Justiça determina que Estado construa unidade de medida socioeducativa no sul da Bahia


A Justiça acatou ação civil pública com pedido liminar apresentada pelo Ministério Público estadual e determinou que o Governo do Estado da Bahia construa e coloque em funcionamento, até 2015, “unidade de execução de Medida Socioeducativa em meio fechado e internação provisória na região sul da Bahia”. A sentença foi proferida ontem, dia 8, pela juíza Sandra Magali Brito Silva Mendonça, que destacou a obrigação legal do Estado cumprir o Plano Plurianual 2012-2015, no qual há previsão da construção de estrutura para internação de adolescentes na comarca de Itabuna. O descumprimento da decisão resulta em multa diária de R$ 10 mil, sem prejuízo de apuração de improbidade administrativa e responsabilidade pessoal do gestor. A ação civil foi ajuizada pela promotora de Justiça da Infância e Juventude de Ilhéus, Maria Amélia Sampaio Góes.

Conforme o MP, os adolescentes condenados no município à medida socioeducativa de internação e semiliberdade geralmente não são conduzidos às unidades localizadas em Salvador, Santo Antônio de Jesus e Feira de Santana. Isso porque há dificuldades para o transporte. A promotora Maria Amélia também apontou que as unidades estão em condições precárias e superlotadas, além da distância em relação à cidade inviabilizar a visita dos parentes. Assim, não estariam sendo observados os direitos à saúde, educação e à convivência familiar dos adolescentes.

Câmara rejeita uso obrigatório de simuladores em autoescolas


Antes do Simulador , o interessado tinha de desembolsar, em média, R$ 1,2 mil. O valor subirá até R$ 250
 Simulador 

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania rejeitou a obrigatoriedade de aulas em simulador de direção para quem deseja tirar a carteira de motorista. A proposta consta do Projeto de Lei 4449/12, do deputado Mauro Lopes (PMDB-MG), que estabelece simulações antes do início das aulas de direção em via pública, e obrigaria as autoescolas a adquirir as máquinas.

Como tramita em caráter conclusivo, a proposta deve ser arquivada, a não ser que haja requerimento para que o Plenário reveja a decisão.

A comissão acatou voto apresentado pelo deputado Marcos Rogério (PDT-RO) contra a proposta, defendendo que ele é inconstitucional por causar prejuízo à livre iniciativa. Em sua opinião, é um direito assegurado às empresas a atuação sem discriminação em todos os setores econômicos, mas a maioria das milhares de autoescolas são pequenos empreendimentos que não têm condição de adquirir os simuladores, que custam em torno de R$ 20 mil.

Atualmente uma resolução do Contran já estabelece o uso de simuladores, e as autoescolas já estão se adaptando, mas o deputado Marcelo Almeida também é autor de uma proposta (PDC 1263/13) que susta os efeitos da resolução, restabelecendo o método tradicional de aulas ao volante. “Não faço lobby para autoescolas, mas considero a medida equivocada”, disse.

Trabalhadores da Construção Pesada podem decretar Greve Geral em todo Estado a partir de quinta-feira (10)


A greve geral da categoria atingirá as principais obras do estado, entre elas, o Metrô de Salvador, Consórcio Imbuí, Duplicação da Pinto Águiar, Via Bahia, Consórcio 093, Parque Eólico, Ferrovia, Montagem Industrial, Obras de Terraplanagem, entre outras.
A greve geral da categoria atingirá as principais obras do estado, entre elas, o Metrô de Salvador, Consórcio Imbuí, Duplicação da Pinto Águiar, Via Bahia, Consórcio 093, Parque Eólico, Ferrovia, Montagem Industrial, Obras de Terraplanagem, entre outras.

O Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Pesada e Montagem Industrial da Bahia (SINTEPAV) entregou ao SINICON, a pauta de reivindicações da categoria para a data base de 1º de março.  Decorridas oito rodadas de negociações diretas, houve mediação na Superintendência do Trabalho e Emprego (SRTE), mas as partes não chegaram a um acordo.

Como prova de maturidade e, ainda, em face do comprometimento dos trabalhadores com o cronograma de importantes obras, o SINTEPAV buscou negociação nas diversas instâncias com o objetivo de compor com o Sindicato patronal visando evitar o conflito.  Lamentavelmente não houve acordo e os trabalhadores definiram deflagrar greve por tempo indeterminado em todo o Estado, conforme noticiado em publicação de edital. As assembleias ocorrerão simultaneamente em todo o estado da Bahia, nesta quinta-feira (10), a partir das 06h. Em Salvador, as assembleias acontecem nos canteiros de obras do Metrô, Consórcio Imbuí, Duplicação da Pinto Aguiar, entre outras obras.

(mais…)

Com salário atrasado, jogadores do Colo Colo não treinam


Escudo-colo-colo-bahiaHá dois meses sem ver a cor do dinheiro, jogadores do Colo Colo não treinaram na manhã de hoje(9). Uma reunião foi feita nos vestiários do estádio Mario Pessoa, com a comissão técnica e diretoria para tentar acalmar os ânimos.

Sem ajuda da prefeitura municipal de Ilhéus, o Colo Colo conta com a parceria da empresa Cidadelle, Faculdade de Ilhéus e Shin.

Críticos esportivos salientam que o presidente Valter Teles, tem que ser mais transparente com a área financeira, até mesmo para que a transparência abra caminhos com novos patrocínios.

Líder do campeonato baiano da segunda divisão, o Colo Colo joga em casa nesse sábado ás 15 horas contra o time do Jequié.

Nas redes sociais, a torcida expressa preocupação, que a situação financeira atrapalhe o bom desempenho do time rumo à série A do campeonato baiano.

Atualizado às 16 :06

Em contato agora há pouco com a redação do Blog Agravo, Ângelo Almeida, o conhecido Zelão, um dos responsáveis pela área comercial do Colo-Colo, explicou a situação e a falta de apoio dos empresários ilheenses.

Segundo ele, o presidente e a diretoria estão trabalhando para resolver o problema, e salientou que em relação ao atraso dos salários, é apenas de dias, para alguns jogadores.

“O que pode resolver o problema é o comparecimento em massa da torcida no jogo contra o Jequié, neste sábado”, lembrou Zelão.

A falta de apoio de empresários ilheenses é mais um agravante para a situação da equipe ilheense.

Opinião do Blog : Então torcida do Tigre, vamos comparecer em massa, para que o Colo-Colo tenha o apoio e arrecade os valores necessários para que possa sanar parte do problema.

Paralisação: Trabalhadores em educação decidem não iniciar o ano letivo em Ilhéus


Na assembleia da categoria, os trabalhadores consideraram a proposta do governo como imoral, desrespeitosa e perversa.
Na assembleia da categoria, os trabalhadores consideraram a proposta do governo como imoral, desrespeitosa e perversa.

O ano letivo de 2014 não será iniciado na próxima segunda-feira, dia 14, nas escolas da rede municipal de Ilhéus. Em assembleia dos trabalhadores em educação da rede municipal, realizada na manhã desta quarta-feira, na Câmara de Vereadores, a categoria decidiu fazer uma paralisação de advertência nos dias 14, 15 e 16 de abril, em sinal de protesto pelo fato do governo municipal não ter assinado o acordo de campanha salarial 2014 que prevê, dentre outros pontos, o pagamento do piso nacional dos professores e o reajuste salarial dos demais trabalhadores.

 A categoria também decidiu que não participará das atividades de planejamento e nem da jornada pedagógica. Outra decisão dos trabalhadores foi a da realização de uma nova assembléia na próxima quarta-feira(16), às 14 horas, para avaliar o movimento, observar as propostas que poderão ser feitas pelo governo municipal e decidir se entrarão ou não em greve por tempo indeterminado. Os trabalhadores entendem que a greve traz prejuízos para todos, mas nesse momento de luta, onde o governo municipal insiste em não respeitar as leis e se recusa a garantir o reajuste legal dos servidores, não há outra alternativa a não ser realizar a paralisação de advertência em sinal de protesto.

 A presidente da APPI/APLB-Sindicato, Delegacia Sindical Costa do Cacau, Enilda Mendonça, informou que a data base da categoria é janeiro de 2014 e pauta da campanha salarial, aprovada por unanimidade pelos trabalhadores em educação, foi protocolada na Prefeitura de Ilhéus em dezembro do ano passado, mas até o momento o governo municipal não assinou o acordo. Enilda Mendonça informou que os trabalhadores estão tentando de todas as formas negociar com o governo municipal para que a lei seja cumprida e seja assim garantido o reajuste dos servidores e o pagamento do piso nacional dos professores.

 O mais grave, segundo Enilda Mendonça, e que a proposta apresentada de maneira informal pelo governo municipal, é a mesma do ao passado, de reduzir a carga horária e consequentemente os salários dos trabalhadores. Na assembleia da categoria, os trabalhadores consideraram a proposta do governo como imoral, desrespeitosa e perversa. Ainda na assembléia foram discutidos, além da Campanha Salarial 2014, outros importantes assuntos de interesse da categoria, como a ação que garantiu o pagamento do piso nacional dos professores, pagamento de algumas ações de 42%, a ação de revisão salarial dos servidores e o pagamento do salário do mês de dezembro de 2012.

Portos públicos baianos têm o melhor trimestre da história


Porto do Malhado /Ilhéus registrou recorde de movimentação de carga
Porto do Malhado /Ilhéus registrou recorde de movimentação de carga, alcançando no trimestre 28 mil toneladas, superando o resultado no mesmo período de 2013.

Pelo terceiro mês consecutivo, os portos públicos baianos, Salvador, Aratu-Candeias e Ilhéus registraram recordes de movimentação de carga, alcançando 990 mil toneladas, fechando o trimestre com um total de 2,8 milhões de toneladas, o melhor desempenho no período em toda a história. Responsável pela administração dos portos, o presidente da Companhia das Docas do Estado da Bahia (Codeba), José Muniz Rebouças considera que os números que vêm sendo alcançados são indicadores otimistas em relação ao desempenho do Complexo Portuário Baiano para 2014.

“A combinação de investimentos públicos e uma política comercial agressiva estão influenciando nos resultados positivos do nosso complexo portuário, com repetidas quebras de recordes, o que nos deixa otimistas em relação ao desempenho este ano”, ressaltou.

De fato, o crescimento da movimentação de cargas nos Portos Baianos vem se firmando desde 2013. No ano passado, os portos públicos somados aos seis terminais privados movimentaram 36 milhões de toneladas, reafirmando a Bahia entre os estados de maior atuação no setor em todo o país e o primeiro do Nordeste. Em 2014, as 2,8 milhões de toneladas alcançadas nos três primeiros meses, segundo o presidente da Codeba, “mantém, no mínimo, a mesma tendência do ano anterior”.

(mais…)

Fugitivo de delegacia é recapturado em Ipiau


Robson Lino dos Santos
Robson Lino dos Santos

Robson Lino dos Santos, de 34 anos, que em 2011 fugiu da carceragem da Delegacia Territorial (DT) de Itagibá, depois de serrar as grades da cela, foi recapturado, na quarta-feira (8), por investigadores daquela unidade policial, na cidade vizinha de Ipiau. Ele cumpria pena pelo assassinato de Valnei Mendes de Jesus, cometido em dezembro de 2010, depois de uma briga.

Os investigadores receberam uma denúncia anônima, informando que Robson Lino estava escondido numa contrução, em Ipiau. Depois de conduzido à DT/Itagibá, ele foi interrogado pela delegada Grazziele Quaresma Pereira, e disse que, após a fuga, ficou morando em São Paulo até retornar à Bahia, no final de março. Ele ficará custodiado naquela unidade, à disposição da Justiça.

Prefeitos baianos aderem à paralisação nacional nesta sexta com ato na sede da UPB


As prefeituras de todo Brasil fecham as portas nesta sexta-feira (11/4) para denunciar a atual situação de crise financeira das administrações municipais. O movimento municipalista programou para o mesmo dia atos nas capitais com a presença de parlamentares. Em Salvador, a diretoria da União dos Municípios da Bahia (UPB) vai reunir prefeitos, deputados e senadores para discutir as principais reivindicações dos gestores. Durante esse encontro, os prefeitos devem questionar os parlamentares sobre o posicionamento deles em relação a propostas em tramitação no Congresso Nacional e na Assembleia Legislativa de interesse dos municípios.

Neste dia será ponto facultativo nas prefeituras, entretanto, os serviços essenciais como escolas e  hospitais devem funcionar normalmente.

Deputados aprovam projeto que libera comercialização de inibidores de apetite


conheca_os_pros_os_contras_dos_inibidores_apetiteA Câmara dos Deputados aprovou hoje (8) Projeto de Decreto Legislativo  1.123/13, que susta decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) que proibiu, em 2011, a produção e a comercialização de remédios inibidores de apetite. A Resolução 52/11 proíbe a venda dos inibidores de apetite anfepramona, femproporex e mazindol e cria restrições severas à sibutramina. O texto segue agora para o Senado.

A proibição atinge diversos medicamentos usados no tratamento da obesidade. Ao proibir o uso dos medicamentos, a Anvisa argumentou que não foram apresentados estudos clínicos que comprovassem a sua eficácia .

A votação dividiu o plenário. A maioria dos partidos liberou a bancada para a votação. O deputado Henrique Fontana (PT-RS), médico de formação, se posicionou contra a aprovação da proposta. Para Fontana, o Parlamento não tem condições técnicas para tomar tal decisão. “O Parlamento brasileiro agora vai começar a proibir ou autorizar os uso de medicamentos?”, questionou Fontana. “É óbvio que todos nós queremos que os obesos tenham o tratamento qualificado, mas será que o Parlamento tem condição de fazer este tipo de análise técnica?”.

O autor da proposta, Beto Albuquerque (PSB-RS), que é advogado, argumentou que a medida causou insatisfação entre a classe médica, constituindo-se em um retrocesso ao tratamento dos obesos no país. “Tiraram a caneta do médico para definir o tipo de tratamento adequado e defendeu a aprovação. A sustação [da resolução] que estamos fazendo aqui é temporária e vai obrigar a um debate técnico sobre a questão”, disse.

Informações da Agência Brasil