dezembro 2014
D S T Q Q S S
« nov    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  


genesis comunicacao
faculdade madre thais

:: ‘sindicato dos professores de ilhéus (APPI)’

APPI PEDE BLOQUEIO DAS CONTAS DO FUNDEB

Em protesto contra a falta de salários, os professores realizaram caminhada na última semana.

O sindicato dos professores de Ilhéus (APPI) ingressou com uma ação cautelar solicitando o bloqueio das contas onde são depositados os recursos do Fundo Nacional de Educação Básica (Fundeb) recebidos pelo município, na tentativa de garantir o pagamento dos servidores da educação.

Os salários de outubro ainda estão atrasados. Além de garantir o pagamento pendente, o sindicato pretende assegurar os vencimentos de novembro, dezembro e o décimo terceiro salário, inclusive dos contratados.

Na ação, também foi solicitado o bloqueio de 5% dos recursos em todas as contas do município vinculadas aos repasses de receitas correntes do Estado e da União, vinculadas pela Lei 11.494/07 ao FUNDEB e de 25% de todos os recursos nas contas correntes destinadas a arrecadação da receita própria e convênios, vinculadas ao custeio do Fundo.

APPI ENTRA NA CAMPANHA DE CARMELITA

Correligionários de Jabes Ribeiro (PP) denunciam um suposto favorecimento do sindicato dos professores de Ilhéus (APPI) à prefeiturável do PT, Carmelita Ângela.

Segundo informações, o sindicato estaria marcando reuniões com professores e pais de alunos para pedir votos, isso em pleno horário de aula.

Na tática de ajuda à petista, o sindicato também teria proibido o acesso de Jabes aos colégios da cidade.

APPI REALIZA PANFLETAGEM NO TERMINAL URBANO

O sindicato dos professores de Ilhéus (APPI), que aderiu à greve da educação no estado, convoca todos os docentes da cidade para uma panfletagem no terminal urbano, a partir das 17h dessa sexta (04).

A iniciativa faz parte das atividades de greve.

SINDICATO CALADINHO

O sindicato dos professores de Ilhéus (APPI) não move uma palha para conseguir o reajuste de 22% que nivela o salário dos educadores municipais ao piso nacional da categoria. 

A falta de vontade talvez tenha a ver com o fato da vereadora professora Carmelita, que sempre encampou greves por melhorias salariais, ser a candidata do prefeito nas eleições de outubro.

A atual presidente da APPI, Enilda Mendonça, cunhada de Carmelita, não se manifesta.

O governo já anda ruim, para quê mais problemas?

Em tempo: Os professores da rede municipal de Itabuna estão em greve reivindicando o mesmo reajuste.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia