Marinha abre concurso com 405 vagas e salário inicial de R$ 9 mil


A Marinha do Brasil abriu um novo processo seletivo para o Serviço Militar Voluntário (SMV) de oficiais temporários, de ensino superior, com 405 vagas por todo o país. As inscrições podem ser feitas no site da Seleção do Pessoal da Marinha até o dia 4 de novembro. São oferecidas 20 vagas para o 2º Distrito Naval (Bahia-Espírito Santo e Alagoas-Sergipe). A taxa de inscrição é de R$ 120.

Para participar, é preciso ter mais de 18 anos e ser brasileiro nato. O vínculo entre os militares temporários e a Marinha pode ser renovado uma vez por ano, podendo chegar ao máximo de oito anos, sem chance de estabilidade depois do período.

Os rendimentos iniciais são do posto de Guarda-Marinha, com valor total de R$9.021,07, sendo R$6.993 de soldo, R$1.118,88 de adicional habilitação (16% do soldo) e R$909,09 de adicional militar (13% do soldo). Após seis meses, o militar ocupará o posto de Segundo-Tenente, com rendimentos de R$9.662,10, sendo R$7.490 de soldo, R$1.198,40 de adicional habilitação (16%) e R$973,40 de adicional militar (13%).

Depois do segundo cargo, será promovido a Primeiro-Tenente, com rendimentos de R$10.636,05, sendo R$8.245 de soldo, R$1.319,20 de adicional habilitação e R$1.071,85 de adicional militar. Caso permaneça na instituição, no sétimo ano de serviço, ocupará o posto de Capitão-Tenente, com rendimentos de R$11.778, já contando com adicional habilitação (R$1.460,96) e adicional militar (R$1.187,03).

PROVA

O processo seletivo será feito por provas objetivas, previstas para 9 de fevereiro. Estão previstas 50 questões, distribuídas por Língua Portuguesa (25) e Formação Militar-Naval (25). Para médicos, são 25 questões de Conhecimentos Específicos ao invés de Formação Militar-Naval. A bibliografia está indicada em apêndice do Aviso de Convocação. Além disso, ainda há Eventos Complementares, compostos por outras etapas.

SERVIÇO:
Links dos Distritos Navais: site da Marinha
Inscrições: até 4 de novembro
Taxa: R$127
Informações: seleção do Pessoal da Marinha

Rui Costa vai à ANP em busca de medida para exploração de campos em terra de petróleo


O governador da Bahia, Rui Costa, no posto de presidente do Consórcio do Nordeste, busca solução com a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) para a continuidade de exploração de campos terrestres de petróleo visto os anúncios da Petrobras de desinvestimentos. Nesta quinta-feira (24), em Brasília, ele esteve com o diretor geral da ANP, Décio Oddone, acompanhado do governador da Paraíba, João Azevedo, e da vice-governadora do Piauí, Regina Sousa. O secretário executivo do Consórcio Nordeste, Carlos Gabas, também participou do encontro.

“Viemos conversar sobre novos investimentos, novos leilões e eventualmente alienações de áreas produtivas para que se gere emprego e renda nos estados do Nordeste”, disse Rui Costa ao expor a preocupação dos demais governadores com a atitude adotada pela Petrobras. Ele destacou que os nove estados estão em busca de parceiros e soluções que permitam a continuidade da exploração desses campos, seja no licenciamento, no anúncio de disponibilidade para investidores internacionais, e outras medidas. O diretor geral da Agência classificou a iniciativa dos governadores como positiva e quer esta integração.

Vazamento de óleo

Os governadores também pediram ajuda da ANP com orientação de técnicos especializados para o trabalho de proteção e contenção das áreas mais sensíveis atingidas pelo vazamento de óleo em todo o litoral do Nordeste. “Não dá para ficarmos só retirando óleo da área, sem limpar corais, manguezais. E estamos angustiados sem ter respostas”, afirmou Rui.

Para o governador João Azevedo, se o governo brasileiro não tem tecnologia para responder ao vazamento, “está na hora de pedir ajuda internacional”. Já a vice-governadora expôs a preocupação com a área econômica, que “já está amplamente afetada”.

Os governos dos nove estados nordestinos vão se reunir no início de novembro em Pernambuco com o objetivo de compartilhar e somar esforços frente aos prejuízos que o derramamento de óleo está ocasionando, todas as secretarias estaduais de Meio Ambiente devem participar dessa agenda.

Paulo Azi diz que foi fracassada a tentativa de Rui Costa se colocar como um nome nacional


Entrevista do governador na Globo News “foi mais comentada do que a vitória do Flamengo”, ironiza o deputado.

O deputado federal Paulo Azi, presidente do Democratas na Bahia, fez duras críticas a uma série de declarações feitas ontem à noite pelo governador Rui Costa, durante entrevista à Globo News.

Segundo Azi, “o governador não perde a mania de transferir para o governo federal responsabilidades que são do estado”. O deputado cita como exemplo a demora de reação do governo do estado em relação ao vazamento de óleo em praias do Nordeste e questiona o que teria impedido o governador de colocar barreiras de contenção nos manguezais e estuários baianos, se ele teve tanto tempo para isso. “Nosso estado foi o último a ser atingido e o governo teve tempo de realizar esse tipo de ação”, aponta o deputado.

Outro assunto abordado durante a entrevista que, segundo Azi, causou perplexidade foi referente ao fato de a Bahia ter sido classificada em último lugar no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB).

“Em resposta à jornalista Ana Flor, que pediu explicações, Rui Costa disse que irá resolver a vexatória situação da educação baiana, contratando 10 mil monitores pagando uma bolsa auxílio de R$200. Ou seja: pelo andar da carruagem, a Bahia continuará em último lugar nos índices do IDEB”, prevê Azi.

“É inconcebível também que um governador de estado possa se vangloriar publicamente por não conceder reajuste salarial ao servidor público há mais de cinco anos”, frisou Azi. “E ainda disse que enfrentou uma greve de professores universitários por 90 dias e que não concederia reajuste a esses professores porque o salário deles está entre os três maiores do Brasil. Podemos perguntar a qualquer professor da Uneb se isso é verdade e eles certamente vão desmentir o governador”, garante o deputado.

“Nunca antes na história de nosso estado vimos um governador mentir com tamanha desfaçatez. Rui chegou a dizer que nunca foi contra a reforma da Previdência, certamente querendo agora colher os dividendos de uma reforma realizada sem um único voto do PT, que, até prova em contrário, é o partido do governador”, observou ainda Azi. “Essa entrevista do governador com certeza foi mais comentada do que a vitória do Flamengo”.

Entrevista: “Fiz a mesma coisa, dei um monte de pauladas nelas”, confessa homicida que matou duas mulheres em Ilhéus


Lucas Xavier confessou que matou Débora e Jamile depois desentendimentos por causa de programa sexual. Foto divulgação Polícia Civil.

O programa Tropa de Elite, dos radialistas Marinho Santos e Robertinho Scarpita, entrevistou Lucas Xavier do Rosário, 27 anos, homicida que confessou as mortes de Débora Bispo Correia e Jamile dos Reis Gomes.

Inicialmente, Lucas Xavier negou a autoria da morte de Jamile, assumindo apenas a autoria do assassinato de Débora. Nesta terça-feira (22), ele acabou confessando o duplo homicídio.

Jamile e Débora foram encontradas no intervalo de uma semana, mortas na praia do Malhado, com sinais de violência na cabeça, e sem as partes dos biquínis.

Lucas Xavier confessou que contratou um programa sexual com a vítima Débora por R$ 10,00, mas não tinha dinheiro, gerando descontentamento e uma discussão. Em posse de um pedaço de pau, desferiu golpes na cabeça da vítima, que não resistiu às lesões, vindo a óbito.

Já Jamile, o mesmo falou que deu R$ 50,00 para ela comprar droga, e depois quis manter relação sexual, mas estava sem dinheiro para pagar o programa, e “acabou dando pauladas nela”.

Confira o áudio com a entrevista :

Governo e instituições definem estratégias para prevenção do óleo no litoral Sul


O prefeito Mário Alexandre recebeu na tarde de quarta-feira (23), representantes de órgãos, secretarias municipais, entidades e organizações para definir as estratégias referentes à eventual chegada das manchas de óleo na costa de Ilhéus. O planejamento faz parte de uma série de ações vinculadas à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente e Urbanismo (Semde).

Mário Alexandre destacou a importância das ações conjuntas realizadas, em especial entre o Município, Marinha e Corpo de Bombeiros.

“Ilhéus demonstra que possui união e preparo de pessoal. Somos referência na área preventiva e na capacitação dos voluntários. Não mediremos esforços dentro dessa coordenação. Já solicitei os Equipamentos de Proteção Individual para os nossos voluntários, e posso assegurar que estamos trabalhando diuturnamente, atentos e unidos em prol da prevenção da nossa costa”.

Segundo o comandante Giovani Andrade, delegado da Capitania dos Portos em Ilhéus, a Marinha do Brasil está vigilante e o trabalho desenvolvido é atuante e permanente.

“Algumas imagens que circulam trazem um alarde desnecessário à população. Porém o mais importante é não permitir que isso afete nosso trabalho. Essa reunião demonstra mais uma vez a responsabilidade dos órgãos envolvidos. Se óleo chegar à nossa costa estaremos capacitados para realizar a limpeza e o descarte adequado desse material”, afirmou.

Para Jerbson Moraes, titular da Semde, a reunião evidencia o comprometimento do Município frente a possíveis eventualidades. “Estamos preparados e atualizamos o prefeito sobre todas as ações desenvolvidas até o momento. Essa fase é de articulação para que consigamos os EPIs necessários. O trabalho é contínuo”, frisou.

Participaram da reunião, os secretários municipais, Fábio Manzi Junior (Cultura e Turismo); Rubenilton Silva (Desenvolvimento Social); superintendente do Meio Ambiente e Urbanismo, Joélia Sampaio; tenente-coronel Ednei Factum, comandante do 5º GBM de Ilhéus; Inema; Ibama; Companhia Independente de Polícia de Proteção Ambiental (CIPPA); Instituto Nossa Ilhéus (INI) e Grupo de Amigos da Praia (GAP).

Etapa regional da Conferência de Ciência, Tecnologia e Inovação, em Ilhéus, será terça-feira (29)


Ilhéus vai receber terça-feira (29), uma etapa das Conferências Macroterritoriais de Ciência, Tecnologia e Inovação. Por iniciativa do Governo do Estado, através da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), os encontros regionais, que acontecem em onze cidades baianas, até o dia 31 de outubro, servem para entender as demandas nos macroterritórios de identidade, bem como eleger os 20 delegados de cada região para a IV Conferência de CT&I, marcada para os dias 5 e 6 de dezembro, em Salvador.

O principal objetivo dos encontros é elaborar a nova política estadual do setor. A Conferência Macroterritorial de Ciência, Tecnologia e Inovação, em Ilhéus, será realizada na Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), no auditório Jorge Amado, aberto ao publico.

Os interessados podem se inscrever por meio de formulário de inscrição disponível no site http://www.secti.ba.gov.br/. De acordo com a secretária de Ciência, Tecnologia e Inovação, Adélia Pinheiro, a necessidade da Conferência surge do impacto das mudanças tecnológicas que fazem parte da contemporaneidade. “A Conferência acontece em um momento de novo paradigma com a reestruturação das relações produtivas, tanto no âmbito do crescimento econômico como de vida social”, disse.

Os municípios de Feira de Santana, Ilhéus, Eunápolis, Vitória da Conquista, Seabra, Irecê, Barreiras, Juazeiro, Senhor do Bonfim, Salvador e Serrinha recebem as Conferências Regionais, a fim de eleger 20 delegados para cada macroterritório, através de grupos formados por 4 integrantes que ficarão responsáveis por apresentar as demandas de cada região, representando os segmentos empresarial, Institutos de Ciência e Tecnologia, (universidades, centros de pesquisa), poder público, sociedade civil organizada e entidades de representação setorial, como, por exemplo, Fieb, Sebrae, Ibametro, dentre outros.

Entre os temas que serão discutidos estão: integração do ecossistema estadual de CT&I; temas estratégicos para pesquisas cientificas e tecnológicas; infraestrutura de CT&I; formação de pessoal para a sociedade 5.0; inovação tecnológica; financiamento de CT&I; tecnologias sociais para o desenvolvimento sustentável; e difusão de conhecimento e popularização da ciência.Mais informações e submissão de inscrições podem ser feitas clicando neste link: http://bit.ly/2p2kCxH.

Prefeito de Ilhéus prestigia eventos da saúde, educação e ação social


Um dia intenso. Assim resumiu sua quarta-feira (23), o prefeito Mário Alexandre. A agenda de trabalho, recheada de eventos nas áreas da saúde, educação e ação social, começou logo cedo, quando o gestor participou, ao lado das servidoras da Secretaria Municipal de Serviços Urbano (Secsurb), de encontro no Teatro Municipal de Ilhéus, em alusão ao Outubro Rosa, mês de prevenção do câncer de mama.

Do teatro, Mário Alexandre seguiu com seu secretariado para o Centro de Convenções Luís Eduardo Magalhães. No local, o prefeito se encontrou com a comitiva do Governo do Estado e percorreu as estruturas conferindo as instalações da Feira Cidadã e seus últimos detalhes. A feira levará consultas médicas, exames gratuitos e ações de cidadania para os moradores de Ilhéus, no dia 24 de outubro.

Mais tarde, o prefeito chegou ao bairro Teotônio Vilela, na zona oeste da cidade e foi recebido por moradores. Visitou as ruas que passam por obras de melhorias e pavimentação. Atento, Mário Alexandre ouviu reivindicações, anseios e necessidades da população. Esteve ainda no CRAS, para acompanhar a distribuição de cestas básicas para 70 famílias em situação de vulnerabilidade.

Ainda no bairro, o prefeito conferiu as melhorias realizadas na ladeira de acesso ao Residencial Vilela e novamente conversou com moradores. Na sua avaliação, as ações promovidas pelo Governo Municipal atendem as demandas do povo. Para ele, saúde, infraestrutura e educação são agendas prioritárias em sua gestão.

Após uma manhã de atividades, o gestor chegou na Escola Heitor Dias para participar de um almoço oferecido pelos professores em comemoração ao Dia do Professor, comemorados no dia 15 de outubro. Destacou os avanços garantidos em seu governo e lembrou que a estrutura da unidade escolar passará em breve por uma reforma.

Já no Centro Administrativo, bairro da Conquista, o prefeito se reuniu com um Comitê formado por autoridades, cientistas, ONGs para planejar as ações de prevenção da possível chegada de manchas de óleo na costa ilheense. Para esta ação, se unirão Prefeitura, Marinha, 5º Grupamento de Bombeiros Militar e a Companhia das Docas do Estado da Bahia (Codeba).

Para fechar o dia de trabalho, Mário Alexandre recebeu, em seu gabinete, associações de Skatistas, de Futevôlei e empresários ilheenses. Assinou a ordem de serviço para recuperação da pista de skate, quadras de basquete e futevôlei, localizadas na Avenida Soares Lopes. Serão mobilizados cerca de R$200 mil reais em parceria com a empresa Aero Shake.

Lu Cerqueija intensifica visitas aos bairros de Ilhéus


Lu Cerqueira vem visitando os bairros de Ilhéus e ouvindo a comunidade.

A advogada Lu Cerqueira, pré-candidata a prefeita de Ilhéus, intensificou as visitas aos bairros de Ilhéus, ouvindo a população. Na última semana, o bairro Teotônio Vilela, e o condomínio Sol e Mar, receberam a caravana que além de Lu Cerqueija, conta com lideranças que a apoiam.

Segundo Cerqueira, as visitas fazem parte do planejamento de sua futura campanha, e serve para ouvir a população e detectar as deficiências mais urgentes de locais, para desenvolvimento de seu programa de governo.

“Os impostos continuam sendo pagos e as verbas também continuam sendo enviadas, mas as necessidades mais simples, como: Saúde, Segurança e Educação não são atendidas de forma ética, na realidade do povo ilheense”, salienta Lu Cerqueira ao Blog Agravo.

A advogada lembra que já moveu vários processos judiais solicitando melhorias em muitas comunidades de Ilhéus, lembrando Agravo de Instrumento- impetrado pelos moradores por intermédio de Lu Cerqueira, que suspendeu a decisão que determinava a desocupação das 272 residências populares do Programa Habitar Brasil, no bairro Teotônio Vilela, em Ilhéus.

Justiça determina desbloqueio de contas e reabertura de sedes da Aspra


Alvos de operação do MP, sedes da Aspra na Bahia foram interditadas após determinação da Justiça na manhã desta quarta-feira (16) — Foto: Alberto Maraux/SSP.

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) determinou o desbloqueio e a reabertura de todas as sedes da Associação dos Policiais e Bombeiros Militares e seus Familiares (Aspra) na Bahia. A decisão foi divulgada na quarta-feira (23).

A associação estava fechada desde a semana passada, após uma operação do Ministério Público estadual (MP-BA). Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o grupo era investigado por incitar movimento paredista [movimento grevista que não identifica líder], afrontando Constituição Federal e causando “grave risco à segurança pública e à coletividade”.

Na decisão, o desembargador Roberto Maynard Frank concluiu que não existe, no processo, provas que liguem os ataques de vandalismo, durante o movimento reivindicatório, aos diretores da Aspra e deputado soldado Prisco.

Por conta da decisão, além do desbloqueio das contas e da reabertura das sedes, a Justiça determinou a restituição de todos os valores pecuniários apreendidos nas sedes matriz (Salvador) e regionais da entidade, e a devolução de documentos e equipamentos, no prazo de 24 horas.

O MP-BA informou que vai recorrer da decisão.

SESI Ilhéus confirma apoio ao Mutirão do Diabetes de Itabuna


A ONG Unidos pelo Diabetes definiu mais um importante apoio ao Mutirão do Diabetes de Itabuna, que acontece no próximo dia 23 de novembro. O SESI Ilhéus participará pelo segundo ano do mutirão, considerado o principal evento de prevenção e tratamento da doença em todo o país.

A renovação da parceria aconteceu durante encontro com as presença do Dr. Rafael Andrade, presidente da ONG Unidos pelo Diabetes e superintendente médico do Hospital de Olhos Beira Rio, a superintendente administrativa do HOBR, Rose Cordeiro, e o gerente da Unidade Sul do SESI, Alexandre Régis da Cunha e Ana Dantas, da equipe de comunicação da SESI.

Durante o mutirão, o SESI disponibilizará uma Unidade Móvel com atendimento à população, equipe de pessoal nas ações educativas na praça Rio Cachoeira/Cidade do Diabetes, e envolvimento de estudantes com atividades voltadas para a área de saúde.

Para o Dr. Rafael Andrade, o “SESI tem um papel importante no mutirão, que é justamente contribuir com as ações de orientação e prevenção, com o envolvimento de professores e estudantes. E essa participação de instituições de toda a região que contribui para ampliar o alcance de um projeto que beneficia milhares de pessoas”.

O gerente da Unidade Sul do SESI, Alexandre Régis Cunha destaca que “nossos serviços nas áreas de saúde e educação tem principal objetivo atender a região. É muito gratificante contribuir para a prevenção de uma doença que afeta uma parcela considerável da população, permitindo o acesso a informações que melhoram a qualidade de vida”.