WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Segunda-Feira, 11 de Dezembro de 2017
cenoe faculdade madre thais

ATENÇÃO: EVITE O BANHO DE MAR EM QUATRO PRAIAS DE ILHÉUS

Praia do Cristo.

Praia do Cristo.

A recomendação é do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Bahia (Inema). As praias que devem ser evitadas são: Cristo, Malhado, Marciano e Barra de São Miguel.

O diagnóstico de balneabilidade é obtido por meio do recolhimento de amostras. O instituto divulgou os resultados dos últimos testes nessa sexta-feira (11). Todas as outras praias de Ilhéus têm condições normais, no entanto, o banho de mar deve ser evitado em dias chuvosos.

GOVERNO AMEAÇA FECHAR UNIDADE DO INEMA EM ILHÉUS, DENUNCIAM SERVIDORES

inemaConforme denúncia de servidores do Instituto de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (INEMA) enviada hoje (22) a este blog, o governo da Bahia ameaça fechar a unidade do órgão em Ilhéus. Eles divulgaram uma nota sobre o caso e um vídeo com a leitura de uma carta aberta à sociedade. Eles também criticaram a gestão do secretário estadual de meio ambiente, Eugênio Spengler. Leia e assista abaixo.

“O Instituto de Meio Ambiente e Recursos Hídricos – INEMA, unidade de Ilhéus, sofre ameaça de fechamento. Essa instituição ambiental do governo do estado desenvolve ações de cuidado com o meio ambiente e bem estar social. É responsabilidade desse órgão a emissão de licenças ambientais rurais e urbanas, atendimentos emergenciais para grandes acidentes envolvendo produtos químicos, ordenação do uso da água, monitoramento da qualidade das praias. Além disso são competências do INEMA a gestão de Unidades de Conservação, Recursos Hídricos, Florestais e dos Animais Silvestres.

A Unidade de Ilhéus está localizada numa região estratégica onde estão previstas obras que irão gerar desenvolvimento econômico da região, como exemplo o maior complexo portuário em andamento no país – Porto Sul. O INEMA tem uma função estratégica de fiscalização e monitoramento para a implantação de projetos desse porte.

É importante lembrar que a Bahia é o estado brasileiro com a maior área reconhecida como Reserva da Biosfera da Mata Atlântica pelo programa MAB/ UNESCO. Vale ressaltar que a região é recorde mundial de biodiversidade com a presença de Unidades de Conservação estaduais, municipais e federais.

Sabendo-se que é dever do Estado realizar uma eficiente gestão ambiental, manifestamos grande indignação com os fatos relatados na Carta Aberta à Sociedade (leia aqui), divulgada pelos servidores do INEMA, que alertam os problemas relacionados com a política ambiental promovida pelo governo nos últimos cinco anos. Diante disso, afirmamos nosso apoio aos Especialistas em Meio Ambiente e Recursos Hídricos – funcionários concursados do INEMA e fazemos um apelo a toda sociedade: vamos unir esforços para a permanência da Unidade do INEMA em Ilhéus, uma vez que seu fechamento comprometerá o acompanhamento e monitoramento de todas as ações em favor do desenvolvimento econômico sustentável regional.”

LICENÇA PARA DESMATAR

Imagens: Rui Rocha/Facebook.

Tratores deixam marcas de destruição na APA Itacaré-Serra Grande. Imagens: Rui Rocha/Facebook.

O professor Rui Rocha, da UESC, publicou imagens do momento em que parte da Área de Proteção Ambiental (APA) Itacaré-Serra Grande estava sendo desmatada. A área é reconhecida como remanescente importante para a conservação da Mata Atlântica.

Desmatamento abre clareira em área da Mata Atlântica que estava em avançado estágio de regeneração.

Desmatamento abre clareira em área da Mata Atlântica que estava em avançado estágio de regeneração.

Além do desmatamento em si, seu aspecto legal também causa espanto. O Instituto de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (INEMA) autorizou o empreendimento Dakar a derrubar a mata. Com o perdão do trocadinho, o empreendedor tem licença ambiental para matar árvores. O professor lamentou ao ver a cena: “Tratores estão desmatando agora uma área em estágio avançado de regeneração”.

Veja outras imagens registradas no último dia 13.

(mais…)

ATERRO DO ITARIRI CONTINUA LIXÃO

Resíduo hospital a céu aberto

Lixo hospitalar a céu aberto (Foto: Amparo Melhor ONG)

A ONG Amparo Melhor disponibilizou um ofício encaminhado à CONDER (Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia) sobre a situação do aterro sanitário do Itariri, em Ilhéus.

Segundo a ONG, o governo do estado se comprometeu com a população de Ilhéus em promover a recuperação funcional e ambiental do aterro, mas a situação é de total descaso. Materiais que oferecem algum tipo de risco, como resíduos hospitalares, são deixados a céu aberto no local.

O ofício (clique em “leia mais”) também foi encaminhado ao Ministério Público Estadual e Federal, e ao Instituto de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (INEMA).

(mais…)