Dois PMs morrem de Covid-19 após ficarem internados em hospital de Ilhéus


Uma policial militar morreu de Covid-19, na tarde desta sexta-feira (24), após ficar internada desde o início da semana na UTI do Hospital de Ilhéus, cidade no sul da Bahia.

De acordo com a Polícia Militar, Rachel Maria da Silva Neta era lotada no 2º Batalhão de Ensino, Instrução e Capacitação (BEIC) e tinha mais de 20 anos trabalhando na PM. A profissional deixou esposo e dois filhos.

Um outro policial militar, de 35 anos, morreu pela Covid-19 na noite de quinta-feira (23), após ficar internado por 15 dias, também no Hospital de Ilhéus. Segundo a PM, Marcos dos Santos Góis era lotado na 70ª CIPM e integrava a equipe há 9 anos. Ele deixou esposa e duas filhas.

As corporações de cada unidade dos profissionais emitiram notas de pesar lamentando a morte dos policiais militares.

Informações do G1/Bahia.

Prefeitura de Ilhéus libera acesso às praias, mas atividades em grupo continuam suspensas


Praia do Norte, Costa do Cacau, Ilhéus. Foto Jamesson Araújo/Blog Agravo.

 

O prefeito Mário Alexandre publicou na última terça-feira (21) decreto que autoriza o acesso às praias em Ilhéus, contudo, mantém vedada a prática de atividades físicas em grupo e demais atividades que acarretem aglomeração. As praias estão liberadas para banho, desde que as pessoas respeitem as regras de distanciamento social, utilizem máscara de proteção e sigam as demais medidas de prevenção contra o novo coronavírus.

Mário Alexandre ressaltou que os jogos de futevôlei e as famosas peladas continuam proibidos. “Pedimos que as pessoas não saiam em grupo. É importante manter a responsabilidade. O cidadão precisa ter consciência de que atitudes corretas também são eficazes para controlar a proliferação da doença”.

Segundo informa Anderson Gusmão, chefe de divisão de Salva-Vidas, as equipes atuam diariamente na faixa litorânea de norte a sul, das 10h às 16h, com o objetivo de reforçar as normas de acesso, monitorar e orientar os banhistas. Os postos estão localizados nas seguintes praias: Mamoã; Joia do Atlântico; São Domingos; Norte I; Passarela; Avenida; Concha; Vietnã; Jardim Atlântico; Guarany; Soro Caseiro; Gabriela; Vó Eró; Palmito; Cururupe; Batuba e Cai n’água.

Mesmo após a liberação do acesso, equipes do setor de Fiscalização de Postura e efetivo da Guarda Civil Municipal (GCM), com apoio da Polícia Militar continuarão reforçando as ações de fiscalização para assegurar o cumprimento do decreto municipal.

Inscrições do CRAS Music Festival encerram nesta sexta-feira (24)


Quem ainda não se inscreveu na Segunda Edição do Cras Music Festival tem até essa sexta-feira, dia 24, às 23h59, para fazer a inscrição. Para participar, basta acessar o site www.crasmusicfestival.com.br

Podem se inscrever jovens a partir de 12 anos e adultos referenciados nos (CRAS) Norte, Sul, Oeste, Vilela e Olivença. Os interessados devem ter inscrição no Cadastro Único e renda per capita de até um salário mínimo.

Totalmente gratuito, o Cras Music Festival é uma iniciativa da Prefeitura de Ilhéus por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS) e dos Centro de Referência de Assistência Social (CRAS). O projeto, tem como principal objetivo valorizar a cultura local, incentivar às potencialidades artísticas, a interação social e a convivência comunitária.

Serão selecionadas 20 inscrições que passarão por uma audição e os dois melhores de cada Cras disputarão a grande final, no dia 07 de agosto, através de uma live, às 16 horas. O evento será transmitido pelas plataformas do Youtube, nos canais da Prefeitura de Ilhéus e da Rede portal, e, também, no Facebook, na fan page da Prefeitura de Ilhéus. Não perca!

“Mesmo diante da pandemia mundial da COVID 19, mantemos os projetos em andamento. O Cras Music Festival incentiva a cultura e a valorização dos artistas anônimos locais, levando esperança e alegria para as famílias ilheenses através da música”, ressalta o prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre.

Serão avaliados, pelos jurados, os itens: Letra de música, para a música de autoria do artista; Presença de palco; Harmonia; Afinação; Melhor intérprete masculino e feminino; Melhor Show; Melhor letra; Melhor música; Música e letra inédita.

Premiações – Um teclado para o 1º lugar; Uma guitarra para o 2º lugar e um violão para o 3º lugar.

Bahia: Naipes de Ouros e Paus são atualizados no Baralho do Crime


Imagem divulgação SSP/Bahia.

 

O Baralho do Crime da Secretaria da Segurança Pública (SSP) recebeu seis novos procurados pela Justiça, nesta sexta-feira (24). Nesta atualização, os alvos estão foragidos pelos crimes de homicídio e tráfico de drogas.

O ‘Ás de Ouros’ passa a apresentar a foto de Wesley da Silva Lima. Ele é investigado por praticar homicídio no município de Juazeiro, distante 507 quilômetros da capital baiana.

Atuante em Salvador, Jaime Silva de Jesus o “Bruxo” ou “Pitbull”, indiciado por tráfico de drogas, agora é o novo ‘Valete de Ouros’.

Já a carta ‘Nove de Ouros’ passa a ser ocupada por Tiago da Cruz, apelidado de ‘Tiago Babao’. Procurado por homicídio, ele tem como área de atuação a localidade conhecida como Planeta dos Macacos, no bairro de São Cristóvão, em Salvador.

Foragido do Sistema Prisional, Alan Santos Fonseca, o “Junior Pial” ou “JP”, passa a integrar a ferramenta como ‘Ás de Paus’. Ele é investigado por tráfico de drogas e atuante nos bairros de Águas Claras e Valéria, situados em Salvador, além de Nazaré e Maragogipe, cidades do Recôncavo Baiano. Alan estava custodiado no Conjunto Penal de Lauro de Freitas e no dia 20 de abril de 2020 foi beneficiado com saída temporária, mas não retornou.

Regivaldo Vasconcelos do Nascimento, o “Boneco”, ilustra a carta ‘Dama de Paus’. Ele tem mandado de prisão por homicídio e age na capital baiana. Estava custodiado no Presídio de Salvador e no dia 8 de outubro do ano passado foi beneficiado com relaxamento de prisão pela 15ª Vara Crime e continua cometendo ações ilícitas.

De Várzea da Roça, município baiano, Lucas Aquino da Silva, o “Aquino” é procurado por crime contra a vida. Aquino passa a representar a carta ‘Seis de Paus’, fechando a lista de mudanças.

Fonte: Ascom/ Suzy Santos.

Anvisa proíbe venda sem receita de cloroquina e ivermectina


Regras que proíbem a venda sem receita em farmácias de medicamentos como cloroquina, hidroxicloroquina, nitazoxanida e ivermectina foram publicadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). As orientações estão na Resolução da Diretoria Colegiada (RDC) 405/2020, publicada ontem no Diário Oficial da União . De acordo com a agência, a lista poderá ser revista a qualquer momento para a inclusão de novos medicamentos, caso seja necessário.

Ainda segundo a Anvisa, o objetivo da norma é impedir a compra indiscriminada de medicamentos que têm sido amplamente divulgados como potencialmente benéficos no combate à infecção pelo novo coronavírus, embora ainda não existam estudos conclusivos sobre o uso desses fármacos para o tratamento da doença.  A medida visa também manter os estoques destinados aos pacientes que já têm indicação médica para uso desses produtos, uma vez que os medicamentos que constam na resolução também são usados no tratamento de outras doenças, como a malária (cloroquina e hidroxicloroquina); artrite reumatoide, lúpus e outras (hidroxicloroquina); doenças parasitárias (nitazoxanida) e tratamento de infecções parasitárias (ivermectina).

Compra

A compra desses produtos em farmácias e drogarias será permitida apenas mediante apresentação da receita médica em duas vias. Cada receita terá validade de 30 dias, a partir da data de emissão, e poderá ser utilizada somente uma vez. A resolução será revogada automaticamente a partir do reconhecimento, pelo Ministério da Saúde, de que não mais se configura a situação de Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional.

Farmácias e drogarias

Conforme previsto na resolução, todos os medicamentos que contenham as substâncias listadas na norma estão sujeitos aos procedimentos de escrituração no Sistema Nacional de Gerenciamento de Produtos Controlados (SNGPC). A escrituração dos medicamentos à base de hidroxicloroquina, cloroquina e nitazoxanida já era obrigatória desde a inclusão dessas substâncias nas listas de controle da Portaria 344/1998. Para os medicamentos à base de ivermectina, a entrada de medicamentos já existentes em estoque nas farmácias e drogarias antes da resolução não necessita ser transmitida ao SNGPC.

Informações Agência Brasil.

Bolsonaro é o favorito da corrida eleitoral em 2022, diz pesquisa


O presidente Jair Bolsonaro.

 

Mesmo em meio a uma tempestade política e à frente de um país dividido, o presidente Jair Bolsonaro, segue firme à reeleição, forte e inabalável.

Segundo levantamento exclusivo realizado pelo instituto Paraná Pesquisas entre os dias 18 e 21 de julho, e divulgada nesta sexta-feira pela Revista Veja.

Bolsonaro lidera todos os cenários de primeiro turno — com porcentuais que vão de 27,5% a 30,7% — e derrotaria os seis potenciais adversários em um segundo round da corrida ao Planalto em 2022: o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o ex-­prefeito Fernando Haddad (PT), o ex-­governador Ciro Gomes (PDT), o ex-­ministro Sergio Moro, o governador paulista João Doria (PSDB) e o apresentador Luciano Huck. Um feito impressionante, considerando-se que, segundo a mesma pesquisa, 48,1% dos brasileiros desaprovam a sua gestão (eram 51,7% no fim de abril) e 38% consideram ruim ou péssimo o seu trabalho (eram 39,4%).

 

Leia a matéria completa, com outros cenários, na Revista Veja clicando aqui.

Coaraci: Elaboração de Plano de Governo de Kadu vai ter participação pela internet


Pré-candidato a prefeito de Coaraci,Kadu Castro.

 

“Nossa Coaraci”, esse é o nome escolhido por Kadu Castro (PSD) para o Plano de Governo Participativo – PGP. A elaboração do projeto será feita com inclusão de ideias, sugestões e projetos para melhoria da cidade que deverão ser feitas pela internet.

Segundo Kadu Castro, a ideia é durante as próximas semanas lançar enquetes com temas pontuais como Educação, Saúde, Esporte, Bem Estar Social e outras áreas para que a comunidade coaraciense decida sobre novos projetos.

“Nossa intenção inicial já era ter esse espaço na internet para buscar novos projetos. Coaraci tem um potencial muito grande e temos que acolher as sugestões, principalmente dos jovens universitários”, concluiu Kadu.

Prefeito de Ilhéus vistoria reforma do IME e da Escola Heitor Dias


O prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, acompanhado dos secretários Átila Docio (Infraestrutura e Defesa Civil) e Eliane Oliveira (Educação, Esporte e Lazer), vistoriou nesta quinta-feira (23) o andamento das obras do Instituto Municipal de Ensino (IME) Eusínio Lavigne e da Escola Municipal Heitor Dias. As unidades estão passando por requalificação na estrutura física, elétrica e hidráulica. De acordo com o prefeito, a reforma atende mais uma demanda da rede de ensino, que atualmente possui 21.600 estudantes matriculados.

“Mesmo com a pandemia, estamos trabalhando para que os nossos alunos possam encontrar o IME completamente restaurado, um espaço digno de atendimento onde eles se sintam mais felizes para estudar. Vamos colocar mais salas e mais divisórias, já que nos últimos três anos a nossa rede foi ampliada. Atrair crianças e jovens para a educação é uma das nossas prioridades. Passo a passo estamos vencendo, com vitórias importantes e na educação não poderia ser diferente. Estou extremamente feliz. Sentimento de dever cumprido”, frisou o prefeito.

Com 80% da obra executada, a Escola Heitor Dias deve ser entregue em agosto. Segundo Átila Docio, o trabalho realizado compreende recuperação do telhado, dos caixões de portas e esquadrias, instalação do novo sistema de captação de água e de novo quadro elétrico, com requalificação da iluminação, novo jogo de tomadas e serviços de pintura e emassamento. O IME, por sua vez, está com 78% de conclusão. O serviço executado contempla a recuperação geral do telhado, instalação de piso de alta resistência nos corredores e de novo quadro elétrico, com iluminação externa e pintura em toda estrutura do prédio.

Docio destacou que será instalado ar-condicionado em todas as salas, que agora possuem cabeamento estruturado para suportar a carga do equipamento. Antes da revitalização, as unidades escolares não possuíam instalação elétrica apropriada para implantar o sistema de refrigeração.

Informações da Secom Ilhéus.

Poluição de plástico em oceanos pode triplicar até 2040, alerta estudo


Photo by Martine Perret.

 

A quantidade de resíduo plástico fluindo para os oceanos e matando a vida marinha pode triplicar nos próximos 20 anos, a menos que empresas e governos consigam diminuir drasticamente a poluição provocada pelo produto, mostrou estudo publicado nessa quinta-feira (23).

O consumo de plástico descartável aumentou durante a pandemia do novo coronavírus, de acordo com a organização não governamental (ONG) Associação Internacional de Resíduos Sólidos. Máscaras e luvas de látex estão indo parar em praias remotas da Ásia todos os dias. Aterros sanitários de todo o mundo estão recebendo quantidades recordes de embalagens de comida e de outros tipos de produtos entregues em domicílio.

A nova pesquisa, produzida por cientistas e especialistas da indústria para o The Pew Charitable Trusts e a Systemiq, oferece soluções que poderiam cortar em mais de 80% o volume projetado de plástico nos oceanos.

O roteiro para conter a crise desenfreada de resíduo plástico lançado nos oceanos é um dos mais detalhados já apresentados em estudo. No entanto, se nenhuma ação for tomada, a quantidade de plástico seguindo para os mares a cada ano aumentará de 11 milhões de toneladas para 29 milhões, deixando um acúmulo de 600 milhões de toneladas à deriva nos oceanos até 2040 – peso equivalente a 3  milhões de baleias-azuis, segundo o estudo publicado no periódico científico Science.

“A poluição plástica é algo que afeta a todos. Não é algo do tipo ‘o problema é seu, não meu’. Não é problema de um país. É problema de todos”, disse Winnie Lau, gerente-sênior do Pew e coautora do estudo. “Vai piorar se não fizermos nada”.

A quantidade de resíduo plástico produzido anualmente vem aumentando rapidamente desde 1950. Em 2017, ela estava em 348 milhões de toneladas, e deve voltar a dobrar até 2040, estima o documento.

Informações da Agência Brasil.