iptu ilheus


fevereiro 2016
D S T Q Q S S
« jan    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
2829  

:: ‘secretaria de saúde de Ilhéus’

URGENTE: ILHEENSE COM LEUCEMIA AGUARDA TRANSFERÊNCIA PARA SALVADOR

Luis está internado há 35 dias no Hospital São José.

Luis está internado há 35 dias no Hospital São José.

Com leucemia, câncer que afeta o sistema sanguíneo, Luis Cláudio Araújo Reis precisa ser transferido para o Serviço de Suporte de Hematologia, em Salvador. O jovem de 19 anos está internado há trinta e cinco dias no Hospital São José, em Ilhéus. A transferência depende da central de regulação do SUS no município.

Willian David, amigo de Luis, nos procurou ontem à noite (5) para que alertássemos as autoridades locais sobre a urgência do caso. Segundo ele, toda a comunidade da Igreja Maranata em Ilhéus está empenhada em ajudar o jovem, mas uma intervenção política pode agilizar a transferência. A família do paciente divulgou um telefone para contato: (73) 98811-8262.

Telefonamos hoje (6) para o secretário de saúde de Ilhéus, Antonio Ocké, para buscar informações sobre o caso. As chamadas para o número terminado em 2640 não foram atendidas.

SECRETARIA DE SAÚDE CONFIRMA CASOS DE CHIKUNGUNYA EM ILHÉUS

Epidemia-de-dengue-em-Porto-AlegreA prefeitura registrou os primeiros casos da febre chikungunya em Ilhéus. De acordo com o diretor de vigilância em saúde da secretaria municipal, Antonio Firmo, o município intensificou a investigação de casos suspeitos no último mês. Exames do Laboratório Central do Governo do Estado confirmaram as suspeitas.

Segundo o secretário municipal de saúde, Antonio Ocké, todas as providências estão sendo tomadas para tratar os pacientes e evitar a proliferação do mosquito transmissor, o Aedes aegypit, o mesmo que transmite a dengue o zika vírus. 

Os sintomas da chikungunya se parecem com os da dengue: febre, dores (especialmente nas articulações), cansaço e manchas avermelhadas na pele.

MÃE NÃO CONSEGUE VACINAR FILHA NO SARAH KUBITSCHEK

Posto de Saúde Sarah Kib

Posto de Saúde Sarah Kubischek. Imagem: Coutinho Neto.

Milena Santos nos procurou para reclamar que não conseguiu vacinar sua filha contra a poliomielite no Posto de Saúde da Família Sarah Kubitschek, no bairro Malhado, em Ilhéus. A criança de 4 anos faz parte do público alvo da campanha nacional de vacinação contra a paralisia infantil. As vacinas são para menores com até cinco anos de idade. No entanto, segundo Milena, por volta das 15 horas dessa segunda-feira (24), a única funcionária presente na unidade disse que não havia mais ficha disponível.

No último dia 18, a supervisora de imunização da secretaria de saúde de Ilhéus, Walkíria Cardeal, afirmou que a vacinação contra a paralisia infantil vai até a próxima segunda-feira (31). Por isso, Milena questiona se o governo Jabes Ribeiro age de forma correta ao limitar o número de vacinas durante uma campanha nacional. 

Nota divulgada pela Prefeitura de Ilhéus informa que os pontos de vacinação funcionam das 8h às 17 horas, o Sarah Kubitschek está entre as unidades citadas. O texto não diz nada sobre um limite diário para o número de vacinas.

Este espaço está aberto caso o governo queira prestar esclarecimentos.

SEGUNDO MPT, LICITAÇÃO DO GOVERNO JABES É “ILÍCITA”

Em documento enviado ao Conselho Municipal de Saúde, MPT alertou que já prepara ação para anular processo.

Em documento enviado ao Conselho Municipal de Saúde, MPT alertou que já prepara ação para anular processo.

Na última quarta-feira, 12, o Ministério Público do Trabalho informou ao presidente do Conselho Municipal de Saúde, Fred Oliveira, que é ilícito o processo por meio do qual o governo Jabes Ribeiro pretende terceirizar a gestão dos recursos humanos da Secretaria de Saúde de Ilhéus.

Clique aqui para ver o ofício do MPT. Nele, a procuradora Sofia Vilela de Moraes e Silva informa que o ministério já elaborou minuta de ação cautelar “para anular o processo de licitação instaurado”. Também se dispõe a discutir a questão com diversos órgãos públicos, “a fim de evitar o ajuizamento da ação”.

De acordo com a procuradora, a concorrência aberta pela governo Jabes Ribeiro “fere” o princípio do ingresso na administração pública por meio de concurso.

Clique aqui e aqui para ler outras matérias deste blog sobre o assunto. No último dia 5, por exemplo, adiantamos que o MPT acompanha esse processo de perto – lembre.

VACINE SEU FILHO CONTRA A PARALISIA INFANTIL

vacina q1A Secretaria de Saúde da Prefeitura de Ilhéus transferiu de 15 para 22 de agosto (sábado) o “Dia D” de vacinação contra a poliomielite (paralisia infantil). De acordo com a supervisora municipal de imunização, Walkíria Cardeal, a campanha vai até o próximo dia 31. O governo explicou que mudou a data por causa do feriado de Nossa Senhora da Vitória, padroeira da cidade.

Todas as crianças com cinco anos ou menos devem ser vacinadas. 

Devem ser vacinadas indiscriminadamente crianças de seis meses a menores de cinco anos de idade. De acordo com Walkíria, para evitar que os pais se desloquem até o centro para imunizar seus filhos, os seguintes bairros oferecem as vacinas: Olivença, Nossa Senhora da Vitória, Parque Infantil, Iguape, Centro Social Urbano (CSU), Teotônio Vilela, Banco da Vitória, Salobrinho, Vila Cachoeira, e também na antiga sede do Sesp, na Avenida Canavieiras. A comunidade do Basílio deve se dirigir ao Posto Sarah Kubitschek, no Parque Infantil. Os postos funcionam das 8h às 17h.

Equipes volantes vão atender a população da extensa zona rural de Ilhéus.

QUEM DISPUTA O CONTRATO DE R$ 58 MILHÕES DO GOVERNO JABES?

Imagem do Portal da Transparência da Prefeitura de Ilhéus.

Imagem do Portal da Transparência da Prefeitura de Ilhéus.

Reportagem: Thiago Dias

Manuais de redação ensinam que não é bom colocar uma pergunta no título de um texto que não a responde. Quebramos a regra, porque não conseguimos apurar quais empresas e cooperativas disputam a concorrência pública por meio da qual o governo Jabes Ribeiro pretende terceirizar a gestão dos recursos humanos da Secretaria de Saúde. A prefeitura prevê que o serviço vai custar R$ 58 milhões por 18 meses, pois envolverá a contratação de profissionais como médicos e enfermeiros.

Segundo Jorge Luiz, servidor federal do SUS e militante do PSOL em Ilhéus, o prefeito Jabes Ribeiro (PP) quer evitar a realização de concurso, em desrespeito ao compromisso que o município assumiu junto ao Ministério Público do Trabalho.

No termo de ajuste de conduta assinado em 2012, a prefeitura se comprometeu a contratar servidores somente por meio de concurso público. “E o que o prefeito quer agora? Terceirizar a gestão para uma cooperativa para contratar médicos como pessoas jurídicas, como se fossem empresas. O governo pretende criar uma situação bizarra: uma Secretaria de Saúde que não tem vínculo empregatício com profissionais. É isso o que os procuradores do trabalho chamam de ‘pejotização'”, afirma Jorge Luiz.

Jorge Luiz denunciou a licitação ao Ministério Público do Trabalho. Por coincidência ou não, a prefeitura suspendeu o processo um dia após a denúncia, alegando pedido de impugnação de uma das empresas que disputam o contrato. A concorrência foi remarcada para o dia 9 de setembro. O MPT acompanha a licitação e enviou um ofício ao Conselho Municipal de Saúde de Ilhéus.

Ontem, pedimos o ofício do MPT ao presidente do conselho, Fred Oliveira. No primeiro momento, respondeu que é melhor esperarmos a próxima reunião do órgão cuja data ainda não confirmou. Insistimos e argumentamos que se trata de um documento público. Fred então recomendou que solicitássemos a informação oficialmente.

Jorge Luiz.

Jorge Luiz.

Segundo Jorge Luiz, Fred Oliveira burocratizou o acesso à informação pública para proteger a gestão. O conselho municipal e o governo impõem barreiras à transparência. “A população quer saber o que o MPT disse aos conselheiros e quais empresas disputam esse contrato milionário”.

O presidente da comissão de licitação, Roberto Freitas, nos disse ontem por telefone que o governo só vai conhecer as empresas interessadas no dia da primeira sessão (9). Perguntamos quais cooperativas estavam inscritas antes da suspensão do processo. Segundo Freitas, essa informação deve ser disponibilizada pelo secretário de saúde.

Telefonamos sexta-feira e nessa manhã para o secretário Antonio Ocké. Na primeira tentativa, estava num local onde não tinha acesso aos nomes das empresas. Hoje, tentou buscar a informação no setor de licitações, mas, não conseguiu e pediu que voltássemos a ligar em vinte minutos. Ligamos, mas, a equipe está no meio de um processo licitatório. O gestor explicou que não pode interromper a reunião e se disponibilizou a nos enviar os dados por e-mail. Ele nos enviou a mensagem, no entanto, informou que a relação ainda não foi encaminhada para a secretaria.

FARMÁCIA CHEIA

Imagem: Secom-Ilhéus.

Imagem: Secom-Ilhéus.

O Diário Oficial da Prefeitura de Ilhéus dessa terça-feira (4) apresenta extratos de contratos entre a Secretaria de Saúde e fornecedores de medicamentos. O valor das compras chega a R$ 1.355.562,42 e indica que a farmácia municipal está cheia – confira.

Na última sexta-feira (31), o prefeito Jabes Ribeiro (PP) e o secretário Antonio Ocké inauguraram a nova sede da farmácia municipal, na rua Teodoro Sampaio, bairro Cidade Nova.

PREFEITURA DE ILHÉUS ABRE LICITAÇÃO PARA SERVIÇOS MÉDICOS

Imagem: Gidelzo Silva/Secom-Ilhéus.

Imagem: Gidelzo Silva/Secom-Ilhéus.

A Secretaria de Saúde da Prefeitura de Ilhéus divulgou chamada pública para a contratação de serviços privados de média e alta complexidade ambulatorial e hospitalar.

De acordo com o secretário Antonio Ocké, entre os serviços, o contrato vai cobrir cirurgias e tratamentos de urologia, ginecologia e oftalmologia.

Interessados devem entregar a documentação necessária elencada no edital de Chamamento Público na sede da secretaria (Avenida Vereador Marcus Paiva, nº 291, Cidade Nova), até o próximo dia 12.

GOVERNO JABES REABRE LICITAÇÃO PARA CONTRATO DE R$ 58 MILHÕES

Prefeito Jabes Ribeiro. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Prefeito Jabes Ribeiro. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

O governo Jabes Ribeiro reabriu processo licitatório por meio do qual pretende contratar uma empresa para a “execução de serviços especializados em planejamento e operacionalização em saúde”. A prefeitura estima que o valor do contrato pode chegar a R$ 58 milhões, pois envolverá a gestão de recursos humanos da Secretaria Municipal de Saúde.

O governo suspendeu a concorrência pública no último dia 26 de junho, um dia após denúncia encaminhada às procuradorias estadual, federal e do trabalho do Ministério Público. Segundo Jorge Luiz, candidato a prefeito de Ilhéus pelo PSOL em 2012 e autor da ação, o prefeito Jabes Ribeiro (PP) decidiu terceirizar a gestão da saúde para evitar a realização de concurso público – lembre aqui.

A concorrência pública presencial ocorrerá dia 9 de setembro na sala da comissão de licitações (quinto andar do prédio das secretarias – Rua Santos Dumont, centro).

CONSELHO DE SAÚDE DE ILHÉUS QUESTIONA LICITAÇÃO DE R$ 58 MILHÕES

Fred Oliveira. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Fred Oliveira. Imagem: Thiago Dias/Blog do Gusmão.

Veiculamos ontem (26) a denúncia de Jorge Luiz, candidato a prefeito de Ilhéus pelo PSOL em 2012, sobre o processo licitatório por meio do qual o governo Jabes Ribeiro pretendia contratar uma empresa para a “execução de serviços especializados em planejamento e operacionalização em saúde”.

Segundo Jorge,  a prefeitura quer “terceirizar” a gestão da Secretaria de Saúde e, com isso, evitar a realização de concurso público e usar a “brecha” para recontratar profissionais que devem ser exonerados por força de decisão judicialleia aqui.

A Prefeitura de Ilhéus suspendeu ontem o certame que estava marcado para a tarde da próxima segunda-feira (29). Conforme a Comissão Permanente de Licitação, a medida foi tomada “em razão de impugnação impetrada” pelo Instituto de Projetos Apoio Social do Brasil e a COOFSAÚDE-COOPERATIVA DE TRABALHO.

Depois que o Blog do Gusmão publicou a matéria, o presidente do Conselho Municipal de Saúde, Fred Oliveira, também criticou o processo licitatório, especialmente os valores dos salários estimados no edital.

Segundo Fred Oliveira, a remuneração prevista para os futuros contratados está “muito acima da realidade e dos valores pagos aos servidores efetivos”.

O presidente questionou o secretário de saúde, Antonio Ocké, sobre os parâmetros utilizados para fixar os valores considerados altos. De acordo Fred, o Conselho de Saúde sequer teve a oportunidade de discutir a questão. Ele pretende “dar ciência do fato” ao Ministério Público Federal na manhã da próxima segunda-feira.

Fred disponibilizou o edital no blog do conselho – acesse aqui.

CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA GRIPE ACABA NESSA SEXTA

Vacina-Gripe-AA campanha nacional de vacinação contra gripe acabará nessa sexta-feira (22). O prazo não será prorrogado.

De acordo com a supervisora de Imunização da Secretaria de Saúde de Ilhéus, Walkíria Cardeal, devem receber a dose crianças na faixa entre 6 meses e 5 anos incompletos, idosos, trabalhadores da saúde, povos indígenas, gestantes, mulheres até 45 dias após o parto, detentos e funcionários do sistema prisional.

Também serão vacinadas pessoas com doenças crônicas não transmissíveis ou com condições clínicas especiais. 

A campanha promoveu o chamado “Dia D” em Ilhéus no último dia 9. O trabalho imunizou 4.680 pessoas, no entanto, o Ministério da Saúde informou que ainda é baixo o número de pessoas imunizadas em todo o país. 

MÉDICA CUBANA NÃO VAI VOLTAR AO ILHÉUS II

A médica Liliane aparece abraçada ao prefeito Jabes Ribeiro nessa imagem da Secom-Ilhéus.

A médica Liliane aparece abraçada ao prefeito Jabes Ribeiro nessa imagem da Secom-Ilhéus.

A médica cubana Liliane veio trabalhar em Ilhéus por meio do programa Mais Médicos, do governo federal. Atuou mais de um ano no posto de saúde do bairro Ilhéus II e deixou a unidade depois de ser ameaçada por um paciente que sofre com problemas psicológicos. Maria do Socorro, presidenta da Associação de Moradores do Ilhéus II, tem esperança que a médica volte– lembre aqui.

Conversamos hoje (14) por telefone com o secretário municipal de Saúde. Antonio Ocké reconhece que a médica conquistou a confiança dos moradores do Ilhéus II.

De acordo com o secretário, a médica foi ameaçada de morte por um paciente que tentou agredi-la em três oportunidades. “Eu sei que a comunidade se apaixonou, porque é uma profissional excelente, mas, ela não vai voltar. Está trabalhando em outro posto”.

Ocké prefere manter sigilo sobre o novo local de trabalho de Liliane. “A secretaria é responsável pela segurança dela”.

Maria do Socorro pediu para a secretaria enviar guardas municipais que pudessem assegurar a integridade física de Liliane no posto de saúde do Ilhéus II. Ocké explica que essa alternativa não foi aceita pela médica. “Ela tem que visitar os pacientes nas suas casas. Como vai fazer isso acompanhada por guardas?”

O médico Afonso ocupou o lugar de Liliane no Ilhéus II. “Ele começou nessa semana. Foi muito difícil encontrar um profissional para substituí-la”, informa Ocké.

SECRETARIA DE SAÚDE REFORÇA PREVENÇÃO À DENGUE EM ILHÉUS

Agente de endemias orienta munícipe sobre possível foco de reprodução do mosquito da dengue. Imagem: Gidelzo Silva/Secom.

Agente de endemias orienta munícipe sobre possível foco de reprodução do Aedes aegypti. Imagem: Gidelzo Silva/Secom.

De acordo com a Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Ilhéus, a Secretaria de Saúde (SESAU) orienta os munícipes sobre os métodos de prevenção à dengue. O Serviço de Vigilância Epidemiológica tem feito um esforço concentrado de conscientização, diagnóstico e tratamento de pacientes,  além do trabalho de campo (que visa identificar e destruir focos de proliferação da doença).

A SESAU ressalta o cuidado que as comunidades devem ter para evitar a proliferação do mosquito da dengue (Aedes aegypti) em vasos de plantas, garrafas vaias, pneus ou qualquer outro recipiente que acumula água, ambiente ideal para a reprodução do inseto. 

A equipe municipal de combate ao mosquito atende aos chamados da população por meio dos telefones (73) 8881-4586 e 3234-3706. O canal de comunicação serve para facilitar a denúncia de focos de reprodução do Aedes aegypti.  

De acordo com o coordenador técnico da SESAU, Rondinelli Santos, os agentes de endemias visitam os domicílios em todos os bairros da cidade e distribuem folhetos informativos, tampas para tanques e telas. Também orientam a população sobre a destinação de resíduos sólidos que podem virar depósitos de água e servir de local para procriação do mosquito.

A ação conta com o apoio das Secretarias de Desenvolvimento Urbano (SEDUR) e de Educação (SEDUC). Segundo Santos, essas atividades são realizadas nos bairros com maiores índices de infestação do mosquito, como parte de planejamento estratégico para o combate à dengue. No entanto, a equipe, composta por 102 profissionais, também atua em outros pontos da cidade, como forma de evitar o surgimento de novos focos.

Ajuda do Estado – O prefeito Jabes Ribeiro assegurou junto ao governo estadual o envio de um novo carro fumacê, dez costais para fumacê e funcionários que atuarão em visita às residências. O município também receberá um aparelho que aponta o resultado do exame de contaminação pelo vírus da dengue em apenas 20 minutos.

CASOS DE DENGUE AUMENTAM EM QUATRO BAIRROS DE ILHÉUS

dengueSegundo a Prefeitura da Ilhéus, as equipes da Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde intensificaram as ações de combate ao mosquito transmissor da dengue. Quatro bairros registraram aumento no número de pessoas contaminadas pela doença: Conquista, Malhado, Nelson Costa e Teotônio Vilela. Por isso, “nosso trabalho é diário, sem trégua”, afirma o secretário Antonio Ocké.

O secretário solicitou a liberação de um carro-fumacê ao governo estadual. A ideia é levar o equipamento para todos os bairros e altos de Ilhéus.

Antonio Ocké divulgou os números de telefone por meio dos quais a população pode informar ao governo sobre lugares e recipientes que acumulam água e servem como “berçário” para a reprodução do Aedes aegypty: 3234-3706 e 8881-4586.

PREFEITURA DE ILHÉUS REPASSA R$ 2,4 MILHÕES À SANTA CASA

Secretário de saúde Antonio Ocké, Prefeito Jabes Ribeiro e o Provedor da Santa Casa, Eusinio Lavigne.

Secretário de saúde Antonio Ocké, Prefeito Jabes Ribeiro e o Provedor da Santa Casa, Eusínio Lavigne.

Da SECOM-Ilhéus

A Santa Casa de Misericórdia de Ilhéus, responsável pelo funcionamento do Hospital São José e Maternidade São Helena, recebeu, na tarde desta quarta-feira, 18, o repasse de R$ 2,4 milhões de reais da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), cujo valor é proveniente do Governo Federal, através do IAC (Incentivo de Adesão à Contratualização).  A entrega do cheque foi feita pelo prefeito Jabes Ribeiro, durante ato ocorrido no salão de reuniões do Palácio Paranaguá, com a participação do secretário de Saúde, Antonio Ocké, e do provedor da Santa Casa, Eusínio Lavigne.

Segundo o prefeito, o repasse corresponde a 14 parcelas de cerca de 171 mil reais cada, que estavam atrasadas desde 2013. O valor foi depositado equivocadamente, pelo Governo Federal, numa conta bancária do Governo do Estado, referente ao Incentivo de Adesão à Contratualização (IAC), repassada pelo Ministério da Saúde para entidades do setor filantrópico que realizam mais de 70% dos procedimentos pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

O provedor da Santa Casa, Eusínio Lavigne, agradeceu o empenho do governo municipal para desbloquear a verba e afirmou que a chegada dos recursos ajudará a entidade a regularizar débitos no setor trabalhista e na área de manutenção das instalações, além de permitir melhorias nos apartamentos da Maternidade Santa Helena, a única em funcionamento no Município.

:: LEIA MAIS »

SOLIDARIEDADE: HEMOBA COLETA SANGUE EM ILHÉUS

hemobaA Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba) vai coletar sangue de doadores de Ilhéus, nos próximos dias 6, 7 e 8 de fevereiro.

O posto de coleta funcionará das 7 às 18 horas no Palacete Misael Tavares, ao lado da Igreja de São Jorge, centro de Ilhéus.

A fundação conta com o apoio da Secretaria Municipal de Saúde para realizar o serviço em Ilhéus. O secretário Antonio Ocké lembra que “todo mundo pode ajudar, basta ter entre 18 e 54 anos e gozar de boa saúde”. 



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia