WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia



vog torres do sul


transporte ilegal
setembro 2017
D S T Q Q S S
« ago    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

:: ‘Uesc’

ESTUDANTES DA UESC PROMOVEM ENCONTRO DE NEGROS E NEGRAS

Divulgação/DCE-UESC.

Divulgação/DCE-UESC.

No dia 26 de setembro, o Diretório Central dos Estudantes (DCE/UESC) vai realizar o “I ENEGRU – Encontro de Negras e Negros da UESC”, com o tema “Interseccionalidades: vidas negras importam!”.

O encontro vai ter mesas redondas e grupos para debates sobre diversos assuntos, como: artes, gênero, religiosidade, entre outros. De acordo com o DCE, a interseccionalidade surge como um caminho para pensar a alteridade e a invisibilidade que por vezes o debate centrado em apenas um eixo pode trazer.

As mesas principais do evento vão ocorrer no auditório de direito (UESC). Para mais informações, acesse a página do DCE no Facebook.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas aqui.

UESC CONVIDA ESCOLAS PARA FEIRA DAS PROFISSÕES

UESC realiza evento para auxiliar futuros estudantes. Imagem: Julia Barreto.

Feira ajuda estudantes a conhecer profissões. Imagem: Julia Barreto.

Nos dias 25, 26 e 27 de outubro, a Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) vai realizar a V Feira das Profissões. O evento tem o intuito de auxiliar os estudantes a descobrir sobre o seu futuro profissional e apresentar um panorama dos cursos disponíveis na universidade, além dos programas de apoio à permanência estudantil. O projeto é gratuito e voltado para estudantes do terceiro ano do Ensino Médio.

O evento tem a participação de alunos e professores da instituição como monitores. Os visitantes vão poder esclarecer suas dúvidas sobre os cursos de graduação oferecidos, carreiras, profissões, mercado de trabalho, formação acadêmica, grade de disciplinas, conteúdos programáticos e especializações.

As escolas situadas na área de abrangência da UESC podem solicitar a inscrição por meio dos links: escola pública e escola particular.

UESC CONVOCA APROVADOS PARA TRANSFERÊNCIA EXTERNA

Convocados devem se matricular nos dias 21 e 22 de setembro. Imagem: Robson Duarte.

Convocados devem se matricular nos dias 21 e 22 de setembro. Imagem: Robson Duarte.

O reitor em exercício da UESC, Evandro Sena, homologou ontem (24) 0 resultado do processo seletivo de transferência externa para o segundo semestre deste ano. A maioria dos novos alunos vai ocupar as cadeiras do curso de direito. Acesse a lista de convocados aqui.

A matrícula deverá ser feita nos dias 21 e 22 de setembro, no colegiado do curso para o qual o estudante conquistou a transferência. O atendimento vai funcionar das oito às 12 horas e das 13h às 16h.

SEGUNDO PRÓ-REITOR DA UESC, PESQUISA VIVE MOMENTO GRAVE NO PAÍS

Professor George Albuquerque, pró-reitor de Pesquisa e Pós-graduação da UESC.

Professor George Albuquerque.

O destino do  Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) preocupa pesquisadores de todo o país.

A possibilidade de contingenciamento de recursos é o principal motivo de preocupação. Eventual corte poderia afetar a formação de novos pesquisadores na UESC, onde o CNPq financia 90 graduandos em projetos de iniciação científica.

Na manhã desta segunda-feira (7), em conversa por telefone com este blog, o pró-reitor de Pesquisa e Pós-graduação da UESC, professor George Albuquerque, disse que a situação financeira está controlada para os próximos meses, contudo, tende a ser mais “preocupante” em 2018. A Lei Orçamentária Anual prevê diminuição da capacidade de investimento do CNPq.

George citou o esclarecimento do presidente do conselho, Mario Neto Borges, que assegurou a continuidade das bolsas atuais. Além dos recursos de agosto, Borges garantiu que o Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTI) trabalha para recompor o orçamento da agência.

Uma crise de financiamento do conselho, informa o pró-reitor, afetaria aproximadamente 25 mil bolsistas de iniciação científica no país. “A preocupação é grande nesse sentido”.

Para George Albuquerque, a situação financeira da pesquisa “é grave”, e isso é um problema nas esferas nacional e estadual.

Segundo o pró-reitor, em 2016, a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (FAPESB) liberou, aproximadamente, 50% dos recursos previstos para o financiamento de pesquisas. Os dados estão disponíveis no portal da transparência da entidade.

O caso interessa mais de perto aos pesquisadores da UESC. A agência estadual mantém 150 bolsas de iniciação científica na universidade e, aproximadamente, outras duzentas de pós-graduação. “O problema na FAPESB nos afeta tanto ou mais do que o problema do CNPq”, avalia George Albuquerque.

BOATO

Segundo Albuquerque, um erro do sistema de informação do CNPq levou pesquisadores a imaginar que os seus projetos tiveram recursos cortados. No entanto, o conselho esclareceu que tudo não passou de uma falha do programa que gerencia esses dados. O equívoco gerou um boato sobre o corte das bolsas de pesquisa, já que as informações erradas estavam num site oficial.

AULA ABERTA DISCUTE ESPAÇO DO NEGRO NA TV E NO CINEMA

Joel Zito.

Joel Zito.

“Quais foram os diretores dos três últimos filmes que você viu no cinema? Provavelmente eram todos homens brancos.”

Essa é uma das provocações do cineasta Joel Zito Araújo sobre a falta de espaço para pessoas negras e mulheres no cinema. “Mulheres e negros são subgrupos menosprezados e não estimulados dentro de uma sociedade que é racista e machista”, denuncia.

Essas e outras questões serão aprofundadas na aula aberta com o tema “Panorama sobre o negro no cinema e na TV no Brasil: Desafios e Potencialidade”, que o cineasta Joel Zito Araújo vai ministrar na UESC.

Iniciativa do Kàwé (Núcleo de Estudos Afro-Baianos Regionais), a aula está marcada para as 9 horas da próxima quarta-feira (9), no auditório do 5º andar da Torre Administrativa da UESC.

PROFESSORES DA UESC DESENVOLVEM IMPRESSORA 3D DE BAIXO CUSTO

Desenvolvedores apresentam projeto ao vice-reitor Evandro Sena. Imagem: Ascom/UESC.

Desenvolvedores apresentam projeto ao vice-reitor Evandro Sena. Imagem: Ascom/UESC.

Victor Almeida, Erickson Silva e Renato Monteiro, professores de Engenharia Mecânica da UESC, se juntaram ao estudante Tiago Santa Fé e desenvolveram uma impressora 3D de baixo custo. O vice-reitor Evandro Sena conheceu o projeto nessa semana, em visita ao Laboratório de Projetos Mecânicos e Tribologia.

No mercado, uma impressora 3D similar não sai por menos de dez mil reais. A da UESC custou mil e quinhentos reais. Com programação livre, portanto, o aparelho pode ser configurado de acordo com a necessidade operacional. A impressora utiliza filamentos de plástico ABS como matéria-prima para confeccionar objetos em três dimensões.

A equipe da UESC contou com um colaborador externo, Jonata Dahlke. Especialista em impressoras desse tipo, ele mesmo imprimiu algumas peças da impressora desenvolvida no Campus Soane Nazaré. Toda a estrutura do equipamento e a sua parte de programação se baseou em tecnologias de código aberto, sem restrições de propriedade intelectual.

O professor Renato Monteiro lembra que a impressora 3D é uma ferramenta muito útil para quem trabalha com mecatrônica ou mecânica. “Você consegue construir peças de forma rápida e num espaço de tempo muito pequeno. É muito mais fácil você desenhar uma peça num programa e colocá-la para ser impresso numa impressora 3D do que ‘usinar’ esse material”, argumenta.

Para o docente, não há restrição quanto ao uso da máquina. “As impressoras vão ser utilizadas para fazer pesquisas, produzir artefatos para aulas como peças mecânicas ou modelos de célula, ou seja, o que for preciso. Podem fazer estruturas para que pessoas com deficiência visual entendam determinados conceitos, jogos de formas geométricas, enfim, as possibilidades são infinitas”, avalia.

SELEÇÃO DA UESC ABRE INSCRIÇÕES PARA GRADUADOS EM LETRAS

 Imagem: Robson Duarte.

Imagem: Robson Duarte.

Entre os dias 7 e 18 de agosto, o Protocolo Geral da UESC vai receber inscrições para o processo seletivo de tutores da graduação a distância em Letras Vernáculas. O objetivo do certame é formar cadastro reserva.

A seleção é voltada para graduados em Letras que atuam na rede pública de ensino. Os tutores serão remunerados com bolsa mensal, da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), no valor de R$ 765,00. A jornada semanal vai ser de 20 horas.

Os candidatos vão passar pela prova de títulos e a fase de entrevistas. Veja no edital a lista de documentos exigidos no ato de inscrição.

UESC ABRE 228 VAGAS PARA TRANSFERÊNCIA EXTERNA

Inscreva-se no link abaixo. Imagem: Robson Duarte.

Inscreva-se no link abaixo. Imagem: Robson Duarte.

Em Ilhéus, a Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) abriu inscrições para as 228 vagas disponíveis em diversas graduações, como direito, engenharias, letras e outras. Todas são para o segundo semestre letivo de 2017.

O candidato deve usar a nota do ENEM para se inscrever. É possível escolher o melhor desempenho obtido na prova a partir de 2009.

O edital também destaca que a transferência é restrita à graduação cursada pelo estudante em outra instituição de ensino superior.

A primeira etapa da inscrição deve ser feita até as 16 horas dessa sexta-feira (21), no site da UESC.

A segunda etapa será a entrega dos documentos exigidos via Sedex ou no Protocolo Geral da UESC, até o próximo dia 24.

A lista completa das vagas e a documentação exigida estão no edital.

ESTUDANTES DA UESC E PONTAL CRIATIVO APRESENTAM RESULTADO DE PARCERIA

Pontal criativo 2A professora Katianny Estival divulgou convite aberto ao público para a apresentação do trabalho desenvolvido por estudantes da UESC em parceria com o Pontal Criativo. O encontro está marcado para o próximo dia 29, um sábado, às 9 horas, na sede da associação Cruzada do Bem pelo Bem, localizada na rua Teodoro Sampaio, 50, bairro Cidade Nova, em Ilhéus.

Os estudantes cursam disciplina ministrada por Katianny Estival no Programa de Mestrado em Propriedade Intelectual e Transferência de Tecnologia para Inovação (PROFNIT). Ao longo das últimas semanas, eles participaram de reuniões com membros do movimento Pontal Criativo, que é composto por artistas plásticos, artesãos, cozinheiros e outros profissionais.

As conversas orientaram a criação de um modelo de negócio e de um plano de ação para o Pontal Criativo. A ideia é superar obstáculos e explorar potenciais dos empreendedores criativos, considerados em suas particulares individuais e coletiva.

Segundo Estival, essa aproximação entre academia e sociedade é uma característica metodológica fundamental da disciplina Empreendedorismo em Setores Tecnológicos e do PROFNIT-UESC.

CENTRO DE TECNOLOGIA DO PONTAL É TEMA DE REUNIÃO

Encontro está marcado para as 14 horas dessa sexta-feira, na UESC.

Encontro está marcado para as 14 horas dessa sexta-feira, na UESC.

A 1213 do pavilhão de Ciências Administrativas e Contábeis da UESC vai sediar reunião sobre o projeto do Centro de Tecnologia Criativa do Pontal. O encontro está marcado para as 14 horas dessa sexta-feira (7). A iniciativa é fruto de parceria entre o Movimento Pontal Criativo e mestrandos da UESC.

Segundo o ex-vice-prefeito José Henrique Abobreira, o Centro de Tecnologia Criativa vai oferecer um espaço com a estrutura necessária para o fomento de diversas atividades, como: artesanato, criação de softwares, design, artes plásticas, arquitetura e outros segmentos afins.

O projeto tem o apoio da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação da Bahia. O secretário José Vivaldo Mendonça garantiu o empenho do governo estadual na empreitada.

ESTUDANTES DA UESC DEVEM RETIRAR CARTÕES DO AUXÍLIO PERMANÊNCIA

Confira a relação no link abaixo. Imagem: Robson Duarte.

Confira a relação no link abaixo. Imagem: Robson Duarte.

A UESC publicou hoje (3) a lista parcial de estudantes que já podem retirar os cartões do auxílio permanência. Acesse a relação aqui.

Ao lado do nome do estudante, a relação traz o número da agência do Banco do Brasil onde o beneficiário deve buscar e desbloquear o cartão. No ato, será necessário apresentar o CPF e o RG (ou outro documento oficial com foto).

A UESC vai divulgar em breve a data do pagamento. Os estudantes que tiveram o benefício homologado e não apareceram na primeira lista devem aguardar a próxima publicação.

ESTUDANTE DA UESC RIFA RELÓGIO COM O SÍMBOLO DA URSS

Estudante vai usar o dinheiro da rifa para se manter na universidade.

Estudante vai usar o dinheiro da rifa para se manter na universidade.

Jhonatan Queirós está na reta final do curso de história da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), em Ilhéus. Como precisa de dinheiro para se manter por mais um semestre, decidiu rifar um relógio de bolso. Com isso não pretende resolver sua condição financeira, mas, espera amealhar uma graninha para cobrir os gastos com xerox, alimentação e transporte.

O objeto da rifa fala aos corações da esquerda mais tradicional. O belo relógio traz o símbolo da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS). “E pode ser seu por apenas cinco reais!”, informa o texto do anúncio na internet.

Bilhete da rifa online custa cinco reais.

Bilhete da rifa online custa cinco reais.

O próprio Jhonatan ensina como funciona a rifa online. “Basta acessar o link (aqui), escolher o número que você quer comprar, salvar a escolha e definir a forma de pagamento”.

O estudante informou ao blog que as fotos acima mostram o relógio da rifa.

CERVEJARIA DA UESC MONTA NÚCLEO DE ESTUDO

Pesquisadores do núcleo.

Pesquisadores do núcleo. Imagem: Julia Barreto.

Como ocorre em muitas universidades da Alemanha, pesquisadores da Bahia criaram na UESC núcleo que promoverá atividades de pesquisa, extensão e ensino exclusivas na área de cervejas artesanais. O objetivo é fomentar inovação, competitividade e desenvolvimento regional junto aos pequenos produtores e gestores de microcervejarias que atuam em um mercado que deverá crescer 15% ao ano na próxima década.

Constituído por um grupo multidisciplinar de pesquisadores, o Núcleo de Estudo sobre Cervejas Artesanais da UESC dispõe de uma Planta Piloto da Microcervejaria inaugurada há um ano.

Segundo o professor Zolacir Junior, coordenador do NECA, a ideia de criar o núcleo surgiu inspirada nas experiências do Instituto Federal de Bento Gonçalves, que tem o primeiro curso de Enologia do país e na EMBRAPA, que desenvolve pesquisa na área de viti-vinicultura. Nesta localidade do Rio Grande do Sul, produtores locais, gestores de vinícolas, agentes políticos e pesquisadores universitários atuam integrados na cadeia produtiva de vinhos, na busca por inovação, competitividade e desenvolvimento regional.

PARALISAÇÃO E POSSIBILIDADE DE GREVE NA UESC

Professores vão parar no dia 30 de junho. Imagem: Secom-ADUSC.

Professores vão parar no dia 30 de junho. Imagem: Secom-ADUSC.

Em assembleia realizada nessa terça-feira (20), professores da UESC decidiram que vão paralisar as suas atividades no dia 30 de junho, uma sexta-feira. A decisão acompanha o movimento nacional contra as reformas trabalhista e previdenciária. A ADUSC (Associação dos Docentes da UESC) vai compor o ato da Frente Brasil Popular em Itabuna.

A assembleia também discutiu o contexto estadual. Os docentes não descartaram a possibilidade de aprovar uma greve, que poderá ser iniciada ainda em 2017. Segundo a ADUSC, a falta de reposição salarial dos últimos dois anos impõe perda de 20% ao poder aquisitivo da categoria.

A entidade também critica a demora do governo Rui Costa para concluir processos de promoção e progressão de professores das quatro universidades estaduais.

A ADUSC trata como assédio o “corte indevido” do adicional de insalubridade e o modo como é conduzida a “Operação Dedicação Exclusiva (D.E.)”.

Ainda de acordo com a ADUSC, apesar das tentativas de diálogo mantidas pelos professores, o governo “se mantém intransigente”.

Atualizado às 12h38min.

A ADUSC entrou em contato com o blog para explicar que não houve votação de indicativo de greve. Erramos ao noticiar o contrário. Na verdade, os professores discutiram a possibilidade de entrar em greve ainda neste ano.

MEDITAÇÃO COLETIVA NA UESC

Atividades ocorrem às quintas e sextas-feiras.

Atividades ocorrem às quintas e sextas-feiras.

As professoras Juliana Pinheiro e Milene Ávila, do Departamento de Filosofia e Ciências Humanas da UESC, organizam sessões de meditação coletiva na universidade. As atividades ocorrem às quintas e sextas-feiras, respectivamente, às 18 e às 17 horas. O grupo se reúne na sala de artes marciais do parque desportivo.

Qualquer pessoa pode participar. Não há procedimento de inscrição. Basta ir ao local nos horários previstos.

ESPECIALISTA EM PATENTES FAZ PALESTRA GRATUITA EM ILHÉUS

Henry Suzuki é um dos maiores especialistas em patentes do Brasil.

Henry Suzuki é um dos maiores especialistas em patentes do Brasil.

Henry Suzuki é um dos maiores especialistas brasileiros em inovação, patentes e informações tecnológicas. Na próxima quarta-feira (14), em Ilhéus, ele vai ministrar uma palestra sobre o assunto. O evento será às 14 horas, no auditório do Departamento de Ciências Exatas e Tecnológicas da UESC.

A realização da atividade é fruto de parceria entre o Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT) da UESC e a Broto Incubadora de Biotecnologia. A participação do público será gratuita.

A iniciativa faz parte do Programa Ideação e Empreendedorismo. A palestra vai enfatizar aspectos da propriedade intelectual. Henry Suzuki também vai apresentar estratégias para a utilização de patentes no desenvolvimento de pesquisas e negócios.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia