WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Domingo, 24 de Junho de 2018
ubaitaba
master class cenoe faculdade madre thais

PORTO DO MALHADO JÁ RECEBEU 53 MIL TONELADAS DE CACAU EM 2017

Navio Trammo Independent trouxe a remessa mais recente. Imagem: CODEBA.

Navio Trammo Independent trouxe a remessa mais recente. Imagem: CODEBA.

No primeiro quadrimestre deste ano, Cargill, Olam e Barry Callebaut, fabricantes de chocolate que atuam no sul da Bahia, já importaram 53 mil toneladas de amêndoas de cacau de Gana, país africano.

A remessa mais recente, de 23 mil toneladas, chegou na última segunda-feira (17). O Porto do Malhado, em Ilhéus, é o canal de entrada do produto na região.

FATURAMENTO DO PORTO DE ILHÉUS CRESCEU 74% EM JANEIRO

Porto de Ilhéus. Imagem: Secom-GOVBA.

Porto de Ilhéus. Imagem: Secom-GOVBA.

No primeiro mês deste ano, o Porto de Ilhéus faturou R$ 991 mil, 74% a mais que em janeiro de 2016 (R$ 569 mil). O aumento resultou de serviços de armazenagem, acostagem e operações terrestres, entre outros.

Segundo a gerente do Porto de Ilhéus, Bárbara Laudano, a maior parte desse resultado se deve ao transporte de minério e ao aumento da importação de cacau. “O porto movimentou um navio de magnesita, com cerca de 12 mil toneladas, e outro de cacau, com mais de 15 mil toneladas. Só a armazenagem do cacau correspondeu a R$ 381 mil, ou seja, quase 40% do faturamento”.

O aumento da profundidade da área de atracação faz parte das intervenções para dinamizar os serviços portuários. “Com a dragagem de aprofundamento, o Porto de Ilhéus se tornará mais competitivo, atraindo operações com volumes maiores de cargas”, destaca a gerente.

De acordo com a gestora, os investimentos promoverão ainda a retomada nas exportações de minério de ferro, das operações de trigo em grãos e de madeira.