Setembro amarelo: Vereador Pastor Matos reforça importância do mês de prevenção ao suicídio


Vereador Pastor Matos.

 

Na sessão da quarta-feira (9), o vereador e presidente da Comissão de Direitos Humanos, Pastor Matos (PSD), fez uso do tempo regimental para chamar a atenção da sociedade para a campanha nacional de prevenção ao suicídio.

Oficialmente, o dia 10 de setembro é marcado como o Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio, mas as campanhas acontecem durante todo o ano, com maior ênfase no mês de setembro.

Na oportunidade, o parlamentar ressaltou a importância das atividades de conscientização em favor da vida. “O suicídio é um mal que surge sorrateiramente, geralmente ligado a sentimentos de culpa, remorso, depressão”, explicou o edil. “Muitas vezes, tem alguém do nosso lado precisando de ajuda e não percebemos, daí a necessidade de buscarmos conhecimento sobre o tema”.

Sinais como o isolamento, mudanças de hábitos, descuido com aparência, piora do desempenho na escola ou no trabalho, frases como “preferia estar morto” ou “quero desaparecer” podem indicar necessidade de ajuda.

De acordo com dados divulgados pela Organização Mundial da Saúde (OMS), em setembro de 2019, a cada 40 segundos uma pessoa se suicida no mundo. Mais de 800 mil pessoas acabam com a própria vida ao ano. No Brasil, foram registrados 13.467 casos de suicídio, dos quais 10.203 foram cometidos por homens.

Ilhéus: Um dos quatro feridos em ataque a tiros é marido da secretária de Educação


Dinheiro, droga e arma apreendida com suspeito de participar do tiroteio em Ilhéus. Foto divulgação PM.

 

Uma das quatro pessoas feridas durante ataque a tiros ocorrido na tarde de sexta-feira (11), foi o marido da secretária de Educação da cidade, Eliane Oliveira. O caso ocorreu na Avenida Lindolfo Collor, bairro do Malhado, zona norte de Ilhéus.

Segundo ela, José Emílio Martins da Silva, de 62 anos, foi atingido no braço e nas costas e levado para o Hospital Regional Costa do Cacau. A secretária contou que o marido passou por cirurgia e está internado na UTI da unidade. Ela ainda disse que José Emílio, que é comerciante, mora perto do local e estava voltando do supermercado para casa, quando foi atingido.

A Polícia Militar informou que na noite de sexta (11), após o ataque, policiais foram recebidos a tiros no Alto dos Coqueiros. No confronto, um homem identificado como Douglas foi atingido e não resistiu. A PM acredita ele esteja envolvido no ataque a tiros.

O casos ocorreu foi no final da tarde de sexta. As primeiras informações são de que um homem chegou atirando e três homens e uma mulher foram atingidos.

Além do marido da secretária de Educação, foram baleados Alexsandro Ramos dos Santos, de 37 anos, que levou um tiro no peito; Claudia do Espírito Santo Gomes, 27, atingida nas pernas; e Paulo Henrique Xavier Ribeiro, 26, também atingido na perna.

Claudia e Paulo foram socorridos por equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), enquanto Alexsandro foi socorrido por conhecidos dele.

Informações preliminares apontam que todos foram levados para o Hospital Regional Costa do Cacau, mas não há detalhes sobre o estado de saúde deles.

De acordo com informações levantadas na delegacia da cidade, diligências já estão sendo realizadas para identificar outros autores dos disparos, e se uma das vítimas era realmente o alvo do ataque.

Informações do G1/Bahia.

Governo nomeia aprovados no concurso para auditor fiscal


Imagem Ilustrativa.

 

O Governo do Estado nomeia neste sábado (12) 25 candidatos convocados em março deste ano, aprovados no concurso público para auditor fiscal do Estado. O decreto de nomeação, publicado no Diário Oficial do Estado (DOE), está disponível no Portal do Servidor (www.portaldoservidor.ba.gov.br). As nomeações incluem dez candidatos para a área de Administração, Finanças e Controle Interno; sete candidatos para o setor de Tecnologia da Informação; e outros oito candidatos, para Administração Tributária.

O certame, promovido pelas secretarias da Administração (Saeb) e da Fazenda (Sefaz-BA), foi lançado em fevereiro de 2019, com oferta de 60 vagas, sob organização da Fundação Carlos Chagas (FCC). O resultado final e a homologação do certame foram divulgados no dia 17 de dezembro do mesmo ano. O concurso público tem validade de um ano, podendo ser renovado por igual período.