Pedro Tavares volta a criticar preços de passagens aéreas para Ilhéus


Deputado Pedro Tavares.

O deputado estadual Pedro Tavares (DEM), presidente da Comissão de Infraestrutura, Desenvolvimento Econômico e Turismo da Assembleia Legislativa da Bahia, disse hoje que os valores das passagens aéreas para Ilhéus são um verdadeiro assalto ao bolso dos consumidores. Tavares frisou que vai continuar levantando a voz contra os preços dos bilhetes, fator que tem prejudicado o turismo de Ilhéus e região, já que os custos afastam os visitantes.

O parlamentar relatou que que viajaria com destino a Ilhéus entre hoje (18/10) e amanhã (19/10), mas desistiu diante do valor cobrado para o trecho. “Como pode o consumidor pagar R$3 mil de ida e volta no trecho Salvador- Ilhéus, o mesmo valor para Miami(EUA)? Isso é um escárnio, um absurdo contra o consumidor”, condenou.

Segundo Tavares, é preciso que haja alternativas contra esse problema que já se tornou crônico. O deputado lembrou a audiência pública que foi realizada na Assembleia Legislativa da Bahia com o intuito de debater a questão. “Infelizmente a situação permanece, o que pode impactar no turismo e na economia da cidade e de toda a região. Essa preocupação aumenta com a chegada do verão. Mas nós não descansaremos na denúncia e cobrança por soluções”, afirmou.

Começam inscrições do processo seletivo para professor na rede estadual de ensino


Já estão abertas as inscrições do processo seletivo sob o Regime de Direito Administrativo da Bahia (Reda) para professores da rede estadual de ensino. São ofertadas 2.491 vagas para a função temporária de Professor Padrão P – Grau III, com carga horária 20 horas semanais. As vagas são direcionadas para todo o Estado e englobam os municípios componentes dos 27 Núcleos Territoriais de Educação (NTEs). Os candidatos devem ter formação de nível superior em Licenciatura Plena. As inscrições serão realizadas até o dia 4 de novembro, exclusivamente pela Internet.

“O processo seletivo consiste em vagas reais para atender os locais onde estão vencendo o Reda vigente e ou não houve aprovados no último concurso”, destacou a superintendente de Recursos Humanos da Educação, Maria do Rosário Muricy.

O Processo Seletivo será realizado em uma única etapa, no dia 8 de dezembro, com aplicação de provas objetivas, de caráter eliminatória e classificatória. Os locais e horários das aplicações das provas serão divulgados no Cartão de Identificação do Candidato, que será disponibilizado no site até o dia 4 de dezembro.

O prazo de validade do Processo Seletivo Simplificado será de um ano, a contar da data da publicação da homologação, podendo antes de esgotado este prazo, ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério da administração, por ato expresso do Secretário da Educação do Estado da Bahia.

Mais informações podem ser encontradas no Portal da Educação.

Trinta e sete quilos de drogas são apreendidos em Itabuna


Foto: Divulgação.

Vinte e sete quilos de maconha, oito quilos de cocaína e 500 gramas de crack foram apreendidos com a traficante Vitor Almeida da Silva, de 36 anos, na quinta-feira (17), em Itabuna, por uma equipe da 6ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), daquela cidade.

A droga estava na casa de Vitor, localizada no bairro Castália. Com o traficante, os policiais também apreenderam o veículo Ford KA Sedan, de cor prata, roubado na BR 101, altura do município de Ibirapitanga, no dia 1° de outubro.

Os entorpecentes e o carro foram encaminhados à perícia, no Departamento de Polícia Técnica (DPT). Vitor foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e receptação e está à disposição da Justiça. Ele passará por audiência de custódia.

Estudantes participam de aulão do Programa Universidade para Todos neste sábado (19) na UESC


Foto: Ilustrativa /Josenildo Almeida.

Na contagem regressiva para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), que serão realizadas nos dias 3 e 10 de novembro, estudantes da região Sul do Estado participam, neste sábado (19), a partir das 8h, do aulão do programa Universidade para Todos, na Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), na rodovia Ilhéus-Itabuna. O UPT é promovido pela Secretaria da Educação do Estado (SEC) em parceria com as quatro universidades estaduais (UESC, UNEB, UEFS e UESB), com o objetivo de fortalecer a política de acesso à Educação Superior.

Além de estudantes de Itabuna e Ilhéus, o aulão do UPT na UESC, vai reunir estudantes do programa de Gandu, Camacã, Uruçuca, Coaraci, Itacaré e Almadina. Para este sábado, as revisões serão focadas nas disciplinas de Química e Física.

Sobre o UPT – Em 2019, foram disponibilizadas 11.505 vagas do programa. São 202 locais de funcionamento, distribuídos em 143 municípios do Estado da Bahia. No caso da UESC, o programa ofertou 550 vagas, com implantação em 11 municípios e 12 locais de funcionamento distribuídos nos Territórios de Identidade do Baixo Sul e do Litoral Sul. O curso pré-vestibular é presencial, com carga horária de 20 horas semanais e aulas das disciplinas Português, Redação, Matemática, Física, Química, Biologia, Literatura, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), História e Geografia. Os aulões são mais uma ação pedagógico para potencializar este processo de ensino e aprendizagem.

Maior edifício residencial da zona norte de Ilhéus será inaugurado nesta sexta-feira


North Boulevard, na zona norte de Ilhéus.

A Cicon Construtora inaugura, nesta sexta-feira, 18 de outubro, o maior edifício residencial da zona norte de Ilhéus, o North Boulevard, um empreendimento composto por 124 apartamentos, de dois e três quartos, localizado no bairro Jardim Savoia, que deve impulsionar a expansão urbana naquela região. O projeto arquitetônico está assinado por Mariana Chalhoub e Alessandra Holtz e o prédio, cuja construção foi iniciada em 2015, tem no seu entorno uma importante reserva natural da Mata Atlântica e fica distante apenas seis minutos do centro da cidade.

Assim como ocorreu no bairro Cidade Nova, na zona central, e na zona sul de Ilhéus, onde há expressiva presença de empreendimentos da Cicon na configuração urbana, o edifício agora concluído também vai estimular as potencialidades da zona norte da cidade. Do North Boulevard, o morador poderá apreciar belas e surpreendentes vistas panorâmicas de Ilhéus.

Ilhéus: Moradores de prédio tomado por rachaduras relatam medo


Matéria da TV Santa Cruz.

Moradores de condomínio em Ilhéus estão preocupados com rachaduras nos apartamentos. Imagem TV Santa Cruz.

Moradores de um prédio em um condomínio residencial de Ilhéus, na região sul da Bahia, que está tomado por rachaduras, estão com medo da estrutura desabar e, por conta disso, dizem dormir com as portas de casa entreabertas, para facilitar a fuga em caso de qualquer intercorrência.

Os moradores ainda utilizam esparadrapo para medir o avanço das fendas nas paredes, como forma de acompanhar a evolução do problema, e acionaram a Justiça, há três anos, por conta da situação, mas nada ainda foi resolvido.

O prédio fica bloco 1 no condomínio São Jorge, localizado na zona sul da cidade. Os moradores dizem que a preocupação aumentou ainda mais depois que ficaram sabendo da tragédia ocorrida em Fortaleza, onde um prédio residencial de sete andares desabou — até a tarde desta quinta, cinco mortes tinham sido confirmadas.

O condomínio de Ilhéus tem 13 blocos e foi erguido há cerca de 10 anos, como parte de um programa de arrendamento residencial financiado pela Caixa Econômica Federal.

Os moradores do prédio com rachaduras, que tem 16 apartamentos, dizem que os problemas começaram a aparecer há cinco anos. As rachaduras podem ser vistas já do lado de fora do prédio. Dentro de muitos apartamentos, algumas rachaduras tomam toda a parede, do chão até o teto.

Há três meses, os moradores colocaram um esparadrapo em uma das rachaduras para medir se a fenda iria avançar. Perceberam que o problema só aumenta, já que o esparadrapo hoje está quase rompendo, já que a distância entre uma extremidade e outra da parede aumentou. Em outra rachadura, é possível até ver o feixe de luz no outro lado da parede.

Proprietário de um dos apartamentos, o administrador Emerson Araújo diz que está pensando em se mudar e viver de aluguel por causa do medo.

“Quando começa a chover eu já levanto assustado, pensando que é alguma coisa. Deixo a porta só no trinco, porque, se for o caso de a gente sair de uma forma rápida, eu já estou com a porta semiaberta para poder sair o mais rápido possível. Estou pensando em me mudar porque não aguento mais viver com medo”, destaca.

Outra moradora do prédio, a professora Margareth Souza diz que até no chão do apartamento tem rachadura. Ela conta que está com medo de acontecer o mesmo que houve no Ceará.

“Minha mãe me ligou e pediu para eu ver a reportagem, que dizia que quando aparecesse rachaduras assim que o certo seria que os moradores saíssem. Eu disse a ela que é preciso ter calma e estou esperando a situação ser resolvida. Mas dá medo porque quando a gente vai pro lado de fora, a gente vê que a rachadura está bem maior e tem aumentado. A gente já acionou a Justiça, a gente paga o condomínio, paga a Caixa. Então, precisamos de uma reposta mais rápido”, destaca.

Quando a administração do condomínio levou o caso à Justiça, teve ganho de causa e foi determinado que a Caixa e a construtora Módulo tomassem providências, mas os moradores dizem que ainda aguardam solução.

A construtora Módulo disse que, assim como a Caixa, já apresentou defesa sobre o processo do condomínio e que aguardam decisão da Justiça. Disse ainda que um perito da Caixa esteve no local e, no laudo, consta que a responsabilidade pelas rachaduras é dos moradores, porque eles teriam quebrado uma parede que não poderia ser quebrada para a instalação de um ar-condicionado.

A construtora ainda afirmou que um perito da Justiça foi nomeado para realizar uma nova perícia no local, mas ainda não há data marcada para isso.

Clique aqui para ver a Matéria da TV Santa Cruz na íntegra.

Sábado será “Dia D” de vacinação contra o sarampo


Imagem ilustrativa.

Neste sábado (19), será realizado em todo o país o “Dia D de Vacinação contra o Sarampo”. A data é uma mobilização para estimular pessoas a se imunizarem contra a doença, cujos casos vêm crescendo no país nos últimos meses. Postos de saúde estarão abertos para receber os interessados em se proteger contra o sarampo ou que não tenham tomado todas as doses.

O “Dia D” faz parte da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo, lançada no dia 7 de outubro pelo Ministério da Saúde, em parceria com secretarias estaduais e municipais.

A mobilização nacional de amanhã integra a primeira fase da campanha, até 25 de outubro, voltada a crianças com idade entre seis meses e 4 anos. Os bebês de até um ano apresentam coeficiente de incidência da doença de 92,3 a cada 100 mil habitantes, 12 vezes maior do que as demais faixas.

Na segunda etapa, programada para o período entre 18 e 30 de novembro, o foco será em pessoas de 20 a 29 anos. Essa faixa inclui a maioria do número de casos confirmados da doença, com 1.694, embora com coeficiente menor (13,2 casos a cada 100 mil habitantes) devido ao número de brasileiros nessa faixa de idade.

Devem ser vacinados os bebês de seis meses a 1 ano, que tomarão a chamada “dose 0”. As crianças de 1 a 5 anos devem receber duas doses, uma aos 12 meses e outra aos 15 meses. Em caso de aplicação de apenas uma das doses, é preciso se dirigir aos postos para realizar o complemento da segunda.

O objetivo é vacinar 39 milhões de pessoas ao longo da campanha, cerca de 20% dos brasileiros. Foram disponibilizadas neste ano 60,2 milhões de doses da tríplice viral, que imuniza contra sarampo, caxumba e rubéola. Para o próximo ano, o ministério anunciou a aquisição de mais 65,2 milhões de doses. O público-alvo será ampliado, abrangendo também as faixas de 50 a 59 anos.

Casos

Segundo o último boletim epidemiológico do Ministério da Saúde sobre Sarampo, de janeiro até outubro deste ano já haviam sido confirmados 6.640 casos e seis mortes. No período de 7 de julho a 29 de setembro, foram registrados 5.404 casos confirmados, enquanto 22.564 ainda estão em investigação. Outras 7.554 suspeitas foram descartadas. O período concentrou 81% dos casos confirmados neste ano.

Esses episódios ocorreram em 19 unidades da Federação, sendo a quase totalidade em São Paulo, com 5.228 casos (96,74%), em 173 cidades, principalmente na região metropolitana da capital paulista. Em seguida vêm o Paraná (39 casos, em 10 cidades), o Rio de Janeiro (28, em 9 municípios), Minas Gerais (25, em 8 localidades) e Pernambuco (24, em 8 cidades).

Como os registros estão em municípios específicos, quem quiser mais informações deve buscar a Secretaria de Saúde do estado para saber se a sua cidade está entre os locais de ocorrência da doença. Entre as mortes, cinco foram em São Paulo e uma em Pernambuco.

Sarampo

Causado por vírus, o sarampo é uma doença infecciosa grave, que pode levar à morte. A transmissão ocorre por via aérea, ou seja, quando a pessoa infectada tosse, fala ou respira próximo de outras pessoas.

Mesmo quando o paciente não morre, há possibilidade de a infecção ocasionar sequelas irreversíveis. Quando a doença ocorre na infância, o doente pode desenvolver pneumonia, encefalite aguda e otite média aguda, que pode gerar perda auditiva permanente.

Os sintomas do sarampo são febre acompanhada de tosse, irritação nos olhos, coriza (nariz escorrendo ou entupido) e mal-estar intenso. Quando o quadro completa de três a cinco dias, podem aparecer manchas vermelhas no rosto e atrás das orelhas.

A prevenção ao sarampo, feita por meio da vacinação, é fundamental, já que não há tratamento para a doença. O tipo de vacina varia conforme a idade da pessoa e a situação epidemiológica da região onde vive, ou seja, é necessário levar em conta a incidência da doença no local. Quando há um surto, por exemplo, a dose aplicada pode ser do tipo dupla viral, que protege contra sarampo e rubéola.

Existem ainda as variedades tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola) e tetra viral (sarampo, caxumba, rubéola e varicela, mais conhecida como catapora). As vacinas estão disponíveis em unidades públicas e privadas de vacinação. Segundo o Ministério da Saúde, o Sistema Único de Saúde (SUS) oferece doses gratuitamente em mais de 36 mil salas de vacinação, localizadas em postos de saúde de todo o Brasil.

O governo brasileiro recomenda que pessoas na faixa de 12 meses a 29 anos de idade recebam duas doses da vacina. Para a população com idade entre 30 a 49 anos, a indicação é de uma dose.

Recentemente, o Brasil perdeu o certificado de eliminação da doença. Na semana passada, passaram a apresentar semelhante condição quatro países da Europa: o Reino Unido, a Grécia, República Tcheca e Albânia. De acordo com o ministério, no primeiro semestre deste ano, o Cazaquistão, a Geórgia, Rússia e Ucrânia concentraram 78% dos casos registrados na Europa.