Ilhéus: Polícia Civil desmantela esquema de adulteração de garrafões de água mineral


Imagem divulgação Polícia Civil.

Nesta terça-feira (16), um esquema clandestino de adulteração de garrafões de água mineral foi desmantelado pela Polícia Civil, na zona sul de Ilhéus.

Policiais Civis deflagraram a Operação H2O onde cumpriram mandados de Busca e Apreensão, determinados pela 2ª Vara Crime da Comarca de Ilhéus, em uma revendedora de água mineral no bairro da Barreira.

Na operação a dona do estabelecimento, com as iniciais do nome M.A.D.S.S. , 46 anos, foi presa e interrogada, dando a informação que tinha como fornecedor Antônio do Cururupe, sem dar muitos detalhes.

Imagem divulgação Polícia Civil.

Durante a investigação, os policiais chegaram a comprar o produto falsificado para confronto com o produto original da indústria, e apresentou o Relatório Laboratorial que demonstrava a presença de clostridium e coliformes. A polícia também obteve prova testemunhal que a investigada já vinha ofertando a outros comerciantes, água falsificada (rótulos e lacres em desacordo) por preço bem inferior ao praticado pela empresa a comerciantes.

Segundo a polícia, foram apreendidos 62 vasilhames de água mineral 20 litros, exibindo a marca Águas do Porto, com indícios de sinais de falsificação da logomarca (nome exibido em formato quadrado ao invés de formato oval); lacre da tampa não personalizado e sem impressão da data envasamento e lote; e selo da Sefaz sem holograma.

De acordo com o coordenador da 7ª Coorpin/Ilhéus, delegado Evy Paternostro, havia sinais de falsificação na logomarca do produto. “Também observamos o lacre da tampa não personalizado e faltava a impressão da data de envasamento e lote, além do selo da Secretaria da Fazenda (Sefaz) não apresentar holograma”, acrescentou.

A prisão foi comunicada à Justiça Criminal pelas infrações previstas no Art. 272º § 1º do Código Penal e Art. 1, inciso III da lei Nº 8.137/1990. A investigada aguarda Audiência de Custódia.

Com 15 mil casos ativos de Covid-19 na Bahia, governador decreta toque de recolher no estado


Após reunião do governador com prefeitos no final da tarde desta terça-feira (16), ficou definido que haverá toque de recolher na Bahia.

A partir desta sexta-feira (19), ficará restrita a circulação de pessoas nas ruas e o funcionamento de serviços não essenciais após as 22 horas e até as 5 horas da manhã em grande parte da Bahia, exceto nas regiões oeste, de Irecê e Jacobina, que apresentam os três menores índices de ocupação de leitos de UTI para Covid-19. O anúncio foi feito pelo governador Rui Costa, nesta terça-feira (16), em mais uma reunião com membros da União dos Municípios da Bahia (UPB), prefeitos e técnicos das secretarias da Educação e da Saúde.

“O decreto que será publicado nesta quarta-feira (17) irá valer por sete dias e proíbe atividades comerciais não essenciais. É uma medida que precisamos tomar para conter as taxas de contágios e o número de casos ativos que hoje ultrapassam 15 mil. É uma forma de conter o avanço desse número alarmante que, se continuar crescendo, irá levar ao total colapso do sistema de saúde”, declarou o governador.

Rui afirmou ainda que para a volta às aulas, três critérios precisam ser obedecidos, a redução do número de casos ativos, do número de óbitos e das taxas de ocupação de leitos. “Definimos que esses critérios são os requisitos mínimos necessários para que possamos ter um retorno sem colocar em risco a vida de nossos professores, pais, alunos e todos os seus familiares”, concluiu.

A declaração do governador seguiu uma apresentação de técnicos da Sesab mostrando que a Bahia alcançou uma taxa de 74% de ocupação dos leitos de UTI dedicados para atender pacientes com casos mais graves de Covid-19.

“Os dados indicam um risco real de colapso do sistema de saúde e consequente aumento na mortalidade. Nesse momento, apenas medidas de distanciamento social mais severas minimizarão as altas taxas de transmissão do vírus”, afirmou o secretário da saúde, Fábio Vilas Boas.

Vídeo:

Repórter: Tácio Santos

 

Para conter avanço do Covid, Rui avalia toque de recolher em toda a Bahia

Ilhéus: Vereadores cobram resposta para desaparecimento de Carol há um ano


A militante social Caroline Fernandes Miron está desaparecida há um ano em Ilhéus. Apesar das investigações, a polícia ainda não conseguiu concluir o inquérito que investiga o caso. O desaparecimento da jovem foi lembrado na sessão ordinária desta terça-feira (16) na Câmara Municipal de Ilhéus.

Membro da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher, professora Enilda Mendonça criticou a demora para a conclusão da investigação. “Não há resposta para a pergunta ´Onde está Carol´. Não é mais possível que tenhamos que conviver com o sumiço e com a morte de mulheres pelo simples fato de ser mulher e o homem não saber receber um ´não´”, lamentou.

A militante social Caroline Fernandes Miron está desaparecida há um ano em Ilhéus.

Presidente da Comissão das Mulheres, o vereador Kaíque Souza, defendeu uma visita às autoridades da 7ª. Corpin, no sentido de conhecer detalhes do andamento da investigação. O vereador Cláudio Magalhães, membro da Comissão dos Direitos Humanos, também cobrou respostas às autoridades da segurança pública da Bahia. O vereador Gurita lembrou que o desaparecimento em Ilhéus não é um caso isolado na Bahia.

Para além de Caroline Miron, uma outra menina também identificada como Carol – cujos familiares moram em Ilhéus -, desapareceu há meses no município de Ibirataia, sem que até hoje haja a solução para este caso. Gurita defendeu a realização de uma sessão especial com a presença de representações da Segurança Pública da Bahia para buscar esclarecimentos sobre estes dois casos.

Entenda o caso Carol

Ativista política e social, Caroline Miron está desaparecida desde o Carnaval de 2020. Ela foi vista pela última vez durante os festejos, no tradicional bloco “Muringuetes”, no bairro do Pontal. O namorado, identificado como Rafael, também está desaparecido. Ele é considerado peça-chave para a elucidação do caso. Carol tem duas filhas.

Secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas Boas, testa positivo para Covid-19


Secretário Fábio Vilas Boas.

O secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas Boas, testou positivo para Covid-19 nesta terça-feira (18). A informação foi divulgada pelo próprio secretário através de suas redes sociais.

O resultado foi confirmado nesta terça-feira (16), tanto pelo exame RT-PCR, que é o padrão ouro para a detecção do vírus, quanto por antígeno.

“Permanecerei em isolamento, em casa, cumprindo agenda virtual de trabalho. Estou bem, com sintomas leves, com medicamentos sintomáticos. Essa doença é muito séria!”, afirma Vilas-Boas.

Para conter avanço do Covid, Rui avalia toque de recolher em toda a Bahia


O governador Rui Costa declarou hoje (16), em entrevista à TV Bahia, que não descarta a possibilidade de implementar medidas restritivas, como o toque de recolher, em todo o estado, com o objetivo de conter o avanço do coronavírus.

Segundo Rui, o decreto de toque de recolher teria o objetivo de “evitar o pior”, como a falta de leitos de UTI. O governador ainda disse entender que a medida é impopular, porém necessária.

“Nós vamos sim adotar medidas restritivas para outras atividades. Inclusive, analiso a possibilidade de, se mantiver ao longo desta semana estas mesmas taxas, nós implementarmos o toque de recolher em todo o estado da Bahia para evitar o pior: cenas de homens e mulheres, idosos, jovens e adultos, clamando por um leito hospitalar sem ter para salvar a vida das pessoas. Essa imagem não queremos e eu não vou ficar passivo, mesmo que contrariando a opinião de alguns”, afirmou.

Vídeo:

Nova liderança do Bolsonarismo no sul da Bahia já pensa na eleição 2022


Thiago Martins pode ser candidato a Deputado Estadual, com o apoio do bolsonarismo.

Desde a eleição do presidente Jair Bolsonaro, no sul da Bahia, diga-se Região Cacaueira, algumas figuras vem tentando alcançar o patamar de liderança, e abocanhar o eleitorado bolsonarista.

De Ilhéus e região, o nome do momento é de Thiago Martins, que vem se destacando nas redes sociais defendendo o presidente Bolsonaro, e realizando críticas ferrenhas ao governo da Bahia, que é administrado pelo PT.

Há duas semanas Thiago entrevistou o Felipe Belmonte, vice-presidente do Aliança pelo Brasil em seu Canal do Youtube chamado Gabinete de Comando, e na conversa eles debateram o crescimento do partido Aliança Pelo Brasil.

“O Aliança Pelo Brasil é a casa do patriota, o primeiro partido verdadeiramente conservador, fiel aos princípios do povo brasileiro, nós não teremos apenas filiados, nós somos uma família, nós seremos aliados, uma verdadeira tropa de patriotas” – disse Thiago.

Ao Blog Agravo, Thiago comentou alguns fatores que o levaram à linha de frente do bolsonarismo no sul da Bahia.

“Tudo o que nos foi prometido em campanha tem sido realizado; A infraestrutura do Brasil tem recebido os maiores aportes financeiros do governo federal, reconstruindo estradas, pontes, viadutos e portos. O Brasil tem crescido numa velocidade nunca antes vista. No ano de 2021 mais de 145 obras foram entregues em apenas um ano, sem contar as obras deixadas por governos passados. Chegamos a degustar de uma parceria com a maior potência mundial, os Estados Unidos. Tivemos redução de ministérios, todos os custos com governo federal foram reduzidos, redução de regalias para ministros e redução de salários”, explicou Martins.

Nos bastidores, corre a informação de que Thiago concorrerá pelo Aliança pelo Brasil em 2022, a uma cadeira na assembleia legislativa da Bahia.

Ilhéus: profissionais da saúde e indígenas recebem 2ª dose da vacina contra a Covid-19 nesta terça


A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) inicia nesta terça-feira (16) a aplicação da segunda dose da vacina contra a Covid-19 em profissionais da saúde que atuam na linha de frente do combate à pandemia e indígenas que receberam a primeira dose a partir do dia 19 de janeiro. A segunda dose do imunizante da CoronaVac será administrada de forma sequencial, no intervalo de até 28 dias entre as duas doses, conforme recomendação do fabricante.

A Sesau esclarece que é indispensável a apresentação do cartão de vacinação comprovando que a primeira dose já foi tomada. O cronograma de vacinação de idosos acamados e acima de 80 anos será divulgado nos próximos dias.

As doses do imunizante são reservadas exclusivamente para concluir o esquema vacinal de trabalhadores da saúde, população indígena e idosos, logo, ainda não há previsão para início do ciclo de vacinação de novos grupos.

Vídeo: ocupante de carro registra momento em que veículo é atingido por caminhão


O ocupante de um carro flagrou em vídeo o momento em que o veículo é atingido por um caminhão e sai da pista, na BR-110, trecho de Ribeira do Amparo. Apesar do susto, não houve feridos no acidente.

Era por volta das 12h30, quando uma equipe da PRF tomou conhecimento de um acidente de trânsito ocorrido na rodovia.

Prontamente, os policiais diligenciaram e chegando ao local, verificaram que o acidente envolvia um caminhão de carga e um veículo Hyundai Creta.

Após receber auxílio dos PRFs, o condutor do Creta relatou que transitava na rodovia com destino a cidade de Alagoinhas (BA), quando percebeu o motorista de um caminhão efetuar manobras perigosas na pista.

Ele disse ainda que o caminhoneiro praticamente ‘colou’ na traseira do automóvel, momento em que pediu ao seu filho, que estava como carona, para filmar as condutas imprudentes daquele motorista. Em seguida, o caminhoneiro ‘tomou’ a faixa contrária e intencionalmente colidiu na lateral do Creta. Com o impacto o carro foi ‘jogado’ para fora da pista de rolamento. Apesar do susto, ninguém se feriu.

O caminhoneiro fugiu do local sem prestar socorro, contudo uma guarnição da Polícia Militar (PM) foi acionada e conseguiu interceptar o caminhão cerca de 30 quilômetros depois, já na cidade de Cipó.

A PRF fez o teste do etilômetro no caminhoneiro, sendo registrado o valor de 0,36 mg de álcool por litro de ar alveolar. O resultado supera o limite que configura a conduta como crime.

O motorista do caminhão, um homem de 55 anos que reside em São José do Rio Preto (SP), foi preso por embriaguez ao volante e encaminhado à delegacia de Polícia Civil. Além de detenção por crime de trânsito, a multa por alcoolemia gera 7 pontos na CNH e custa R$ 2.934,70, valor que é duplicado em caso de reincidência. Ocorre ainda a penalidade administrativa que suspende ou proíbe o motorista de obter a habilitação ou permissão para dirigir veículo automotor por um período de 12 meses.

Vídeo:

Informações da PRF/Bahia.