WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Domingo, 22 de Abril de 2018
cenoe faculdade madre thais

POPULAÇÃO COBRA MELHORIAS PARA A BR-251

O trecho da BR-251 entre a zona sul de Ilhéus e o município de Buerarema está muito deteriorado, sobretudo depois das chuvas recentes. Em contato com este blog, um morador do distrito de Santo Antônio solicitou que divulgássemos imagens da estrada. Confira.

Foto tirada por leitor mostra situação da estrada após chuvas.

Situação da estrada dificulta trânsito e atrapalha rotina de comunidades.

MORADORES DO SANTO ANTÔNIO AMEAÇAM FECHAR A PONTE ILHÉUS-PONTAL

Ponte Lomanto Júnior. Imagem: Youtube/Reprodução.

Ponte Lomanto Júnior. Imagem: Youtube/Reprodução.

Moradores do Santo Antônio e arredores afirmam que vão interditar a ponte Lomanto Júnior, no Pontal, caso os poderes públicos não recuperem a BR-251. Conhecida como rodovia Ilhéus-Buerarema, a estrada interliga comunidades e distritos ilheenses. A população desses locais sofre com as más condições da via.

Um morador do Santo Antônio revelou a intenção dos manifestantes ao participar hoje (29) do programa O Tabuleiro, da Conquista FM. Em resposta, o radialista Vila Nova criticou a ameaça de fechamento da ponte. Segundo o comunicador, esse tipo de ação não é o melhor caminho para reivindicar direitos, pois tende a prejudicar pessoas que não têm nada a ver com a manifestação.

“MEU FILHO, VÃO ASFALTAR A PONTAL-BUERAREMA”

Almerindo Martins.

Almerindo Martins.

Almerindo era criança quando ouviu o seu pai dizer que a “Pontal-Buerarema” seria asfaltada. “Estou com 57 [anos de idade] e até hoje nada”. A estrada a que ele se refere faz parte da BR-251. O trecho entre a zona sul de Ilhéus e Buerarema abriga comunidades que esperam há décadas pela chegada do asfalto.

Almerindo Martins é filho de Mãe Almerinda, líder religiosa do Ilê Axé de Luando, terreiro localizado no Pontal. A família tem um sítio à margem da BR-251. Ele falou sobre o assunto na última quinta-feira (16), na Câmara de Vereadores de Ilhéus, durante a sessão especial sobre a Campanha da Fraternidade de 2017. A Igreja Católica dedicou o tema desse ano ao cuidado com os biomas brasileiros e à defesa da vida.

Graduado em gestão ambiental, Almerindo disse que as más condições da estrada dificultam o escoamento da produção da agricultura familiar. Segundo ele, esse tipo de dificuldade tende a estimular a caça de animais da Mata Atlântica. Sem a venda do que é produzido, não há dinheiro. “Se o agricultor não pode escoar a sua produção, ele vai atrás de animais para se alimentar”.

No fim do pronunciamento, Martins se dirigiu aos deputados Uldurico Júnior (federal) e Marcel Moraes (estadual), ambos do PV, e pediu que eles intercedam em defesa de melhorias para a estrada inaugurada em 1972.

Nessa semana, um morador do Couto nos procurou para falar sobre os problemas impostos pela situação da estrada. As chuvas recentes tornaram o trânsito mais difícil no local. Segundo ele, na última quarta-feira (15), um ônibus derrapou na “ladeira do Bom Gosto”. Uma passageira machucou o braço no incidente.

Ainda de acordo com o morador, a comunidade cobra respostas e ações rápidas do poder público. Caso contrário, promoverá protestos na estrada, com a interdição do trânsito.

ILHÉUS: JUSTIÇA FEDERAL REALIZA AUDIÊNCIA SOBRE A BR 251

Este ônibus quase caiu de uma ponte da BR-251. Imagens foram registradas em 2013.

Em 2013, esse ônibus quase caiu de uma ponte da BR-251. Por sorte, o lado da estrutura de madeira que cedeu tinha a ponte inacabada de metal. Isso evitou o pior.

Conforme a Associação dos Moradores de Santo Antonio, a Justiça Federal vai realizar mais uma audiência sobre o trecho da BR 251 que interliga a zona sul de Ilhéus e Buerarema. A reunião está marcada para as 16 horas dessa quarta-feira, 29, e contará com a participação de representantes do Ministério Público, do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) e do Departamento de Infraestrutura de Transportes da Bahia (DERBA).

De acordo com a associação, as obras desse trecho da BR 251 estão abandonadas desde 1972, data em que inaugurado. Milhares de famílias vivem nos distritos que se estendem entre Ilhéus e Buerarema. Como a estrada nunca foi asfaltada, qualquer chuva prejudica o tráfego de  ônibus e outros veículos. A dificuldade de locomoção atrapalha a rotina de estudantes de todas as idades e emperra o escoamento da produção agrícola. A eficiência do serviço de emergência médica também é muito prejudicada pelas más condições da rodovia. 

Ainda segundo a associação, o objetivo da audiência é elaborar um Termo de Ajustamento de Conduta. No documento, o DNIT e o DERBA assumirão o compromisso de concluir as obras da “rodovia Ilhéus-Buerarema”. 

Presidente da Associação do Santo Antonio, Jorge Anunciação solicita o auxílio de autoridades para transportar os moradores dos distritos que desejam participar da audiência. 

A LUTA PELA SALVAÇÃO DA “RODOVIA ILHÉUS-BUERAREMA”

Imagens do arquivo da Associação de Moradores de Santo Antonio.

Imagens do arquivo da Associação de Moradores de Santo Antonio.

As comunidades que se estendem ao longo da rodovia Ilhéus-Buerarema (BR-251) farão  a “VI Carralgada do Movimento Salve a BR-251.” O termo “carralgada” significa que todos os meios de transporte, de carroças a carros, marcharão juntos. A marcha está marcada para o dia 28 de setembro e, às 7h, partirá para a BR-101, em Buerarema. 

De acordo com a Associação dos Moradores de Santo Antonio, a luta pela salvação da rodovia é antiga. Inaugurado em 1972, aquele trecho da BR-251 nunca foi asfaltado. A pista fica cheia de lama quando chove – algo constante na região. O perigo ameaça a vida de quem precisa da estrada para escoar a produção agrícola, comprar mercadoria, estudar, ir ao médico e etc. 

O problema afeta os moradores de Santo Antonio, Rio do Engenho, Repartimento, Santa Maria, Cururutinga, Búzios, Areia Branca, Itararé, Cascalheira, Seringal, Tranquilidade, Rompedeira, Santana, Sant’Aninha, Japu, Morro, N.S. da Vitório e Ilhéus II. Todos estão convidados para o protesto.

MOVIMENTO RETOMA PROTESTO: “SALVE A BR-251”

Este ônibus quase caiu de uma ponte da BR-251. Fotos: Jorge Anunciação.

Este ônibus quase caiu de uma ponte da BR-251. Fotos: Jorge Anunciação.

No domingo (26), a Associação do Santo Antônio  vai reunir moradores de todas as comunidades que se estendem ao longo da BR-251, que liga os bairros da zona sul de Ilhéus a Buerarema. Em pauta, a retomada dos protestos contra o abandono da estrada e o descaso histórico dos governo federal e estadual.

A reunião está marcada para as 9 horas e será realizada na sede da associação, situada na praça do Santo Antônio. Segundo Jorge Anunciação, um dos líderes do Movimento Salve a BR-251, “a situação é de abandono e miséria, várias comunidades estão ilhadas.”

Jorge lembra o terror vivenciado pelos 20 passageiros pelos passageiros de um ônibus que quase caiu de uma ponte naquela estrada. O acidente ocorreu no último dia 09. A estrutura de madeira cedeu e o veículo chegou a tombar. 

Segundo testemunhas, o veículo só não caiu porque ficou escorado na ponte de ferro (inacabada) construída ao lado da de madeira.

ÔNIBUS QUASE CAI DE PONTE EM ILHÉUS

Fotos: Jorge Anunciação.

Fotos: Jorge Anunciação.

Os passageiros do ônibus que aparece nas imagens acima viveram momentos de terror. O veículo atravessava uma ponte de madeira e quase caiu quando parte da estrutura cedeu. O acidente ocorreu ontem (quinta-feira, 09), no trecho da BR 251 entre a zona sul de Ilhéus e Buerarema.

Segundo Jorge Anunciação, presidente da Associação do Santo Antônio, mais de 20 pessoas estavam no ônibus e algumas se feriram sem gravidade.

As imagens sugerem que o ônibus só não despencou porque ficou escorado numa ponte de ferro inacabada, instalada ao lado da estrutura de madeira.

As comunidades da região sofrem há décadas com o descaso dos governos federal e estadual. A BR 251 nunca foi asfaltada e, além da “ponte podre”, o trânsito na estrada costuma ser impraticável quando chove. 

BR 251 SOFRE COM DESCASO

Atoleiro na BR 251.

Atoleiro na BR 251.

Os protestos contra o descaso do Poder Público em relação à BR 251 são recorrentes. O trecho que liga a zona sul de Ilhéus à Buerarema é sempre tomado pela lama, o problema se agrava com as chuvas.

O acúmulo de lama inviabiliza o tráfego em vários trechos da BR 251. Os prejuízos recaem sobre a economia da agricultura familiar, que não consegue escoar sua produção. Milhares de estudantes são afetados, sem acesso às escolas. Os riscos de acidentes de trânsito também aumentam.

Em 16/06/2011, o Ministério Público Federal (MPF) acolheu ação proposta pelo então procurador da República Eduardo El Hage, determinando que o DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) providenciasse, em até 30 dias, o início das  obras de recuperação superficial da rodovia 251/BA. Na época, o MPF reconheceu que a má conservação da pista é fruto da omissão do poder público.

COMUNIDADES ESTÃO “ILHADAS” DEVIDO AO PÉSSIMO ESTADO DA BR-251

Comunidades da zona rural de Ilhéus continuam reclamando da péssima situação da BR-251 (rodovia Ilhéus-Buerarema).

Com o tempo chuvoso, os ônibus pararam de circular na região, devido ao grande lamaçal que se formou na estrada. Neste período, até mesmo as crianças estão impossibilitadas de frequentarem a escola.

Em relação a isso, o Movimento Salve a BR 251/BA vai protocolar nesta terça (02) documentos no Ministério Público Federal, pedindo providências por meio de uma ação civil pública.

Em tempos de chuva, a estrada fica intransitável.

Em tempos de chuva, a estrada fica intransitável.

PEDRO TAVARES ABRAÇA A CAUSA DA BR 251

Pedro Tavares quer resolver o problema da BR 251.

Pedro Tavares quer resolver o problema da BR 251.

Durante entrevista ao radialista Gil Gomes (Rádio Santa Cruz AM), na manhã dessa sexta-feira, 22, o deputado estadual Pedro Tavares (PMDB) abraçou a causa da BR 251 (rodovia Ilhéus-Buerarema), reivindicação antiga de produtores rurais e várias comunidades da zona rural de Ilhéus.

O parlamentar assumiu compromisso público de lutar para que a obra saia do papel (estaremos de olho e vamos cobrar).

A BR 251 é lama e sofrimento, ônibus não circulam com regularidade, muitas vezes crianças faltam nas escolas e pequenos agricultores têm dificuldades para escoar seus produtos.

Ouça o trecho da entrevista de Pedro Tavares sobre a rodovia.

PROCESSO QUE PEDE RECUPERAÇÃO DA BR-251 ESTÁ PARADO HÁ DOIS ANOS

Em tempos de chuva, a estrada fica intransitável.

Em tempos de chuva, a estrada fica intransitável.

O Ministério Público Federal (MPF) em Ilhéus ajuizou, na última segunda-feira (14), pedido de prioridade e urgência no julgamento da ação em que requer a recuperação da BR 251, que liga as cidades de Ilhéus e Buerarema.

A ação fora ajuizada há quase dois anos, em fevereiro de 2011, e ainda se encontra pendente de decisão final.

O requerimento, de autoria do procurador da República Ovídio Augusto de Amoedo Machado, leva em conta o precário estado da rodovia, as necessidades urgentes da população local e notícias de acidentes e até mortes no local.

Em junho de 2011, a Subseção Judiciária de Ilhéus concedeu liminar determinando a recuperação imediata da estrada pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). A decisão, que estipulou prazo de 30 dias para o início dos trabalhos, foi suspensa pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região.

ISRAEL NUNES PARTICIPA DE FEIJOADA DO MOVIMENTO SALVE A BR-251

Israel Nunes e representantes do movimento Salve a BR-251.

A péssima situação da BR-251, que liga Ilhéus a Buerarema, motivou mais ações em busca de melhorias para a estrada (clique aqui para ver mais).

Ontem (domingo, 15), o movimento Salve a BR-251 realizou uma feijoada para arrecadar fundos e assim promover mais eventos em prol da causa.

A feijoada, que aconteceu no Santo Antônio, reuniu, além de moradores dos distritos no decorrer da BR, políticos, como o pré-candidato do PC do B a prefeito, Israel Nunes, que se manifestou em defesa do movimento e se colocou à disposição para colaborar na resolução do problema.

PÉSSIMO ESTADO DA BR 251 ISOLA COMUNIDADES

O acidente poderia ser bem pior.

A negligência dos governos federal e estadual continua atrapalhando o dia-a-dia dos moradores de distritos rurais, no decorrer da BR 251, que liga Ilhéus a Buerarema.

Desde segunda-feira (13), estudantes de comunidades como Santo Antonio, Areia Branca e Santa Maria não podem ir às escolas, porque o barro jogado pelo DERBA tornou a estrada intrafegável.

Mesma situação vivem os pequenos produtores rurais, que são obrigados a jogar sua produção no lixo, diante da dificuldade para escoar.

Na manhã de ontem (terça-feira, 14), graças a uma leve chuva que caiu na região, ônibus das empresas São Miguel e Viamentro derraparam e caíram numa valeta. Segundo passageiros, se os veículos não encostassem num barranco na beira da estrada, um acidente bem pior poderia acontecer.

Há alguns meses, a justiça obrigou o estado a asfaltar toda a estrada, mas o Derba simplesmente jogou barro na BR, complicando ainda mais a situação.

O movimento Salve a BR 251 já anunciou que fará um protesto pedindo melhorias na estrada, quando o governador Jaques Wagner vier em Ilhéus, para os festejos do centenário de Jorge Amado.

Veja abaixo outras fotos que mostram a situação precária da estrada.

(mais…)

JUSTIÇA DETERMINA QUE O DNIT RECUPERE A RODOVIA PONTAL-BUERAREMA

O juiz federal Pedro Alberto Calmon Holliday, da justiça federal, subseção de Ilhéus, determinou que o DNIT (departamento nacional de infraestrutura de transportes) inicie em 30 dias a recuperação da Rodovia Pontal-Buerarema (BR-251).

A liminar deferida no dia 09 de junho, atendeu pedido do Ministério Público Federal, baseado na solicitação das comunidades próximas à rodovia.

A situação do Pontal-Buerarema é péssima. No dia 06 de maio, um ônibus da Viação São Miguel tombou na pista de barro. Por muita sorte os passageiros saíram apenas com ferimentos leves. As comunidades prejudicadas planejam a interdição da ponte Ilhéus-Pontal, em sinal de protesto.

Leia a decisão do juiz. Para ampliar, clique nas quatro setas do canto inferior direito.