agosto 2014
D S T Q Q S S
« jul    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  


:: ‘Firmino Alves’

INSCRIÇÕES PARA O PRONATEC ABERTAS ATÉ SEXTA

pronatecEstão abertas até sexta-feira (14) as inscrições para o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico (Pronatec). Na Bahia, são 1.023 vagas disponíveis para estudantes do 2º ou 3º ano do ensino médio ou do EJA Médio.

Os cursos técnicos são realizados no turno oposto ao que o aluno estuda regularmente.

As inscrições são feitas nas Diretorias Regionais de Educação (Direc), nos centros estaduais ou territoriais de Educação Profissional (Ceep ou Cetep) e nas escolas de ensino médio atendidas pelo programa.

Há vagas para Itabuna, Itanhém, Jequié,Amargosa, Barreiras, Brumado, Caculé, Firmino Alves, Guanambi, Maragogipe, Rio do Antônio, Vitória da Conquista, Ruy Barbosa, Santo Antônio de Jesus, Serrinha, Teixeira de Freitas, Valente, Valença, Ipiaú e Serrinha.

CASOS DE LESHIMANIOSE EM ILHÉUS E ITABUNA

Do A Região:

Ilhéus e Itabuna já registraram quase 50 casos de Leishmaniose neste ano. No primeiro município foram 30 notificações entre primeiro de janeiro e esta quarta-feira.

O município com maior quantidade de doentes com Leishmaniose na região é Una, que acumula 35 casos da doença. Em todo o sul da Bahia foram mais de 200 notificações.

Além de Ilhéus, Itabuna e Una, na região estão incluídos entre os municípios com maior quantidade de doentes Ubaitaba, Ibirapitanga, Itacaré, Firmino Alves, Buerarema e Aurelino Leal.

Em toda a Bahia foram registrados cerca de 2.500 casos de Leishmaniose, dos quais 432 deles no município de Presidente Tancredo Neves. Taperoá aparece em seguida, com 282 ocorrências.

POLÍCIA FEDERAL INDICIA PADRE AGUINALDO, PREFEITO DE FIRMINO ALVES

Padre Agnaldo (indiciado na PF) deve explicações a Deus e a justiça federal.

Em primeira mão.

O delegado da Polícia Federal, Eduardo Assis, que comanda as investigações da operação vassoura-de-bruxa, continua indiciando prefeitos e ex-gestores flagrados em situações mais do que suspeitas.

Na tarde ontem (quarta-feira/02), Eduardo Assis indiciou o Padre Agnaldo (PMDB), prefeito de Firmino Alves, e José Bonfim Santos, ex-prefeito de Barro Preto.

Em relação a Barro Preto, o delegado informou que foi encontrada grande quantidade de provas. Além do ex-prefeito Bonfim, foram indiciadas mais 28 pessoas, entre contadores, empresários e membros da administração.

A vassoura-de-bruxa já indiciou mais de 400 pessoas, de  100 municípios da Bahia. A operação investiga uma organização criminosa especializada na emissão de notas frias através de empresas fantasmas.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia