, em Ilhéus, nesse sábado, 17.

Mãe Jeci desce do minitrio após protestar.

Mãe Jeci desce do minitrio após protestar.

No minitrio parado em frente à Catedral, a mãe de santo pegou o microfone e protestou contra o caos da saúde pública.

O blogueiro Emílio Gusmão entrevistou Mãe Jeci após o protesto. 

A mãe de santo conta que pagou R$ 80 reais por uma consulta médica, pois não conseguiu ser atendida por meio do SUS. O médico que deveria realizar o atendimento gratuito cobrou pelo serviço. Ouça.

Página 1 de 21...Última »