WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Segunda-Feira, 24 de Setembro de 2018
casa facil prefeitura urucuca prefeitura ubaitaba
cenoe faculdade madre thais

JOVEM É ASSASSINADO A TIROS NO PONTAL

Na noite desse domingo (15), no bairro Pontal, em Ilhéus, a Avenida Lomanto Junior voltou a ser palco da violência. O jovem Patrick Silva foi morto a tiros, perto de um posto de combustíveis, após sair de uma festa de paredão realizada no espaço do antigo Clube Satélite. Pelo menos dois homens participaram da ação. Um dos disparos acertou a cabeça da vítima. O crime tem as características de uma execução.

MORTE DE MARIELLE FRANCO TEM CARACTERÍSTICAS DE EXECUÇÃO

Bandidos acertaram quatro tiros na cabeça da vereadora Marielle Franco. Imagem: Ranan Olaz/Câmara do Rio.

Por volta das 21 horas dessa quarta-feira (14), na cidade do Rio de Janeiro, homens armados atiraram pelo menos nove vezes contra o carro onde a vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ) seguia acompanhada por uma assessora e o motorista.

Quatro tiros acertaram a cabeça da parlamentar de 38 anos, que morreu na hora. O motorista da vereadora, Anderson Pedro Gomes, também faleceu no local. Atingida por estilhaços de vidro, a assessora sobreviveu. Ela é a principal testemunha do crime. 

As primeiras informações sobre o assassinato da vereadora indicam as características de uma execução. Dentro de outro carro, os assassinos de aproximaram do veículo onde ela estava, atiraram e fugiram.

Marielle Franco era socióloga. Nascida e criada no Complexo da Maré, elegeu-se vereadora com mais de 46 mil votos, a quinta maior votação para a Câmara de Vereadores do Rio em 2016. Desde o ano 2000, militava em defesa dos direitos humanos e contra a violência policial em comunidades pobres, como a sua.

Em nota divulgada no seu site, o Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) afirma que não descarta “a hipótese de crime político, ou seja, uma execução. Marielle tinha acabado de denunciar a ação brutal e truculenta da PM na região do Irajá, na comunidade de Acari”, também no Rio de Janeiro.

“Exigimos apuração imediata e rigorosa desse crime hediondo. Não nos calaremos!”, diz o texto do PSOL. Em comunicado, a Anistia Internacional também exigiu rigor e brevidade nas investigações do crime.

Antes de ser morta, Marielle participou de uma roda de conversa chamada “Mulheres negras movendo as estruturas”. O nome faz referência ao pensamento da ativista norte-americana Angela Davis, ex-militante do Partido Comunista dos Estados Unidos. Segundo Angela Davis, “quando uma mulher negra se movimenta, toda a estrutura da sociedade se movimenta com ela”.

HOMEM É EXECUTADO EM BAR DE ILHÉUS

Rogério dos Santos Melo. Montagem: Blog Agravo.

Rogério dos Santos Melo. Montagem: Blog Agravo.

Na noite dessa segunda-feira (6), durante uma festa no bar do Djalma, na Avenida Governador Roberto Santos (antiga Avenida Esperança), em Ilhéus, Rogério dos Santos Melo foi assassinado com cerca de vinte disparos de arma de fogo.

O autor do crime seria um homem conhecido como Careca. Ele teria contado com a ajuda de outros dois homens para fugir do bar num carro branco. A Polícia Civil investiga o caso.

Com informações do Blog Agravo.

CASÉ ANGATU HOMENAGEIA VÍTIMA DE FASCISTAS EM SP

Luis Carlos Ruas, o Índio. Imagem reproduzida no Facebook.

Luis Carlos Ruas, o Índio. Imagem reproduzida no Facebook.

Casé Angatu, professor da UESC, publicou no Facebook texto em que lembra dos seus diálogos com Luis Carlos Ruas, mais conhecido como Índio. Antes de morar em Ilhéus, Casé viveu na cidade de São Paulo, onde Luis Carlos foi assassinado no domingo de Natal.

Edvaldo da Silva, que é homossexual, conta que dois jovens se aproximaram dele e, sem motivo algum, começaram a lhe bater. Nesse momento, Luis Carlos tentou defendê-lo. Raíssa, uma travesti, também ajudou a vítima da agressão.

Os agressores então passaram a perseguir os três. Edvaldo e Raíssa conseguiram fugir. Índio foi espancado covardemente e morreu no hospital.

O episódio bárbaro aconteceu numa estação de metrô onde Índio trabalhava como vendedor ambulante há mais de vinte anos.

O repórter Alberto Gaspar, da TV Globo, disse que a polícia já identificou os autores da agressão. Segundo ele, seriam dois primos: Alípio Rogério Belo dos Santos e Ricardo Nascimento Martins. A Justiça expediu mandado de prisão. Eles são considerados foragidos.

Os assassinos pareciam uniformizados. Ambos vestiam camisas pretas e bermudas brancas. Pode ser uma coincidência. De toda forma, tanto a atitude quanto a suposta uniformização do vestuário remetem aos modos da juventude hitlerista.

No ensaio O homem revoltado (1950), o filósofo Albert Camus argumenta que a história da cultura não traça um percurso linear no tempo e não é possível garantir que as sociedades humanas caminham de forma determinante para o progresso. Essa visão positivista e até marxista foi superada. Nada nos garante um futuro redentor. A eleição democrática de um Trump e a barbárie natalina atestam a sentença do franco-argelino.

Leia o texto de Casé Angatu.

O “ÍNDIO” DO METRÔ DON PEDRO ENCANTOU!
Singela homenagem a quem causava muito bem

Por Casé Angatu

Conheci o Índio, vendedor ambulante, na Estação do Metrô Pedro II no final dos anos 90 quando lecionava na UNIABC em São Caetano do Sul. Na volta quase sempre passava pela barraquinha dele. Depois que deixei de trabalhar em São Caetano e ia andando do Tatuapé até a UNIFMU na liberdade para lecionar, por vezes, também dava uma passadinha por lá.

“Seu Índio” ou apenas “Índio” era uma figura única em sua simpatia … gente pra lá de boa. Generoso permitia que pagássemos depois quando não tínhamos dinheiro.

Puxando pela memória, um dia ele disse, me chamando também de Índio:

– Ô, Índio sabia que meu apelido é Índio?

Então perguntei:

– Você é Índio de onde?

Ele respondia, sempre sorrindo com aquela cara de gente boa:

– Sou lá do norte do Paraná (sempre entendia como Pará), mas não sei se sou Índio mesmo. Mesmo assim todo mundo me chama de Índio desde novo.

E dava risada.

Dizia eu:

– O senhor gosta de ser chamado de Índio?

(mais…)

BANDIDOS MATAM HOMEM E BALEIAM MULHERES NA CONQUISTA

disparo-de-arma-de-fogoNa madrugada dessa segunda-feira (5), dois homens mataram a tiros o jovem Joarles de Jesus Santos e balearam Juliana Santos Bispo e Caroline dos Anjos Santos. O crime aconteceu na Avenida Brasil, no Alto da Conquista, em Ilhéus.

Joarles foi atingido na cabeça e nas costas e morreu no local. Juliana, que recebeu cinco tiros na região do abdome, e Caroline foram levadas para o Hospital Geral Luiz Viana Filho. A Polícia Civil investiga o crime.

Atualizado às 10h37min.

Segundo o Blog Agravo, o caso ocorreu na Conquista, não no Malhado, como havíamos informado anteriormente.

MULHER É ASSASSINADA NA FRENTE DO FILHO EM COARACI

Tatiane e Rafael. Imagem: Blog Pimenta.

Tatiane e Rafael. Imagem: Blog Pimenta.

Tatiana de Souza de Jesus, 28 anos, foi morta a tiros por volta das 20 horas de sábado (12), em Coaraci. Seu filho de dez anos presenciou o crime. O pai da jovem chegou a ouvir os disparos. O agente de endemias Rafael Oliveira foi casado com ela por nove anos e é o principal suspeito. 

Rafael está foragido. De acordo com Raquel Santana, irmã da vítima, ele já havia agredido Tatiana e chegou a quebrar um revólver diante dela. 

Tatiana também deixou a filha de sete anos que teve com Rafael. 

A delegada responsável pelo caso, Ana Cristina Soares, suspeita que o crime pode ter sido motivado por ciúme.

Com informações do Blog Pimenta e da TV Santa Cruz.

PADRE É PRESO EMBRIAGADO APÓS ATROPELAR E MATAR CICLISTA

Imagem: O Globo.

Imagem: O Globo.

De O Globo

Um padre de 37 anos foi preso nesta segunda-feira, no Pará, após atropelar e matar um ciclista no acostamento de uma rodovia. Teste de bafômetro comprovou que George Miranda Gomes, padre há dez anos, tinha bebido. Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal, o acidente ocorreu no acostamento da BR-316, em Castanhal, e o religioso deixou o local sem prestar socorro ao ciclista, identificado como José Hilton das Neves Conceição, de 52 anos.

Após o acidente, o padre fugiu. Mas testemunhas anotaram a placa do carro, que pertence à Diocese de Bragança. O carro foi interceptado por policiais e o padre foi detido. Eram visíveis os sinais de embriaguez, segundo os policiais.

(mais…)

JOVEM NÃO ENTREGA CELULAR E É ASSASSINADO

Roberto tinha apenas 18 anos. Imagem: Plantão Itabuna.

Roberto tinha apenas 18 anos. Imagem: Plantão Itabuna.

Roberto Freitas de Vasconcelos Filho, 18 anos, foi assassinado na manhã dessa quarta-feira (11) em Itabuna. Ele se matriculou numa escola de condutores para tirar a carteira de habilitação. Hoje foi sua primeira aula.

Roberto foi abordado por um assaltante em local próximo à Avenida Juracy Magalhães. Segundo a dona da autoescola, o jovem se negou a entregar seu celular ao assaltante e foi baleado por isso. O bandido também disparou contra o instrutor da vítima, mas, não o atingiu. 

O Plantão Itabuna conversou com a dona da autoescola. Clique aqui para ouvir o depoimento dela sobre o crime.

MÃE E FILHA ASSASSINADAS NO VILELA

Luciene e Karine.

Luciene e Karine.

Conforme o Plantão Itabuna, a filha de Luciene Pereira Bispo, cuja identidade não foi revelada, encontrou os corpos da mãe e da irmã Karine Pereira Bispo dentro da casa onde as duas moravam no bairro Teotônio Vilela, em Ilhéus, nessa quinta-feira, 6. Peritos da Polícia Civil estiveram no local ontem à noite. 

De acordo com o Plantão de Itabuna, André Santos, que morava com Luciene há sete meses, é o principal suspeito do crime. 

A filha de Luciene não reside na casa onde moravam Karine, a mãe e o padastro. Ela foi ao local na última terça, 4, mas, não encontrou as duas. André disse que elas haviam saído. 

A mulher voltou à casa da mãe ontem à noite, estava fechada. Preocupada, contou com a ajuda de vizinhos para arrombar a porta. Encontrou Luciene e Karine mortas assim que entrou. A primeira tinha marcadas de facadas no corpo, a segunda parece ter sido estrangulada. 

HOMEM MATA AMIGO A PAULADAS NO ALTO DO MAMBAPE

pauladaUma brincadeira terminou em tragédia, nesse domingo, 27, no Alto do Mambape, na zona sul de Ilhéus. Conversamos com a irmã da vítima. Segundo ela, seu irmão, Sidnei Santos, e os amigos estavam bebendo e começaram a “brincar de luta”.

Sidnei usou muita força para estrangular um dos companheiros, que se revoltou. A brincadeira entre os dois amigos virou briga. Os demais não conseguiram separá-los.

A irmã da vítima descreveu a cena. “Ele correu, pegou um pau e foi para cima de Sid”. Ela conta que o irmão não fugiu e foi atingido na cabeça, pelo menos, duas vezes, antes do agressor ser contido por outros homens que passavam no local. 

Acionado por testemunhas, o SAMU chegou em pouco tempo ao Mampabe, mas, Sidnei já estava morto. A irmã da vítima não quis informar o nome do assassino. Segunda ela, o autor do crime ajudava seu irmão a permanecer na comunidade, onde Santos colecionava inimigos. 

AMBIENTALISTA É ASSASSINADO APÓS DENUNCIAR EMPRESA

Em Salvador, o ambientalista era conhecido com Ivo Bacana.

Em Salvador, o ambientalista era conhecido com Ivo Bacana.

Em Salvador, na tarde de quarta-feira 19, bandidos mataram Ivo Barreto do Couto Filho, ele era empresário, ambientalista e foi candidato a vereador em 2012.

Segundo o deputado  Leur Lomanto Júnior (PMDB), poucas horas antes de ser assassinado, Ivo se reuniu com a  Comissão de Meio Ambiente da Assembleia Legislativa da Bahia, para denunciar a empresa Millenium.

De acordo com o parlamentar, na reunião, o ambientalista alegou ter imagens subaquáticas que comprovam a ação poluidora da Milenium em praias de Salvador. 

FLANELINHA FOI ASSASSINADO NA PRINCESA ISABEL

No fim da tarde desta quinta feira 13, Ilhéus voltou a ser palco da violência. Um flanelinha, cuja identidade é desconhecida, foi assassinado na Avenida Princesa Isabel. Ele era suspeito de vários arrombamentos.

Aparentemente, a vítima foi alveja por 2 tiros no rosto. Traficantes são apontados como prováveis autores do crime.

Clique em leia mais para ver a foto. Atenção: imagem forte.

(mais…)

CINCO TIROS E MAIS UM ASSASSINATO NO MALHADO

Um homem foi assassinado com cinco tiros na noite de ontem, domingo, por volta das 19h30min, no bairro do Malhado, em Ilhéus.

A suspeita inicial da Polícia Militar é de que se trata de mais um crime cometido por traficantes de drogas. O homem morava no Alto do Coqueiro, e era conhecido como Gal.

Clique em leia mais para ver a vítima. Atenção, a imagem é forte.

(mais…)

BANDIDOS ROUBAM CARRO E MATAM HOMEM EM ILHÉUS

Imagem ilustrativa.

Imagem ilustrativa.

No último sábado (04), quatro homens roubaram um carro no centro de Ilhéus e foram para o alto da Conquista.

No bairro, balearam e mataram um homem supostamente envolvido com o tráfico de drogas, algo que a família da vítima nega. 

Segundo o Vermelhinho, depois do assassinato, os bandidos se envolveram em um grave acidente de trânsito, na Av. Princesa Isabel. Um deles morreu, os outros fugiram.  

ILHÉUS: MULHER MATA O MARIDO E ESTÁ FORAGIDA

facaDe acordo com a 7º COORPIN, uma mulher esfaqueou e matou o marido na última terça-feira (31), em Ilhéus. Ela está foragida. 

Segundo a polícia, a mulher desconfiava que o marido a traía. De acordo com o Blog Agravo, o crime foi cometido no local de trabalho da vítima, uma borracharia próxima à rodoviária de Ilhéus. Ela desferiu golpes com a faca no coração do esposo de 24 anos, identificado como José Alves dos Santos.

A irmã de José informou à polícia que o casal mantinha um relacionamento conturbado há 4 anos. 

Página 1 de 21...Última »
error: Content is protected !!